Portugal já tem TOP oficial de streaming e TOP oficial de singles


Até agora, Portugal tinha apenas um TOP oficial de venda de álbuns. A partir de agora, o país passará também a ter um TOP de Streaming, bem como um TOP de singles, anunciou a Associação Fonográfica Portuguesa em comunicado enviado ao ESCPORTUGAL.


Correspondendo a uma tendência clara do mercado de consumo de música, foi hoje divulgado o primeiro “TOP de Streaming”, nacional da responsabilidade da AFP (Associação Fonográfica Portuguesa) e da AUDIOGEST (entidade de Gestão Colectiva de Produtores de Música em Portugal). O ESCPORTUGAL, parceiro da AFP na divulgação semanal do TOP oficial do país, passará também a divulgar o TOP de streaming.

Este TOP será produzido pela consultora GFK Portugal e demonstrará, com uma periodicidade semanal, quais as músicas mais ouvidas através das plataformas digitais de serviços de Streaming licenciados para o território nacional. Deste TOP semanal, que será divulgado no ESCPORTUGAL em conjunto com as restantes Tabelas de Vendas, constarão as músicas mais escutadas nas seguintes plataformas de serviços de streaming licenciadas para Portugal: Apple, Google, Napster, Spotify, Xbox.

As canções que constem do novo TOP de Streaming, integrarão, a par com as canções que constem do TOP de Download, também um novo TOP de Singles, que integrará assim as duas formas de consumo digital de música.

Atualmente, o Streaming representa mais de 30% do mercado total de música em Portugal e cerca de 80% do mercado digital de música em Portugal. É de longe a forma de consumo de música com o maior crescimento dos últimos anos, tendo já superado em muito o Download. No ano 2015 o mercado de Streaming apresentou uma taxa de crescimento muito próxima dos 60%.

Ainda hoje, apresentaremos no ESCPORTUGAL os dados da 1.ª semana do ano de 2016. 


Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: ASSOCIAÇÃO FONOGRÁFICA PORTUGUESA / Imagem: GOOGLE

5 comentários:

  1. Notícias muito positivas de uma AFP que parecia dormida nos últimos tempos.
    Portugal tem mostrado estar preparado para o avanço tecnológica e recebe-o com satisfação. O exemplo das plataformas Rdio, mas especialmente o Spotify têm mostrado nos seus valores essa mesma receptividade.
    Que bom que em alguma coisa tomamos atenção. Os pequenos passos são estes. Talvez para muitos esta notícia não seja de grande relevância, mas em termos de indústria musical e de projeção de novos artistas é-o.
    Finalizo com o facto de que me apraz ver também o ESC Portugal sempre à frente das novidades! Por alguma razão não descarto esta página   Parabéns à equipa!

    ResponderEliminar
  2. Anónimo21:52

    Deviamos ser o unico pais sem top oficial de singles. ate paises pequenos como Malta ou Chipre têm

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo21:56

      Nao nao e verdade.muitos paises nao têm.

      Eliminar
  3. Anónimo21:58

    E muito bom. Portugal esta a evoluir muito nas tecnologias. Ainda em 2015 estreou um novo sistema de cameras num jogo de futebol em Portugal sendo a estreia mundial deste sistema e foi um sucesso

    ResponderEliminar
  4. Nuno19:59

    Foi pena a RTP ter terminado com o «Top mais»: Somos dos poucos países sem o TOP oficial de vendas. Da RTP já nada nos espanta...pela negativa, claro...

    ResponderEliminar