Quem sucederá a Måns Zelmerlöw & Petra Mede na apresentação do Festival Eurovisão em 2017? O ESCPORTUGAL recolheu 11 personalidades que poderão estar na mira da NTU para a apresentação do concurso! 

Enquanto uma parte dos eurofãs especula sobre a eventualidade da organização do Festival Eurovisão ser tomada por outro país, apesar das garantias da EBU/UER até ao momento de que tal não vai acontecer, outra grande parte dos aficionados eurovisivos espera, fervorosamente, sobre mais detalhes do evento. Uma das perguntas mais feitas é: quem sucederá a Måns Zelmerlöw & Petra Mede?

Até ao momento, a emissora NTU não revelou qualquer informação sobre a apresentação do evento. Será que Jamala se tornará a quinta vencedora a apresentar o evento enquanto vencedora em título? Ou será que a escolha recairá sobre Ani Lorak ou Zlata Ognevich, participantes eurovisivas que apresentaram a edição júnior? Ou a aposta recairá sobre Andrey Bednyakov ou Oleksandr Pedan, uns dos apresentadores mais conhecidos do país?

O ESCPORTUGAL pôs mãos à obra e recolheu algumas informações sobre 11 personalidades que poderão apresentar o Festival Eurovisão 2017. Conheça-os de seguida:

Andrey Bednyakov



Com 29 anos de idade, o ator e apresentador Andrey Bednyakov entrou no mercado de trabalho como eletricista. Contudo, conciliou o trabalho na fábrica com os estudos na Universidade de Kharkiv, tendo-se licenciado em Administração Interna. Entre 2011 e 2013, Andrey apresentou o Oryol i Reshka, programa de viagens que teve episódios em Lisboa, Açores e Madeira. Atualmente está responsável pela apresentação do I believe - I do not believe, programa de cultura geral, trabalhando também noutros projetos de televisão.


Andriy Mykhailovych Danylko/Verka Serduchka

Formado na Academia de Artes de Kiev, Andriy Danylko, ator de 43 anos de idade, tornou-se conhecido com a criação da personagem Verka Serduchka. A mulher de meia-idade, oriunda de uma família rural, apareceu pela primeira vez a 4 de janeiro de 1991, sendo o seu nome devido a um ex-colega de Andriy. Depois do sucesso na Europa de Leste, Verka representou a Ucrânia no Festival Eurovisão 2007, terminando em 2.º lugar na Grande Final apesar da polémica que causou no país, sendo que o assunto chegou mesmo a ser discutido no parlamento. Depois de ter desistido da final nacional ucraniana em 2011, a personagem voltou ao Festival Eurovisão em 2016, sendo a responsável pela apresentação dos votos da Ucrânia. A título pessoal, Andriy conta com um álbum editado em 2005, tendo também feito parte do painel de jurados da última edição da final nacional ucraniana.

Ani Lorak

Karolina Myroslavivna Kuiek, conhecida pelo nome artístico Ani Lorak, é uma das mais conhecidas cantoras da Ucrânia, sendo anda compositora, atriz, empresária e embaixadora da ONU. É considerada uma das mulheres mais bonitas da Europa de Leste, sendo também citada como uma das mais poderosas e influentes no país. Representou a Ucrânia no Festival Eurovisão 2008, terminando em segundo lugar, depois da tentativa falhada em 2005, tendo apresentado o Festival Eurovisão Júnior 2009, ao lado de Timur Miroshnychenko. Sem álbuns editados desde 2013, a cantora atravessa uma fase menos boa da carreira, depois de ter sido sucessivamente acusada de tomar posições pós-Rússia aquando da invasão da Crimeia.

Dmytro Tankovich


Licenciado em Economia pela Universidade Estatal da Bielorrússia, Dmytro é um dos mais carismáticos apresentadores ucranianos, responsável pela condução de programas como Masterchef, Dynasty Culinary e Dancing with the Stars. Nascido em Minks, a 9 de abril de 1977, o apresentador trabalha na estação privada ucraniana STB desde 2009, tendo sido a escolha para a apresentação da final nacional de 2016 que elegeu Jamala como representante do país em Estocolmo.

Jamala

Descente de pai tártaro e de mãe arménia, Susanna Jamaladinova nasceu em Osh, no Quirquistão. Gravou o primeiro tema aos 9 anos, tendo-se graduado na Academia Nacional de Música como cantora de ópera. O primeiro single foi lançado em 2010, sendo que, alguns meses depois, lançou Smile, tema com o qual concorreu à final nacional ucraniana em 2011, conquistando a terceira posição, apesar de ser a favorita à vitória. Nos anos seguintes, lançou mais dois álbuns de estúdio e vários singles, tendo-se destacado também no cinema ucraniano. Em 2016, venceu a final nacional da Ucrânia, tendo vencido também o Festival Eurovisão 2016 com o tema 1944. Jurada do programa The Voice Ukraine, a cantora também fará parte do júri da próxima edição da final nacional do país.


Maria Efrosinina

Formada em inglês e espanhol pela Universidade de Kiev, Maria Efrosinina, de 37 anos de idade, foi considerada a 77.ª mulher mais influente da Ucrânia pela revista Foco. Aos 19 anos, estreou-se na televisão ucraniana com a apresentação de Happy Bell, tendo apresentado recentemente o Fabrika Zirok, versão ucraniana de Academia de Estrelas. Casada com Timur Khromayev, filho do presidente da Liga de Basquetebol da Ucrânia Zurab Khromayev. Em 2005, em conjunto com Pavlo Shylko, apresentou a 50.ª edição do Festival Eurovisão, tendo sido também a escolhida para a apresentação do sorteio do Campeonato da Europa de 2012.


Oleksandr Pedan

Nascido em março de 1982, Olekasandr Pedan viveu em Khmelnitsky, tendo-se formado na Faculdade de Economia em Gestão e Direito. Com o sonho de ser ator, Oleksandr começou pela dança, tendo entrado num rancho folclórico aos 13 anos. Posteriormente, entrou em vários festivais internacionais de KVN, tendo-se tornado lider do Comedy Club na Ucrânia. Apresentou o programa 'Rise', sendo jurado do Sing if You Can, enquanto que, em 2011, teve o seu primeiro programa a solo, Intuiton. Em 2016, foi o escolhido pela emissora ucraniana para apresentar a final nacional do país para o Festival Eurovisão.

Tetiana Terekhova

Apresentadora da televisão ucraniana e comentadora das emissões eurovisivas desde 2011, Tetiana Terekhova tem sido apontada como uma das favoritas à apresentação do Festival Eurovisão 2017, tendo já manifestado publicamente este desejo (AQUI). Além dos comentários, a apresentadora tem aproveitado as oportunidades para gravar documentários sobre a competição, sendo considerada por muitos como a "voz eurovisiva da Ucrânia".

Timur Miroshnychenko

Originário de Kiev, Timur é um dos rostos ucranianos. mais conhecidos dos eurofãs. A sua carreira televisiva começou em 2005, tendo sido escolhido para a locução do Junior Eurovision Song Contest 2005, a primeira edição do concurso emitida na Ucrânia. Desde 2007 tem sido o responsável pelos comentários da transmissão do Festival Eurovisão, sucedendo a Pavlo Shylko, tendo apresentado as duas edições do Festival Eurovisão Júnior sediadas no país: em 2009 com Ani Lorak e em 2013 com Zlata Ognevich.

Vera Brezhneva
Com 34 anos de idade, Vera Brezhneva é uma conhecida cantora, apresentadora e atriz ucraniana. Nascida em Dnipro, a cantora deu os primeiros passos na música em 2002, quando foi convidada para integrar a banda Nu Virgos, a qual abandonou apenas em 2007. Posteriormente apresentou a versão russa do programa Power of 10, regressando, em 2008, à música com o lançamento de um novo álbum e de vários singles. Além da música e da apresentação, Vera tem se destacando no cinema de língua russa, trabalhando essencialmente em comédias românticas.

Zlata Ognevich


Filha de pai sérvio e de mãe italiana, Zlata Leonidivna Ognevich nasceu em 1986 em Murmansk, mas cresceu na cidade de Surak, no sul da Crimeia. Em 2010 estreou-se na final nacional ucraniana com Tiny Island, terminando na quinta posição, enquanto que, em 2011, ascendeu à segunda posição com The Kukushka, recusando, contudo, disputar a segunda edição da mesma devido à polémica com os votos. No ano seguinte, Zlata arrecada a vitória no evento com o tema Gravity, terminando a competição europeia em 3.º lugar com 214 pontos. Alguns meses depois, a cantora foi convidada para a apresentação do Junior Eurovision Song Contest 2013, ao lado de Timur Miroshnychenko, sendo a responsável pela apresentação dos votos ucranianos no Festival Eurovisão 2014. Entre outubro de 2014 e novembro de 2015, a cantora ocupou um lugar no parlamento ucraniano, eleita pelo Partido Radical, tendo marcado presença em 57% dos plenários realizados.

Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte/Imagem: ESCPORTUGAL / Vídeo: YOUTUBE

1 comentário(s):

  1. Anónimo14:31

    A produção ficará mais barata com o papel duplo de Andriy Mykhailovych Danylko/Verka Serduchka (leve 2 pague 1) :-) Mas agora a sério, a Ucrânia que decida, que conhece melhor o talento de cada um dos seus profissionais.

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top