Grécia: ERT tenciona organizar final nacional com artista escolhido internamente


Com o objetivo de aumentar o foco do Festival Eurovisão no país, a emissora grega tenciona realizar uma final nacional com um só artista escolhido internamente para a edição do próximo ano.

Depois da pior série de resultados da sua história, a emissora grega ERT tenciona regressar aos bons resultados no Festival Eurovisão, bem como recuperar o destaque da competição no país. Segundo alguns jornais gregos, a emissora estatal da Grécia já está a preparar a participação na Holanda (apesar de ainda não ter sido confirmada a presença) e tenciona recuperar o formato de seleção interna do cantor e seleção pública da canção.

A última vez que a ERT realizou uma final nacional com um artista escolhido internamente aconteceu em 2017, com Demy a ser escolhida pela emissora, mas o formato teve o seu maior sucesso na década de 2000, com as escolhas de Sakis Rouvas (2009), Anna Vissi (2006) e Helena Paparizou (2005).

Estreante em 1974, a Grécia conta com 40 participações no Festival Eurovisão, tendo sido a vencedora da edição de 2005. Katerine Duska e "Better Love" foram os representantes da Grécia em Telavive, terminando em 21.º lugar com 74 pontos, nenhum deles oriundo de Portugal.


Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovoix/ Imagem: Google /Vídeo: Youtube

Sem comentários