A União Europeia de Radiodifusão (EBU/UER) prepara-se para o lançamento de um novo concurso do ano, Coro do Ano. Em caso de aprovação, a primeira edição será sediada na Letónia a 22 de julho de 2017.

Em parceria com a organização dos Choir Games Interkultur e com a emissora estatal letã, a União Europeia de Radiodifusão (EBU/UER) apresentou, esta tarde, um novo concurso anual. Intitulado Coro do Ano (na versão original: Choir of the Year), o concurso contará com oito a doze países participantes, sendo representados por um coro não profissional de qualquer género. O evento será integrado no European Choir Games 2017, acontecendo precisamente antes da cerimónia de encerramente

A primeira edição do concurso está agendada para 22 de julho de 2017, sendo realizada na Letónia. Contudo, nas próximas semanas, os membros associados da EBU/UER pronunciar-se-ão sobre o evento, sendo que a 1 de novembro, o organismo máximo do evento revelará se o mesmo se realizará.

Lembramos que, em caso de aprovação, o Choir of the Year é a primeira competição lançada pela União Europeia desde 2007, quando teve início o Eurovision Dance Contest, entretanto já extinto. O lançamento do concurso marca também o início da produção de eventos competitivos para coros, depois da transmissão do Europe Sings, evento não competitivo, em 2014.

Saiba mais detalhes AQUI.

Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte e Imagem: EBU/UER

11 comentário(s):

  1. Anónimo17:48

    Hum... Nada onteressante

    ResponderEliminar
  2. Anónimo18:35

    Bastante interessante! Quem sabe se o coro onde estou não participa por Portugal!.. ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo22:14

      Então tu e o teu grupo coral metam os olhos no grupo esloveno, Perpetuum Jazzile, se a Eslovénia participar esse coro tem fortes hipóteses de ir lá representar.

      Eliminar
    2. Anónimo23:59

      Mil vezes melhor que esses

      Eliminar
  3. Porque carga d`agua so 8 a 12 participantes?!?! Se for assim,mais vale reconsiderarem e desistirem.A iniciativa em si e muito interessante,mas com limitaçoes de participantes assim,nao obrigado!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo00:43

      Concordo plenamente. E como vao escolher os participantes se houver mais de 12 interessados? Sorteio? Batalhas? OS primeiros 12 a inscreverem se? NAo estou a ver uma boa opcao

      Eliminar
  4. Anónimo23:14

    Concordo com a existência disto, mas agora limitarem o nº de países participantes? Não obg.

    ResponderEliminar
  5. Anónimo00:44

    Se a EBU decidisse voltar com os Jogos sem Fronteiras é que era uma boa ideia. Todos adoravam...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo11:34

      Eu gostaria de ver! Até porque nem sequer tinha nascido quando transmitiam, e ver pela RTP memória não dá a mesma pica...

      Eliminar
    2. Nem todos adoravam os Jogos sem fronteiras. Eu nunca consegui aguentar um daqueles programas do principio ao fim.Mas acho que teria a sua razao de ser,para muitos poderia ser agradavel de ver como algo novo,para outros com feeling de nostalgia.

      Eliminar
  6. Anónimo19:54

    Não vejo interesse num concurso destes.

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top