Finlândia: Hatari e "Hatrið mun sigra" vencem o 'De Eurovisa'


A canção de Malta venceu o quinto episódio do De Eurovisa, programa de análises da Finlândia. Islândia continua na liderança e Portugal em último lugar.


A emissora finlandesa YLE transmitiu, recentemente, o sexto e último episódio do De Eurovisa, programa de análise das canções do Festival Eurovisão 2019. Johan Lindroos, Eva Frantz e o convidado especial Markus Lytts votaram nas canções numa escala de 1 a 10, com a canção de Espanha a recolher a pontuação mais alta, ocupando o sexto lugar da tabela, seguida da Holanda.

Deste modo, Islândia venceu o programa com a pontuação máxima (30 pontos), sendo seguida da Suécia (28) e Malta, Rússia, São Marino e Espanha, todos com 26 pontos. Por outro lado, Portugal ficou em 41.º (e último) lugar com apenas 4 pontos.

Recorde, de seguida, à classificação do programa:
(a negrito as classificações do quinto episódio)

1.º Islândia - 30 pontos (10,10,10)
2.º Suécia - 28 pontos (9,9,10)
3.º Malta - 26 pontos (10,8,8)
4.º Rússia - 26 pontos (8,8,10)
5.º São Marino - 26 pontos (8,10,8)
6.º Espanha - 26 pontos (8,9,9)
7.º Holanda - 25 pontos (8,10,7)
8.º Estónia - 25 pontos (9,7,9)
9.º Irlanda - 24 pontos (9,9,6)
10.º Polónia - 24 pontos (8,7,9)
11.º República Checa - 23 pontos (10,6,7)
12.º Arménia - 22 pontos (4,8,10)
13.º Itália - 22 pontos (8,10,4)
14.º Grécia - 22 pontos (5,9,8)
15.º Bélgica - 22 pontos (8,8,6)
16.º Roménia - 22 pontos (8,6,8)
17.º Suíça - 21 pontos (7,9,5)
18.º Hungria - 21 pontos (5,8,8)
19.º Austrália - 21 pontos (5,8,8)
20.º Sérvia - 19 pontos (5,8,6)
21.º Azerbaijão - 19 pontos (5,6,8)
22.º Macedónia do Norte - 18 pontos (2,6,10)
23.º  Letónia - 18 pontos (9,5,4)
24.º Albânia - 18 pontos (2,7,9)
25.º Israel - 18 pontos (6,5,7)
26.º Geórgia - 18 pontos (4,6,8)
27.º Finlândia - 17 pontos (5,7,5)
28.º Chipre - 17 pontos (6,6,5)
29.º Croácia - 16 pontos (3,6,7)
30.º Reino Unido - 14 pontos (4,5,5)
31.º Moldávia - 13 pontos (3,2,8)
32.º França - 13 pontos (6,6,1)
33.º Dinamarca - 13 pontos (6,3,4)
34.º Alemanha - 12 pontos (1,2,9)
35.º Montenegro - 11 pontos (8,1,2)
36.º Lituânia - 9 pontos (1,2,6)
37.º Eslovénia - 9 pontos (4,4,1)
38.º Bielorrússia - 7 pontos (2,1,4)
39.º Áustria - 6 pontos (3,1,2)
40.º Noruega - 6 pontos (3,2,1)
41.º Portugal - 4 pontos (1,2,1)



Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: YLE/ Imagem: Google / Vídeo: Eurovision.tv

6 comentários:

  1. Anónimo21:16

    Duas coisas têm de reconhecer-se: não puseram a canção do próprio país em primeiro lugar (mas sim em 27º) e não deram zero pontos a ninguém.

    ResponderEliminar
  2. Anónimo22:25

    Malta, más notícias, na orange carpet a wiwibloggs perguntou ao Conan se já resolveram os problemas de palco e ele disse que esperava que sim, i.e., não sabe.
    A minha análise destes comentários é que Portugal não teve nenhum ensaio extra, comecem a rezar à Virgem Nossa Senhora de Fátima que é a única que nos pode salvar

    ResponderEliminar
  3. Anónimo23:17

    @escportugal partilhem o momento em que o Conan conheceu a Eleni Foureira, foi lindo, acho que ele quase chorou

    https://twitter.com/hatarisfault/status/1127690508116082688

    ResponderEliminar
  4. Anónimo11:08

    Otra vez Portugal es el último. Los analistas noruegos y fineses coinciden en poner a Portugal como peor canción. Todos los elogios hacia Portugal como los 3.000.000 de visitas que "Telemóveis" tuvo antes de ser elegida como la canción de Portugal o el hecho de que Portugal fuera el tercer favorito en las apuestas durante semanas, ha sido fruto de los portugueses y vuestro ultranacionalismo. Los portugueses sois los maestros del hype.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E tu que contente estás! Bem amigo, essa ideia de que os portugueses são ultranacionalistas não é verdade! Infelizmente!!! Bem que deveríamos ser muito mais, tal como vocês espanhóis são! Vocês sim, têm a taça de vencedores no campeonato do ultranacionalismo! São os espanhóis que dizem sempre que são os melhores em tudo, ou quase tudo! Nós não! Se fossemos ultranacionalistas, não seríamos tão maus, como estamos a ser, para o Conan (que tão criticado aqui tem sido por muitos de nós portugueses). O mesmo não se pode dizer do Miki que no escspain tem muitos elogios por parte dos seus fans espanhóis. Como todos os anos, os espanhóis idolatram sempre o vosso representante na Eurovisão! Seja bom ou mau, para vocês, a canção espanhola é sempre a melhor! O problema são depois os resultados que, QUASE NUNCA, confirmam essas ilusões. DELÍRIOS, amigo, Delírios! E os elogios e visualizações da nossa canção, não eram só de portugueses, mas sim de grande parte dos blogues e interessados internacipnsis, que tanto comentavam e valorizavam a canção portuguesa. De repente, as coisas mudaram, não se entende bem porquê. Mas Wiwiblogs e Alesia Michel (entre outros) continuam a aplaudir muito a canção lusa. Quanto à de Espanha, mediana e sem grande coisa de novo. Mobiliário do Ikeae viva Lá Venda! Desejo boa sorte à Espanha, mas muitíssimo mais a Portugal!

      Eliminar