A BNT prepara-se para ter um novo diretor-geral que pode pôr em causa as participações no Eurovision Song Contest 2018 e no Junior Eurovision Song Contest 2017.


A Bulgária poderá não marcar presença no Festival da Eurovisão 2018, que se realizará em Portugal. Apesar do país ter obtido os dois melhores resultados de sempre em 2016 e em 2017, a estação pública vai ter um novo diretor-geral e uma nova direção, que poderão decidir pela retirada do país do concurso europeu. A pré-inscrição na Eurovisão Júnior deste ano já foi retirada.

O anúncio foi feito pela própria BNT no Twitter. Na conta oficial do canal, BNT Eurovision, lê-se que "devido à eleição de um novo diretor-geral para a BNT e uma nova direção em agosto, a confirmação no JESC2017 foi retirada. O mesmo se aplica à Eurovisão. Os planos para uma participação serão estudados novamente pela nova direção".



Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: BNT Eurovision / Imagem e Vídeo: Eurovision.tv

12 comentário(s):

  1. Anónimo14:39

    Está tudo a nos boicotar? ;-(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo20:57

      Pode, pura e simplesmente, estar a suceder que o novo diretor se tenha apercebido duma difícil situação financeira da estação. Não se trata de boicotar a "edição portuguesa" do ESC; o "junior ESC" não se realiza cá e a nova direção já decidiu que a Bulgária não se fará representar. Note-se que em 2014 e 2015 não participaram no ESC, decerto sem intenção de boicote.

      Eliminar
    2. Anónimo22:39

      Mas que mentalidade errada. O ESC 2018 é apenas mais uma ediçao como as anteriores. La por ser em Portugal ninguem tem obrigaçao de participar. Portugal já falhou algumas ediçoes também

      Eliminar
  2. Anónimo17:46

    A Bulgária estava-se a tornar uma potencia no esc. Qual é a necessidade disto? Quem sabe se não estamos em Sofia daqui a uns poucos anos

    ResponderEliminar
  3. Anónimo21:17

    Isto ê natural quando há mudança de liderança. Eles não podem confirmar quando vai haver outra direcção. A seguir logo tudo tomará o seu curso natural.

    ResponderEliminar
  4. Quantos menos melhor. O festival da Eurovisão já se tornou enfadonho de tanta cantiga de cordel. Festival sem semifinais e uma final de 18 participantes seria suficiente. AS semifinais quase não as vejo e mesmo a final não a vejo na totalidade. Há momentos em que sou obrigado a mudar de canal porque há cantigas que são mesmo insuportáveis.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo22:42

      Isso é a tua opinião pois eu gosto de assistir aos 3 espetáculos

      Eliminar
    2. Anónimo12:43

      Isso é a tua opinião duvidosa pois toda a gente gosta de assistir aos 3 espetáculos

      Eliminar
  5. Anónimo22:40

    Lolololol

    ResponderEliminar
  6. Dizes que não queres ver semi-finais porque Portugal desta vez só vai atuar mesmo na final ahahaha Por um lado concordo contigo, poderiamos ter um programa em grande numa unica noite e a custar menos de 10M €, aí sim no Europarque. #ESCSaintMaryofFairy2018 :D (Atenção: esta mensagem contem sarcasmo)

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top