[IMAGENS] ESC2018: Conheça uma das propostas recusadas para o palco do Festival Eurovisão em Lisboa


O atelier HORA DO LOBO revelou, no seu site oficial, a sua proposta para o palco do Festival Eurovisão 2018, certame que teve lugar em maio passado em Lisboa.


A RTP convidou, durante o ano de 2017, vários designers, nacionais e internacionais, de reconhecida experiência, a apresentarem uma proposta para o desenho do cenário do Festival Eurovisão da Canção 2018, tendo sido recebidos 9 propostas para o palco do Parque das Nações. A proposta de Florian Wieder foi a escolhida, tendo sido considerada a melhor e a mais adequada ao conceito definido para o evento.

O atelier português HORA DO LOBO, com sede em Lisboa, revelou, no seu site oficial, a sua proposta de palco para o Festival Eurovisão 2018, sendo a primeira proposta recusada a ser conhecida. Nas sete imagens divulgadas é possível observar as diversas valências do palco, bem como a sua posição no recinto e uma estrutura a fazer a ligação entre o palco e a green room.







 Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte e Imagem: HORADOLOBO

23 comentários:

  1. Anónimo15:55

    Muito melhor !!! Esta rtp realmente não tem juízo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo02:01

      Discordo. Este design é muito fraco.

      Eliminar
  2. Anónimo15:55

    Nota se mesmo que houve cunha para ser o designer que ganha sempre . Este palco é muito superior

    ResponderEliminar
  3. Anónimo15:56

    O escportugal está a inventar que a RTP convidou varios designers ou isso foi dito pela RTP de forma oficial?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O ESCPortugal não inventa nem tenciona inventar: a informação está patente no artigo oficial da RTP aquando do anúncio do palco.
      http://media.rtp.pt/eurovisao/noticias/florian-wieder-designer-do-cenario-do-festival-eurovisao-da-cancao/

      Eliminar
  4. Anónimo16:29

    Por acaso já sabia da existência destas imagens há algum tempo. Sinceramente não sei em que aspeto acham que este palco é superior... O final é muito melhor

    ResponderEliminar
  5. Anónimo16:30

    Feio todos os dias. Faz-me lembrar queijo.

    ResponderEliminar
  6. Anónimo16:57

    Aquele rendilhado é a fazer lembrar cestos de vime?

    A proposta que ganhou parece-me ter maior carga identitária e simbólica para o país anfitrião. Já para não dizer que o Wieder dava maiores garantias, em termos de experiência, para preencher todos os requisitos técnicos. A RTP escolheu bem.

    ResponderEliminar
  7. Anónimo17:59

    Como este modelo tem uma ledwall, será que esse foi um motivo para a RTP não o escolher? Já que queria que o espetáculo fosse essencialmente de luz e mais teatral...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo06:31

      O design original do Florian também tinha leds

      Eliminar
    2. Anónimo11:54

      Anónimo 06:31, luzes led não são o mesmo que ledwall!

      Eliminar
    3. Anónimo02:58

      O nosso palco teria ficado mil vezes melhor um ledwall. enfim

      Eliminar
  8. Anónimo18:25

    Apesar de tudo, é melhor o palco vencedor... Mesmo com essas espinhas-notas musicais.

    ResponderEliminar
  9. Anónimo18:51

    O palco da eurovisao 2018 foi o melhor de sempre. O de Israel deste ano é uma porcaria e esta proposta da Hora do Lobo também

    ResponderEliminar
  10. Anónimo20:12

    Ainda bem que este nao foi escolhido. Ia ser muito banal, igual ao de Viena ou Kiev emq ue so muda a forma da estrutura superior, para nao falar que essa estrutura superior ia ser muito cara e é horrível. E ainda os Leds atraz estao de uma forma pessima e as perfomances iam ser todas fuleiras como em kiev

    ResponderEliminar
  11. Anónimo21:13

    Aquela estrutura suspensa no ar que vai desde o palco até à greenroom taparia a visão a uma parte dos espectadores das bancadas para ao palco principal, portanto não sei se seria muito viável.

    ResponderEliminar
  12. Anónimo23:57

    Parece o palco de 2015 mas literalmente descascado e tem a mensagem subliminar da Estrela de Davi, ou seja, já tinham previsto que Israel ia ganhar. Ainda bem que foram com a proposta do Florian Wieder!

    ResponderEliminar
  13. Anónimo01:55

    Desculpem sem pés nem cabeça, como é que pessoas profissionais apresentam isto? Eu que não tenho nenhum curso penso que apresentaria algo mais criativo, aqueles Leds foram postos ali porque sim xD

    ResponderEliminar
  14. FANTÁSTICO. Parabéns.

    ResponderEliminar
  15. Anónimo17:58

    O palco foi inspirado em quê? É que o palco de Florian foi inspirado na esfera armilar que por acaso tem muito a ver com o tema dos oceanos.

    ResponderEliminar
  16. Anónimo02:57

    Foleiro até dizer chega, mas os LEDS disfarçavam imenso e melhoravam tudo.

    ResponderEliminar
  17. Não gosto.Parece uma salganhada de "redes" espalhadas com um painel de vídeo atrás.Já para não falar (tal como já referiram) que não se percebe a ideia daquela estrutura ir até à green room.Ou aquilo seria amovível ou então o público nas bancadas superiores não ia ver nada(!!!)

    Apesar da execução do palco deste ano ter falhado em alguns aspectos (as "costelas" não se moverem e os arcos não serem iluminados na sua totalidade) ainda assim a ideia é mil vezes melhor do que esta.

    ResponderEliminar