A TVE anunciou hoje o método de seleção para a canção representante de Espanha no Festival Eurovisão da Canção 2017.


Espanha volta a organizar um "festival da canção" a exemplo do que aconteceu em 2016. A final nacional decorrerá em fevereiro, a decorrer em Madrid em data a revelar. "Objectivo Eurovisión", assim se chama o programa, terá uma mecânica diferente da edição passada: uma das canções será escolhida de entre as propostas que forem enviadas por artistas e compositores interessados, enquanto as demais canções serão apresentadas por equipas convidadas pela TVE. Será, pois, um mix de festival aberto e festival por convites. A TVE garante que os artistas convidados são todos profissionais da área da música.

Os interessados em participar no festival têm de enviar as suas propostas até 27 de novembro. De entre as canções submetidas, 30 serão escolhidas pela TVE e colocadas online no seu site. As 10 mais votadas pelo público serão, de novo, submetidas a um juri que votará nas três que considerarem melhores. No final, essas três canções estarão em disputa num programa transmitido online em janeiro para tentarem ganhar o bilhete dourado para a final nacional.

A TVE não anunciou o número de canções que estarão a concurso na final nacional, aguardando mais detalhes para breve. Certo é que, na final, a votação será determinada por televoto e júri.

O regulamento completo pode ser lido AQUI.

Estreante em 1961, Espanha participou initerruptamente no Festival Eurovisão contabilizando um total de 56 participações. Com duas vitórias no curriculum em 1968 e 1969, o país tem ficado de fora dos bons resultados nos últimos anos: a última presença no pódio aconteceu em 1995 (2.º) e, desde então, apenas conquistou sete presenças no top10. Em Estocolmo, Barei e Say Yay foram os representantes espanhóis tendo terminado a competição no 22.º posto da Grande Final, apesar de algum favoritismo inicial. Recorde, de seguida, a atuação:


Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: TVE / Imagem: GOOGLE /Vídeo: YOUTUBE

20 comentário(s):

  1. Anónimo12:18

    Como é tradição a RTP segue a TVE e dentro de dias vai revelar o seu regulamento, tem sido assim nos últimos 10 anos salvo raras excepções xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo14:04

      Ahahah tas a falar a sério? Curioso xD só faltava também então anuciarem os mesmos métodos q a espanha

      Eliminar
  2. Anónimo13:19

    tanto a rtp como a tve tem o mesmo problema, CONVITES!! mais do mesmo espanha... e a rtp tambem vai fazer a mesma coisa..

    ResponderEliminar
  3. Rui Ramos14:30

    Gosto deste método. So acho que 1 cancao do público entre umas 10 é pouco. Gosto tambem do convite a profissionais.

    ResponderEliminar
  4. Hm...Talvez venham a fazer um festival com duas cançoes,uma vinda do concurso aberto ao publico e outra por pessoal convidado,quem sabe? ,Talvez G:son para dar "variacion". :-))

    ResponderEliminar
  5. Anónimo17:43

    Podem comparar as emissoras...mas reparem nas músicas que Espanha levou desde 2012 para cá...foram sempre melhores que nós nos anos que participámos em simultâneo, quer no resultado, quer nas vozes. É que nem se compara os convites da TVE aos da RTP...é para rir xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito complicado comparar os resultados entre Espanha e Portugal,desde que Espanha tem lugar marcado nas Finais.Mesmo assim,em pontos brutos em 2015 Leonor Andrade ultrapassou os 15 pontos de Edurne,e quanto a vozes Leonor Andrade bate Edurne DE LONGE,ja para nao falar de carisma!!!

      Eliminar
  6. Atençao! Os 19 pontos de Leonor Andrade em 2015 foram obtidos com cerca de somente metade dos paises votantes que deram 15 pontos a Edurne!Tudo uma questao de gosto,mas para mim antes o FdC2015 do que o Festival espanhol de 2016,tanto a nivel de resultados,conteudo como de realizaçao.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo22:16

      Amigo mas não compares uma SEMI final com uma final , supostamente uma final tem lá os favoritos todos ao contrário das semis e isso muda muito a votação

      Eliminar
    2. 22:16 -Supostamente deveria ser como dizes,mas na realidade nao o e,a começar pelo facto de na Final estarem la,de lugar marcado os big5,dos quais geralmente 4 sao tudo menos favoritos.Matematicamente na Final ha mais ou menos o dobro de votos a distribuir,nao por 40 e tal mas por 26 paises.Facto!!

      Eliminar
    3. 22:16 -Tu baseias-te em factores subjectivos,enquanto eu baseio-me em factores objectivos.Alias este sistema de 2 semifinais,dependendo das cançoes em cada semi,frequentemente deixa fora da Final cançoes em principio melhores que algumas das finalistas,mas c`est la vie Lilly!

      Eliminar
    4. Anónimo01:36

      RG poupa-nos, numa semi final que tem músicas fracas, pelo menos algumas tem, 10 países são obrigatoriamente pontuados, mais difícil ser uma desses 10 países numa final com 26 países e estar entre os melhores. Se a Leonor na semi fez os pontos míseros que fez...imagina na final. Na RTP é mofo atrás de mofo, ao menos na TVE estão um pouco mais atuais e abertos a novas experiencias.

      Eliminar
    5. 01:36-Por mim tudo bem.Pontos de vista e bases logicas diferentes.Discordo na comparaçao entre RTP e TVE,mas so se trata do meu ponto de vista,pois eu considero mofo musical as cançoes de Pastora Soler e de Ruth Lorenzo.A de Barey era tortura sonora.Em Espanha sempre muita ragatanga hortaliceira!

      Eliminar
    6. 01:36 - Escreveste"...RG poupa-nos...".Pergunto quantos e que voces sao,ou quantas pessoas e que tu representas?Ou trata-se so dum modo de falar,sem correspondencia concreta,so para dar mais "peso"ao que escreves? :)

      Eliminar
    7. Anónimo15:54

      Visto que o 1º anónimo que te respondeu não sou eu, já somos pelo menos 2 a falar contigo e a discordar de ti. Portanto julgo que o "poupa-nos" fica bem ali. Quem me dera Portugal mandar ao Esc 2 mofos como a Espanha mandou em 2012 e 2014, 2 mofos belissimamente bem cantados e com uma atitude de encher o olho. 2 tops 10...nada mau para mofos.

      Eliminar
    8. 15:54 -Obrigado pela resposta.Como sempre,uma questao de atitude.Para mim,a ultima vez que Espanha enviou ao ESC algo de EXCELENTE e impactante,foi em 1990,"Bandido" pelas Azucar Moreno.Em 1996 o tema era bom,mas ao vivo o interprete foi um flop.Em 2004 tambem bastante aceitavel no todo.

      Eliminar
    9. Anónimo18:59

      Em 2004 aceitável? E ainda chamas mofo a 2012 e 2014, é com cada um.

      Eliminar
    10. Para mim Espanha 2012 e 2014 podiam perfeitamente enquadrar-se na tematica de baladas ESC da primeira metade dos anos 70 ate a primeira metade dos anos 80. Mofo.

      Eliminar
    11. Para mim,Espanha 2004 foi uma boa representante de rumba gitana,um genero musical de que continuo a gostar.Uma performance e encenaçao excelentes.Actualmente,talvez soe um tanto a pimbalhada,mas eu reporto-me sempre aos anos em questao,2004 nao e 2016.

      Eliminar
  7. Anónimo11:03

    Já estou a ver que vai ser o mesmo de sempre com a RTP - desilusão ;((

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top