ESC2016: Hélder Reis será o comentador da RTP

Hélder Reis será o comentador da RTP do Festival Eurovisão 2016, adiantou a televisão pública ao ESCPORTUGAL.


A RTP irá transmitir as semifinais e a final do Festival Eurovisão da Canção 2016, em horários publicados AQUI. Faltava saber quem seria o comentador escolhido pela televisão portuguesa para os respetivos comentários à transmissão mas, o ESCPORTUGAL sabe que foi Hélder Reis o profissional escolhido pela RTP. Hélder, que neste momento participa ativamente como apresentador dos programas "A Praça" e "Aqui Portugal", ambos da RTP1, estará em Lisboa a fazer a locução  a partir da sede da RTP.

Hélder Reis desempenhou estas mesmas funções em 2009 e 2015. A RTP, nesses anos, participou na competição com os Flor-de-Lis e Leonor Andrade, respetivamente.



Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: RTP, ESCPORTUGAL /Imagem: GOOGLE


26 comentários:

  1. eu a querer o Sérgio Mateus....

    ResponderEliminar
  2. Rui Ramos12:05

    Não é polémico, é apaziguador. Está bem.

    ResponderEliminar
  3. Anónimo12:13

    Não desgosto do Helder Reis, embora ele esteja associado mais a programas para os idosos.

    Acho que deveria ser alguem ligado mais aos jovens, que pudesse ser divertido a comentar, para que a RTP chegasse também a esse público. A RTP não está muito ligada aos jovens, por isso não tem apresentadores para esse target. Eu preferia um Vasco Palmeirim, por exemplo

    ResponderEliminar
  4. Anónimo12:17

    Desde que não ponham o Ramón lá com ele outra vez tudo bem.

    ResponderEliminar
  5. Pedro Carvalho12:23

    Gosto dele. Nota-se que se prepara e isso é bom

    ResponderEliminar
  6. Anónimo12:41

    Gosto muito dele. Dos melhores comentadores dos últimos anos

    ResponderEliminar
  7. Anónimo12:55

    Espero que seja mesmo só ele...

    ResponderEliminar
  8. Boa escolha por parte da RTP.Profissional competente e com entusiasmo pelo ESC qb.

    ResponderEliminar
  9. Anónimo14:20

    Gostava muito mais da Silvia Alberto. Este so diz o ano em que o pais começou a participar e esse tipo de factos e nao fala dos participantes

    ResponderEliminar
  10. Anónimo16:14

    Já eu preferia o Pedro granger

    ResponderEliminar
  11. Com tão bons profissionais no meio e continuamos a ver sempre as mesmas caras. Seria até boa ideia e, já que não se lembram disso, eu sugiro que de futuro recorram também a um género de artistas cuja área nem sempre é muito reconhecida, a área do humor. Há bons humoristas que também seriam capazes de comentar um programa destes, com a vantagem de transmitir mais alegria à transmissão do evento.

    ResponderEliminar
  12. Anónimo17:22

    Já sei que vou ser crucificado mas achava engraçado porém a Tania Ribas de Oliveira e o José Pedro Vasconcelos, são muito bem dispostos tenho a certeza que tornavam a emissão mais soft mais "familiar", não sei era diferente :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é má ideia. Aprovado.

      Eliminar
    2. Depois das recentes gaffs de Tania Ribas em relaçao ao FdC e ao ESC,sinto muito,mas nem pensar.Talvez fosse interessante ter o Helder,a Vanessa Oliveira e um/a representante dos fans a comentarem conjuntamente.

      Eliminar
    3. Isso de gafes, de meter os pés pelas mãos e vice-versa, de meter o pé na argola, etc., todos fazem. Não se pode crucificar ninguém por causa disso. Fazer um trabalho específico não é a mesma coisa que fazer um programa onde se abordam todos os temas e mais algum. Claro que quem sabe que vai tratar de um tema único tem que se preparar afincadamente sobre o assunto. Desde que se trate de um bom profissional não há que temer.

      Eliminar
    4. Ser na generalidade bom profissional,neste caso nao basta,trata-se muitas vezes de dizer de improviso isto e aquilo,quando muitas vezes o silencio vale ouro...Falando de bons profissionais com larga experiencia no FC e ESC,ate Eladio Climaco fez cada baralhada...Crucificar?Isso ja foi.

      Eliminar
    5. O Eládio Clímaco é um senhor da televisão. Gostava muito da locução dele em documentários. Se ele nas vezes em que teve a responsabilidade de fazer os comentários sobre o festival deu algum espalhanço não dei por nada.É porque não seriam pormenores importantes. Nesse caso eu passo sempre ao lado, pois interessa-me muito mais ouvir a canção e às vezes nem isso, se ela não prestar ou não for do meu gosto.

      Eliminar
    6. A importancia dos pormenores e algo de relativo/subjectivo,bem como de alguem ser um"senhor"da televisao(parece ser um estatuto neste pais de senhores e de gajos,que faz com que alguns comecem a baldar-se ao atingirem esse estatuto).Ouvir a cançao nao exclui ouvir os comentadores.

      Eliminar
    7. Concerteza. Não se abespinhe que não vale a pena. Como não ando a fazer um dossier deste caso termino por aqui os meus comentários sobre o assunto. Por mim até pode ir vc. que eu nem vou comentar.

      Eliminar
    8. Tudo vale a pena ,quando a vontade nao e pequena,mas abespinhamento(o que quer que isso possa significar...),nao! (c) :-

      Eliminar
  13. Gostava que fosse a Sílvia Alberto ou o José Pedro Vasconcelos

    ResponderEliminar
  14. Anónimo19:08

    Obrigada por nos darem estas noticias do festival

    ResponderEliminar
  15. Anónimo21:29

    Prefiro a Sílvia Alberto.

    ResponderEliminar
  16. Anónimo16:46

    É melhor que a Sílvia Alberto (que é muito maçadora... céus!). De qualquer modo, o Hélder podia ir levar uns cafezitos à Green room como era no início da Praça da Alegria. Apesar de não gostar muito da Isabel Angelino, reconheço que se saiu muito bem, em 2008 (a solo) e em 2007 (com o Jorge Gabriel).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah sim,Isabel Angelino seria a verdadeira opçao"azul sobre dourado"para comentadora do ESC. Talvez combinasse muitissimo bem com Helder Reis.

      Eliminar