Ucrânia, representada por Jamala e o tema 1944, é o país vencedor do Festival da Eurovisão 2016! Austrália, favorita do júri, e Rússia, favorita do televoto, seguiram-se na classificação!

Já está escolhido o vencedor do Eurovision Song Contest 2016! Ucrânia, representada por Jamala e o tema 1944, arrecadou a vitória com um total de 534 pontos, mais 23 que a segunda classificada, Austrália, que havia vencido a votação do júri, com larga distância. Em terceiro lugar ficou a Rússia, vencedora do televoto, seguida da Bulgária e Suécia.

Aceda, de seguida, à votação final do Festival da Eurovisão 2016, bem como à votação discriminada do televoto e do júri:


Televoto
1.º Rússia - 361 pontos
2.º Ucrânia - 323 pontos
3.º Polónia - 222 pontos
4.º Austrália - 191 pontos
5.º Bulgária - 180 pontos
6.º Suécia - 139 pontos
7.º Arménia - 134 pontos
8.º Áustria - 120 pontos
9.º França - 109 pontos
10.º Lituânia - 96 pontos
11.º Sérvia - 80 pontos
12.º Azerbaijão - 73 pontos
13.º Letónia - 63 pontos
14.º Hungria - 56 pontos
15.º Chipre - 53 pontos
16.º Bélgica - 51 pontos
17.º Holanda - 39 pontos
18.º Itália - 34 pontos
19.º Croácia - 33 pontos
20.º Geórgia - 24 pontos
21.º Malta - 16 pontos
22.º Israel - 11 pontos
23.º Alemanha - 10 pontos
23.º Espanha - 10 pontos
25.º Reino Unido - 8 pontos
26.º República Checa - 0 pontos

Júri
1.º Austrália - 320 pontos
2.º Ucrânia - 211 pontos
3.º França - 148 pontos
4.º Malta - 137 pontos
5.º Rússia - 130 pontos
6.º Bélgica - 130 pontos
7.º Bulgária - 127 pontos
 8.º Israel - 124 pontos
9.º Suécia - 122 pontos
10.º Arménia - 115 pontos
11.º Holanda - 114 pontos
12.º Lituânia - 104 pontos
13.º Itália - 90 pontos
14.º Geórgia - 80 pontos
15.º Letónia - 69 pontos
16.º Espanha - 67 pontos
17.º Reino Unido - 54 pontos
18.º Hungria - 52 pontos
19.º Azerbaijão - 44 pontos
20.º Chipre - 43 pontos
21.º República Checa - 41 pontos
22.º Croácia - 40 pontos
 23.º Sérvia - 33 pontos
24.º Áustria - 31 pontos
25.º Polónia - 7 pontos
26.º Alemanha - 1 ponto


Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: ESCPORTUGAL / Imagem/Vídeo: eurovision.tv

125 comentário(s):

  1. Anónimo23:40

    De certo ponto ja estava a espera. E fiquei contente por a Australia nao ter ganho. Muitos parbens a bulgaria, minha vencedora, mas minha opiniao houveram muitas injusticas. Mas quanto a vencedora nada a apontar

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo23:57

      a Poli e a verdadeira vencedora para mim

      Eliminar
    2. Anónimo00:10

      Para mim também

      Eliminar
    3. Anónimo01:40

      E para mim também. Na primeira vez que participou foi roubada, merecia pelo menos a passagem à final.

      Eliminar
    4. Anónimo09:33

      Se tivesse atuado em ultimo teria ganho..

      Eliminar
  2. Anónimo23:41

    Tambem fico contente por nao ter ganho uma totalmente em Ingles

    ResponderEliminar
  3. Anónimo23:42

    O método da votação do júri deve ter sido manipulado. É que a Ucrânia era o país menos mencionado como vencedor. A Austrália devia ter sido a grande vencedora, era a música que o povo europeu escolheu. Realmente a Suécia só faz as coisas como lhes convém

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo00:03

      foi totalmente o contrário

      Eliminar
    2. Anónimo00:11

      Foi ao contrario

      Eliminar
    3. Foi ao contrário³
      A Austrália ganhou no Juri e perdeu no televoto, a Ucrânia ganhou nos 2, ou seja, foi totalmente equilibrado e justo! não há motivo de reclamações

      Eliminar
    4. Anónimo04:34

      Quem ganhou no público foi a Rússia e de longe...

      Eliminar
    5. Anónimo11:49

      a ucrania ficou em 2o tanto no juri como no televoto

      Eliminar
    6. Não e preciso ser matemático para somar os pontos. Como era de esperar a Rússia ganhou no televoto. Mas o voto do júri ficou muito aquém das expetativas. Não e por uma canção não ser falada que não mereça ganhar. Por essa forma de pensar então só deve ganhar as que são mais faladas.

      Eliminar
  4. Anónimo23:46

    Este sistema de votação é espetacular... quase todos os países receberam 12 pontos e no final houve muita tensão...
    As pontuações da Bélgica e da Áustria surpreenderam-me, mas gosto muito de ambas...
    Estava a torcer para a Austrália não ganhar e os franceses muito desiludidos...

    ResponderEliminar
  5. Anónimo23:47

    A guerra na Europa vai agora começar!

    ResponderEliminar
  6. Anónimo23:48

    @-) Segundo ou terceiro estava bem mas ganhar?!?!?! Já agora coitada da Barei.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo00:03

      Lol, coitada mesmo da Barei por a teres metido no assunto.
      Agora a sério, realmente a música da Barei até nem era má, haviam ali bem piores...

      Eliminar
  7. Anónimo23:48

    o fato é que a Ucrania ja tinha ganhado antes mesmo de ter escolhido a cancao

    ResponderEliminar
  8. Anónimo23:48

    ganhou a política!!!

    ResponderEliminar
  9. Eis que a guerra entre ucranianos e russos vai começar

    ResponderEliminar
  10. Anónimo23:50

    De facto, este novo sistema de votação dá um novo gosto à coisa! É uma tensão tremenda que em raros momentos se viveu na história eurovisiva. Em relação à vitória da Ucrânia, penso que havia melhores músicas, mas não ganhou mal!

    ResponderEliminar
  11. Anónimo23:51

    Não era a minha favorita mas foi sem dúvida merecido - boa música e soberba interpretação. Parabéns Ucrânia!
    Dei um suspiro de alívio quando percebi que nem a Austrália nem a Rússia ganharam, teria sido uma noite extremamente infeliz a meu ver.
    Triste pela Letónia (minha favorita), Geórgia e República Checa que não se saíram tão bem quando pessoalmente desejaria.
    Feliz pelo voto do público ter dado o destaque merecido à Bulgária e à Arménia.

    ResponderEliminar
  12. Anónimo23:51

    só iremos saber qual e o real ganhador quando mostrarem as cancoes mais vendidas

    ResponderEliminar
  13. Anónimo23:52

    Votação SUPER ESTRANHA!! Mas Parabéns Ucrânia!

    ResponderEliminar
  14. Anónimo23:53

    Este método de televoto e muito melhor tudo pode mudar gustei muito o público tem mais puder acho que Portugal só tem benefícios com este sistema

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo00:03

      Tbm acho que sim :D tipo às vezes temos muita votacao do juri ou do publico mas depois nao dao em nada.mas agora ainda temos uma hipotese :)

      Eliminar
    2. Anónimo00:04

      Benefícios para Portugal??? Não sei onde. A Alemanha ficou no mesmo lugar só com a diferença de mais 10 pontos. Eu acho este método ridículo. Pois assim a decisão do público é quase nula, fazendo acreditar que aquele país sairia vencedor, e depois aldrabam com outros resultados que nem sabemos se sao realmente verdadeiros. Para mim o esc está a começar a ser um programa pouco honesto. Espero que para o ano já não exista esse método.

      Eliminar
    3. Anónimo00:04

      N sei... só mesmo vendo pro ano, vamos la ver quem vai ser a "primeira vitima" portuguesa com esta nova votação

      Eliminar
    4. Anónimo00:09

      O televoto sempre ficou a valer mais que os votos do júri, certo? Então devemos receber grandes pontuações de França, Espanha, Suiça, Bélgica e Alemanha!

      Eliminar
    5. Anónimo01:28

      Benefícios para Portugal??????

      Só podem estar a gozar comigo!!!! Está tudo doido. Até me apetece dizer uma asneira!

      Ninguém por essa Europa fora entende português. Daí que, mesmo que a RTP consiga atamancar uma cançoneta jeitosa e que esta se consiga apurar para a final, chegando à final, RAROS serão os países em que a cançoneta da RTP cantada em português conseguirá o TOP10. Os 0 pontos da Rep. Checa no Televoto são muito possíveis para Portugal.

      É de lembrar que todos os pontos que a Vânia Fernandes obteve vieram da diáspora portuguesa. E que esse resultado se pode considerar como um "bom" resultado, ou um resultado menos mau.

      Portanto, basta à RTP encontrar Vânias Fernandes e Senhoras do Mar todos os anos. Hi! Hi!

      Por último, mas não em último: a diáspora portuguesa não é elástica e só tem alguma expressão numa mão cheia de países. Basta outros países com muita diáspora terem boas canções e a da RTP ser mediana e a diáspora portuguesa é imediatamente eliminada.

      Por fim, as canções da RTP raramente valem alguma coisa. Algumas vezes nem sequer a diáspora portuguesa conseguem motivar.

      Eliminar
    6. Anónimo01:43

      A participação portuguesa no Festival Eurovisão da Canção de 2016 foi EXCELENTE!!!! Mais valia continuar assim. Foi sem ponta de sofrimento que eu assisti ao espectáculo desta noite.

      Eliminar
  15. Anónimo23:53

    As canções mais polémicas é que ganham!!

    ResponderEliminar
  16. Anónimo23:54

    Aí com *@ralho, con o perdao da ma palavras disfarçada, foi tao excitante! Parabéns Jamala!

    ResponderEliminar
  17. Anónimo23:56

    Quando já estava a conformar-me nos últimos dias que a Ucrânia não ia ganhar... BAAAM :D Estou tão contente! Parabéns a todos os participantes, menção honrosa à Poli e a Bulgária, que resultadão!

    ResponderEliminar
  18. Anónimo23:59

    Que tensão este novo método de votação adoro! Adorei também que as apostas estivessem erradas, bem feita lol já o ano passado estiveram perto de errar

    ResponderEliminar
  19. Anónimo23:59

    AMEI esta votação! Tenho pena que Espanha não tivesse tido mais pontos, mas fico super feliz pela Ucrânia! Era a minha favorita, e pela primeira vez a minha preferida venceu a Eurovisão! Nem parece verdade.
    Ah, e que bom que a canção não era totalmente em inglês! Fez história.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo01:35

      A canção espanhola não tinha ponta por onde se lhe pegar. Uma vergonha!

      Eliminar
    2. também estou super feliz com a vencedora Ucrânia. também era a minha favorita! parabéns Ucrânia, parabéns Jamala (h)

      Eliminar
    3. Anónimo11:22

      Espanha sem os pontos de Portugal não ia longe!!

      Eliminar
  20. Anónimo00:02

    Digam me uma coisa, acham que a ucrania vai conseguir fazer um palco bom e moderno? É que se for para ser como o da austria...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nop, vai ser a carvão e lenha, o palco iluminado à luz de velas...dahhhh

      Eliminar
    2. Anónimo01:18

      Não, Deve pensar que a ucrania fica no fim d mundo? Vai ver como que foi em 2004... Daaahhhh

      Eliminar
    3. Anónimo01:31

      Eu gostei muito do palco de Viena. As apresentadoras é que estiveram muito mongas. Uma desilusão! Eu antigamente via os talk shows da Arabella e esperava mais sinceramente...

      Eliminar
    4. Anónimo01:39

      Em 2004, depois de algumas actuações, havia membros do público que gritavam: Moldova Moldova, Romania Romania, Greece Greece...

      Mas não gritavam Portugal Portugal, por exemplo...

      Eliminar
    5. Anónimo02:49

      A Ucrania ganhou em 2004 MAS organizou em (2005) ;)

      Eliminar
    6. Anónimo11:24

      Em 2005, ano que a Ucrânia organizou a eurovisão foi o caus total, houve um problema no som da canção portuguesas e nem nos deixaram repetir a actuação!!

      Eliminar
    7. Anónimo11:52

      o palco em Viena?? aquilo enra um trombolho antiquado e amador e isso por nao falar dos planos de camara

      Eliminar
  21. Anónimo00:03

    O mais engraçado é que as vencedoras não venceram nada... A Rússia venceu o televoto, a Austrália venceu com o júri, a Ucrânia venceu a Eurovisão =))
    Mas gostei!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo00:10

      pois eu estava certo que nao iria votar na Russia mas no final mudei de ideia e o Serguey pode sair de Estocolmo com a cabeca erguida e orgulhoso de ter sido merecidamente o vencedor do televoto!!!

      Eliminar
    2. Anónimo01:33

      A Ucrânia tinha a melhor canção e a cantora vocalmente mais poderosa. Mas ganhou a política mais uma vez!

      Eliminar
    3. Anónimo11:54

      a cancao da Ucrania nao era má mas também nao é uma ganhadora, ouveram melhores creio eu

      Eliminar
  22. Ai adorei!!!! Grande Ucrânia!
    Eu adorava a música da Austrália mas acho que não devia ganhar pois isto é um concurso EUROPEU!
    Portugal vai ganhar na Ucrânia!!! Ouçam o que vos digo "lisbon 2018"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Diogo Magalhães01:04

      Sabes que me lembrei do mesmo...

      Eliminar
    2. Era muito bom 😊

      Eliminar
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar
    4. Anónimo02:16

      "Portugal vai ganhar na Ucrânia!!! Ouçam o que vos digo "lisbon 2018"

      Está tudo grosso! Só pode ser! Ou então digam-me o que andam a fumar, que eu também quero...

      Eliminar
  23. Anónimo00:10

    Mas viram bem a atuação da Austrália? Aquilo tinha tudo, desde intérprete, voz, presença, estilo, poder. Arrisco a dizer que é uma das melhores e mais impressionantes canções da Eurovisão.
    Devia ter ganho. Parabéns à Ucrânia, a canção é tocante e muito bem interpretada, mas não vai ficar no ouvido. Já a da Austrália, tenho a certeza absoluta que tão cedo nenhuma canção eurovisiva me vai arrebatar como esta.

    ResponderEliminar
  24. Ai meu Deus, como amei o ESC esse ano, que perfeito! o meu preferido ganhou, parabéns Ucrânia, parabéns Jamala, você foi incrível (h) (h) (h) . E a Rússia em 3° colocação? =)) =)) :-) bem feito, graças a Deus as casas de apostas estavam erradas! já até desconfiava delas.

    ResponderEliminar
  25. Anónimo00:11

    A minha mãe diz que a música é bonita e a letra tem um significado especial.

    ResponderEliminar
  26. Ucrânia, uhuuuuuuuu parabéns (h) (h) :>)

    ResponderEliminar
  27. O ESC foi uma surpresa esse ano! no caso não tinha de cara um que já tivesse cara de vencedor (a Rússia não dava né? seria até injusto!). Enfim, foi uma bela surpresa :>)

    ResponderEliminar
  28. Ironico o final para se saber quem ganhava ... Rússia ou Ucrânia.

    ResponderEliminar
  29. Anónimo00:18

    Excelente espetáculo televisivo e excelente método de votação, que criou tensão do início ao fim. Em suma: tudo ótimo, incluindo a vencedora. Só houve 3 performances que, NA MINHA OPINIÃO, mereciam vencer: Polónia, Ucrânia ou Bulgária (minha favorita). A Polónia deu-me arrepios durante toda a atuação e, embora nunca tivesse dado grande atenção a esta música, hoje conseguiu comover-me. A Ucrânia esteve magistral, em tudo. A voz, a performance, o sentimento... há muito tempo que não tínhamos uma vencedora tão completa! A Bulgária era minha favorita desde sempre e não desiludiu.
    Tenho pena de Espanha... que flop, meu Deus.
    O melhor ESC em muito tempo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo01:48

      Como é que a Espanha não ficou em último lugar? A canção não tinha ritmo, não tinha melodia, não tinha voz, a cantora vestida com um saco de batatas cheios de lantejoulas e a fazer uns gestos que parecia que estava a ter um ataque de epilepsia...

      E depois, quando ATÉ a Espanha desiste a 100% da sua língua, mais vale Portugal estar quieto e deixar de participar.

      Eliminar
  30. Anónimo00:18

    O site oficial está a lançar a conta gotas os resultados...já repararam... resultados da semifinal 2 nao estao ainda disponiveis mas clicando no profile do participante aparece a votação deste e o lugar em que ficou...
    Lol...

    ResponderEliminar
  31. Anónimo00:20

    Eu bem disse... KIEV 2017 cheer

    ResponderEliminar
  32. Essa votacao do juri foi a coisa mais manipulada que ja vi. A Alemanha deu 12 pontos para Israel ? Serio?
    Bom, so sei que rebaixaram a Polonia o quanto puderam. Esse festival esta se tornando uma vergonha! Hoje colocaram uma estrela no oddschecker onde ao clicar redirecionava a um artigo anti-Russia. Na ultima hora, desistiram de apoiar a Russia porque os gays nao podem ter liberdade la. Ou seja, nunca mais a Russia podera sediar um ESC. A Russia deveria sair do concurso, pois enquanto o festival estiver nas maos dos gays, nenhum artista russo vencera. Meu comentario nao eh homofobico, por favor me compreendam, mas acho que nao escrevi nenhuma mentira.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo01:09

      achei que tivesse sido o unico a achar estranho a votacao do juri

      Eliminar
    2. Anónimo01:10

      o juri esteve até mais politico que o televoto, muito estranho

      Eliminar
    3. Anónimo01:13

      concordo plenamente, a Russia deveria se retirar por alguns anos a modo de protesto e nao porque eu acho que devesse ganhar(porque ao final foi merecidamente o ganhador do televoto) senao só pelo fata de toda a propaganda anti-russa dum festival que se supoe ser de cancoes e que insistem em dizer que a politica nao esta envolvida

      Eliminar
    4. Esperemos que um dia,nao muito longe de 2016,a Russia,o Povo Russo,a Igreja Ortodoxa compreendam que as pessoas tem todas os mesmos deveres e os mesmos direitos civicos,humanos etc. Ate la ,a Russia que se retire do ESC,va meditar em massa para a Siberia Central,va fazer sauna...

      Eliminar
    5. Anónimo02:22

      Acho que a Austrália merecia ter ganho. Foi sem dúvida a canção mais equilibrada.
      O júri foi ostensivamente anti-Rússia.
      Grande parte do público votou na Ucrânia como voto anti-Rússia.
      Eu se fosse a Putin retiraria a Rússia da Eurovisão. Uma canção totalmente politizada contra o regulamento. A EBU esteve mal, muito mal.

      Eliminar
    6. O teu comentário, Cherry Chah, não é homofobico, é sim, muitíssimo parvo.

      Eliminar
    7. Anónimo11:57

      RG este se supoe que é um concurso de cancoes que celebra a uniao e diversidade do continente europeu e nao sobre ideologias e politicas

      Eliminar
    8. 11:57 - Direitos Humanos e de Cidadania sao algo muito acima de politica e ideologia.Sao conceitos universais.Se nao entendes isso,nada a fazer.

      Eliminar
  33. A minha nº 1 para ganhar ganhou,a Ucrania.Estou satisfeitissimo tambem por ser parcialmente cantada numa lingua minoritaria.Tambem os sons etnicos no inicio e no fim dao o toque qb de cultura nacional/local.O ESC a ir numa direcçao muito interessante.Mas Timberlake ARRASOU!Musica viva ao vivo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo01:50

      Timberlake foi completamente irrelevante. Gostei muito do seu coro afro-american durante a primeira canção. Por exemplo.

      Eliminar
  34. Anónimo00:24

    eu não gostei, acho que a Austrália merecia mais a vitória , mas infelizmente a politica vem sempre ao de cima , e assim se cometem injustiças ......

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo01:52

      A parte inicial da música australiana era muito boa. Mas depois o refrão era de plástico.

      Eliminar
    2. Anónimo16:28

      Dão tanto destaque à Austrália porque ainda é uma "coisa" nova na eurovisão, devo admitir que a música não era má, mas darem tanto destaque à Austrália por ser "nova", por ainda ser "esquisito" ver a Austrália na eurovisão também não se torna digno para os participantes que têm realmente boas músicas... E muitos parabéns à Ucrânia, a Jamala mereceu triunfar...

      Eliminar
  35. Anónimo00:24

    Vitória mais que merecida, canção linda, performance impecável. Parabéns para Dami Im que foi maravilhosa e mereceu o segundo lugar. Essa colocação da Austrália serve para mostrar para alguns países europeus que se deve sim levar a serio o festival. Austrália fez um lindo trabalho e a espero ano que vem na Ucrânia.

    ResponderEliminar
  36. Tal como ja ha meses tinha previsto Barei do bottom5 nao passou. OK ,para o ano ha mais,em Kyiv talvez.

    ResponderEliminar
  37. Anónimo00:27

    O júri massacrou a Polónia e a Austria, principalmente a primeira tinha potencial para ganhar, e ficar em penúltimo pelo júri... Tudo feito!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo01:16

      nunca vi o juri mais manipulado que o deste ano com a Polonia e a Austria sendo claramente boicotadas

      Eliminar
    2. A Polonia foi nitidamente ROUBADA! E nao me venham com a estoria que a musica era old fashion. Esse ano foi uma VERGONHA VERGONHA VERGONHA. Estou indignada com tudo que aconteceu.

      Eliminar
  38. Anónimo00:36

    Parabéns Bulgaria. A prova que o que interessa é a musica e não o país para alcançar um bom lugar

    ResponderEliminar
  39. Anónimo00:41

    ja estao a polemizar que o proximo ano será na Crimeia e depois vem dizer que aqui nao há política

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo02:25

      Na Crimeia???? A Crimeia faz parte da Rússia. LOL

      Eliminar
    2. 02:25 - Faz parte da Russia AGORA em 2016,mas,quem sabe?,talvez ja volte a fazer parte da Ucrania em 2017.(Em nome da verdade,nem eu proprio acredito nessa possibilidade).

      Eliminar
  40. O mais importante é que ganhou uma música decente, com uma mensagem marcante, uma voz potente e uma apresentação arrebatadora (ao contrário da favorita Rússia, que não tinha nada de tanta empolgação a não ser a tela) e parece que a Ucrânia ganhou votos do juri e televotos equilibrados... se for verdade não há desculpas de reclamações. Go Ukraine parabéns (h) (h) (h)

    ResponderEliminar
  41. Anónimo01:27

    Votação mais que manipulada. A Polónia ficou rebaixada pelo júri. 3º lugar no televoto e 25º do júri: wtf! Depois digam que há coerência... Milhões de votos dos telespetadores desvalorizados por "meia duzia" de jurados.
    Como é que especialistas de música dão 12 pontos a uma Geórgia e zero a Polónia?
    Ou dar 12 a Espanha? Pior que uma atuação pimba de programa de domingo à tarde.
    Enfim... enquanto Ola Sand andar lá... mais manipulação chegará

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mandy03:02

      Anônimo das 01:27h: todo mundo está comentando esta injustiça abismal no site oficial do Eurovision. O problema não foi a vitória ucraniana, indiscutível esta parte, mas como a votação do júri foi tão tendenciosa, na tentativa de prejudicar alguns países (Polônia, Alemanha, Áustria - sugestão do leitor do ESCPortugal -, República Tcheca...)

      Eliminar
    2. Vergonha de júri.

      Eliminar
  42. Gostei de ler todos esses comentários positivos dos portugueses ❤👍

    ResponderEliminar
  43. Anónimo01:39

    Vá lá dessa vez não foi o querido dos jurados a vencer... mas como sempre ganha quem a EBU quer que ganhe... e fiquei espantadissima ver a Ucrânia ganhar... Coloquem 100% televoto e mesmo sem manipulações e joguinhos... e verão que a Rússia ganharia como ganhou este ano pelo público!

    ResponderEliminar
  44. Anónimo01:43

    Num concurso dito apolítico venceu uma canção política. Buuuhhhh!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo12:11

      Concordo plenamente.

      Eliminar
  45. Anónimo01:52

    2015 - O júri derrotou a canção do povo - Itália.

    2016 - O júri derrotou a canção do povo - Rússia.

    Eu sempre fui contra os júris. 100% televoto!

    ResponderEliminar
  46. Para mim aquelas centenas de pontos do televoto ficaram obscuras.Prefiro de longe a votaçao "a antiga",mas SO COM TELEVOTO,um pais de cada vez a dar a pontuaçao ORALMENTE do principio ao fim de 1 a 12. Os juris estao a mais no ESC.Alias por alguma razao em 97 se iniciou o televoto parcial...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo02:34

      Então acha que a Senhora do Mar ficou muito bem no seu 13º lugar recebido por televoto a 100% como ocorreu em 2008?
      Podemos concordar ou não com o júri... Mas está lá por algum motivo.

      Eliminar
    2. Anónimo04:42

      Está lá para manipularem o que bem entenderem...retiram uma vitória o ano passado à Itália e este ano à Rússia...

      Eliminar
    3. Anónimo10:53

      Ao menos foi graças ao júri que a Rússia não ganhou, até preferia que a Austrália tivesse ganho, apesar de eu não estar de acordo com a sua participação no evento.

      Eliminar
    4. 02:34 - Ja disse dezenas de vezes,que nunca morri de amores por"Senhora do mar",posso ate dizer que por mim nunca teria ido representar Portugal no ESC. EU CONCORDO COM O VOTO POPULAR=TELEVOTO,MESMO QUANDO,COMO ESTE ANO,ISSO SIGNIFIQUE QUE A MINHA CANÇAO FAVORITA VIESSE A PERDER.

      Eliminar
    5. 02:34 - Eu tenho principios,que nao variam consoante o resultado ja atingido(como a vitoria de Jamala) ou a atingir.Considero,que a existencia dos juris pode propiciar e facilitar muito a compra e/ou troca de votos,sendo este so um exemplo.Porque nao so a vontade do publico?

      Eliminar
  47. Vamos ver se para o ano ainda ira haver a "tara" dos LEDs,efeitos especiais,ambientes de "fim do mundo" etc. Suspeito,que vamos entrar numa de menos virtual e mais de arte,carisma,profissionalismo musical e de saber estar em palco.A Bulgaria deu um belo exemplo de tudo isso,tal como a Ucrania,claro!

    ResponderEliminar
  48. Anónimo02:28

    Em todos os anos há polémicas com os vencedores? Pelo menos nestes últimos...
    Em 2014, por ter sido uma Drag Queen a ganhar. Em 2015, devido a um possível plágio. Em 2016 foi devido à letra que referenciava mais explicitamente factos históricos e também políticos.

    Quando for Portugal a ganhar quero ver qual o motivo da polémica, mas para isso tenho de esperar que o milagre aconteça.

    ResponderEliminar
  49. Mandy02:58

    Em primeiro lugar, a vitória de Jamala é incontestável, portanto, não podemos colocá-la em dúvida. Agora, ficou escandaloso como Polônia, Alemanha e alguns outros países foram roubados graças a votação do júri. Eu cheguei a chorar de raiva por isso!!!
    Todos os vídeos do Michal Szpak foram os mais assistidos no canal Eurovision no YouTube (o clipe oficial foi o mais assistido até às vesperas da competição, quando foi ultrapassado por França e, muito depois por Malta), e tornou-se um dos favoritos pelo público, juntamente com outros países, como a França, Espanha, Rússia, Letónia ... apesar de não ter recebido a mesma consideração dos blogs ditos especializados ou dos bancos de apostas. Por outro lado, a running order foi planejada para estes favoritos "floparem". Que outra intenção seria ao colocar os principais favoritos a se apresentarem juntos? Para anulá-los, claro!
    Apesar da baixo rendimento no televoto, eu estou em choque em ver que o júri deu apenas um ponto para a Alemanha !!! E a Alemanha tinha uma canção muito boa e eles conseguiram anulá-la, assim como tentaram com outros também.
    Admito que eu fui uma entre tantas que não acreditavam no novo sistema de votação, mas agora, vendo o que aconteceu este ano, acho que é a única maneira de frear as injustiças do júri ou de qualquer que seja! E a nós, o público, o verdaeiro júri, os meus parabéns em definir seu TOP 3 (os verdadeiros vencedores desta edição): Rússia, Ucrânia e Polônia!
    Uma observação: Contra tudo e todos, Michal Szpak obteve o segundo melhor lugar para a Polônia na história eurovisiva polaca! Obrigado a todos por colocá-lo no TOP10. #WeAreTheRealJury "

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo11:57

      Mandy onde é que a Alemanha foi anulada pelo júri, o televoto também a colocou em antepenúltimo. Agora a Áustria e a Polónia, essas sim foram as mais prejudicadas, essas sim roubadas.
      E alguem acima tambem dizer a Rep Checa teve a mesma situação, aqui o contrário... o júri livrou-a dos zero pontos do público. O país é fortemente castigado pelo publico.

      Eliminar
    2. Anónimo12:02

      Vitória incontestável da Ucrânia? Ok que tudo saiu bem, mas daí a ganhar!? Não fosse tanta politiquice e ficaria fora do top. Ela que olhe para a australiana e para o russo, e estes que lhe ensinem a cantar num nível superior. Ao fim das 26, não fica no ouvido, ganhou por este sistema de votação terrível. O verdadeiro vencedor é sempre o do público.

      Eliminar
    3. Anónimo12:03

      A Bélgica foi uma agradável surpresa! A fava de abrir a final, mas ficou muito bem classificada. Parabéns!

      Eliminar
    4. Anónimo12:28

      Claro que a SVT +EBU queria anular quem poderia fazer frente a quem queriam que ganhasse. Logo Bélgica, foi colocada em primeiro a atuar, para ficar esquecida. A República Checa idem. Não fosse o júri dar lhe a vitória.
      Pôr França, segue-se Polónia e depois do intervalo a Austrália... foi anulem-se!
      E depois Malta a seguir a Ucrânia... foi chutar Ira para um canto.
      De notar ajuda à Arménia, a atuar no fim, mas que não chegou para o público votar em massa nos arménios.

      Eliminar
  50. Anónimo05:11

    Parabéns Jamala!! Parabéns Ucrânia!! "I'm a Happy Man".

    ResponderEliminar
  51. Anónimo05:17

    A valorização do televoto assusta-me ... realmente o mau gosto europeu é de aplaudir ...

    ResponderEliminar
  52. Anónimo11:53

    A música da Ucrânia vai ficar esquecida, daqui a meia duzia de anos já ninguém se lembra dela. Ao menos a Rússia ou a Austrália ficaria na memória. Não conta só uma mensagem blá blá blá... mas também a força de um refrão como teve uma Loreen, um Rybak, uma Paparizou, ou Dana, ou outros...
    É daquelas propostas que acontecerá como a azeri em 2011, daqui a uns anos ao rever dizemos: isto ganhou? de espanto!

    ResponderEliminar
  53. Anónimo12:09

    Ucrânia ganhou... Portugal regressará... Temos que chamar a Lucy para ficar sem som outra vez eheheh. Estou para ver os ucras a boicotar novamente aqueles que não lhes interessa eheheh

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahah era engraçado a Lucy lá ir de novo xD
      Curioso para o ano o ESC volta ao local em que comecei a seguir como eurofa pela primeira vez :)

      Eliminar
  54. Regozijo-me imenso pelo Top5 obtido por Frans ,representando a Suecia.Alias te-lo-ia colocado numa posiçao ainda mais alta.Antes do ESC foi muito mal tratado por media e parte dos fans.Aqui se viu,que um numero intimista,discreto,sem efeitos de fim do mundo resultou.Parabens Suecia,parabens Frans!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo16:06

      Totalmente imerecido o resultado da Suécia! O gajo parecia que estava com prisão de ventre.

      Eliminar
  55. Anónimo16:30

    É triste a eurovisão misturar politica com musica , a Rússia ate podia não merecer , mas a Ucrania nunca , a Austrália é que devia ter ganho isto reparem (a Austrália ficou em 2º), e foi a mais votada do júri , (a Rússia em 3º) e mais votada do publico, afinal com esta nova forma de votação a partir de agora o leste vai começar as suas vitorias !!!! não ganhou a melhor, nem de perto nem de longe, ganhou o 2º lugar que por sinal votada em 2º pelo publico e pelo júri !!!! Não é um pouco esquisito!!!!! eu acho.... mais um ano de desilusão. só com uma diferença , é que a Suécia o ano passado ganhou pelo júri !!!! e este ano , volto a frisar , nem pelo publico nem pelo júri....

    ResponderEliminar
  56. Anónimo05:03

    Como amplamente aqui ficou demonstrado, a Australia muito dificilmente poderia ter ganho o concurso da Eurovisao devido a anomosidade contra ela existente em certos sectores da populacao europeia, anomosidade essa devida, ao que parece, ao facto de a Australia ser um pais anglofono e situado fora do continente europeu.

    Curiosamente ha que dizer que o segundo lugar foi muito bem recebido pelos Australianos. Isto porque ao classificar-se em segundo lugar a probabilidade de a Australia voltar a ser convidada a participar no concurso da Euroviao, nomeadamente em 2017, aumentou em termos muito significativos.

    Actualmente, aquilo que a Australia quer e obter direitos junto da Eurovisao para organizar uma competicao identica na asia/pacifico. Se isso vier a acontecer e de esperar que na final dos futoros concursos da Eurovisao venham a aparecer um numero muito maior de cancoes provenientes da asia/pacifico.

    Sonho? Talvez nao.


    http://www.sbs.com.au/programs/eurovision/article/2016/03/21/sbs-secures-exclusive-option-develop-eurovision-song-contest-concept-asia

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top