OGAESC: Catarina Miranda em 18.º lugar no OGAE Second Chance 2018


A OGAE Portugal, representada por Catarina Miranda e "Para Sorrir Eu Não Preciso De Nada", ficou em 18.º lugar no OGAE Second Chance 2018. Annalisa e "Il Mondo Prima Di Te!", representantes da OGAE Itália, foram os vencedores.


A OGAE Suécia, responsável pela organização do OGAE Second Chance 2018 depois da vitória de Mariette em 2017 (AQUI), revelou, esta tarde, os resultados da edição do concurso virtual. Com 27 associações participantes, representadas por temas que disputaram as respetivas finais nacionais, a edição deste ano contou também com a votação de 16 associações que não participaram (Croácia, Bélgica, Israel, Chipre, Rússia, Andorra, Áustria, Luxemburgo, Grécia, Eslováquia, Azerbaijão, Irlanda, Turquia, Holanda, Macedónia e Bulgária).

A OGAE Itália, representada por Annalisa e "Il Mondo Prima di Te", voltou a ganhar a competição virtual, depois do triunfo em 2015, com 350 pontos, recorde da competição. Em segundo lugar ficou a OGAE França, representada por Emmy Liyana e "OK ou KO", com 302 pontos, enquanto que a OGAE Finlândia, com Saara Aalto e "Domino", encerrou o pódio com 233 pontos. 


A OGAE Portugal ficou-se pelo 18.º posto entre 27 países, tendo sido representada por Catarina Miranda e o tema "Para Sorrir Eu Não Preciso de Nada", recolhendo 28 pontos, tendo sido a  favorita da OGAE Albânia. Por sua vez, a pontuação máxima da associação portuguesa rumou à representante da OGAE Espanha, "Lo Malo", canção que ficou em 4.º lugar da geral.






Aceda, de seguida, à votação da OGAE Portugal:

12pts Espanha - Ana & Aitana - "Lo Malo"
10pts França - Emmy Liyana - "OK ou KO"
8pts Finlândia - Saara Aalto - "Domino"
7pts Itália - Annalisa - "Il Mondo Prima di Te"
6pts Reino Unido - Asanda - "Legends"
5pts Noruega - Rebecca - "Who We Are"
4pts Alemanha - voXXclub - "I mog di so"
3pts República Checa - Eva Buresova - "Fly"
2pts São Marino (Resto do Mundo) - Sara de Blue -- "Out of the Twilight"
1pt Suécia - John Lundvik - "My Turn"

Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte e Vídeo: OGAESweden / Imagem: RTP

7 comentários:

  1. Anónimo23:34

    Nunca percebi bem o fascínio pela canção da catarina, acho que houve melhores canções como da Lili

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo09:40

      Tambem. Ainda qieriam levar isto. Era para ficar com 0 pontos. E uma seca de mysica

      Eliminar
    2. Anónimo13:02

      Acho que parte do fascínio era porque a canção falava de um amor entre duas mulheres ou duas meninas, a letra e o figurino remetia para um amor inocente em tempos de escola

      Eliminar
    3. Anónimo16:35

      A melhor música do FC ficou nas semifinais. O que é que queriam?!! Que ficassemos no top 10?

      Eliminar
    4. Anónimo19:19

      Anónimo das 16:35, que música foi essa?

      Eliminar
  2. Anónimo19:38

    9h40 "Uma seca de mysica" foi aquela coisa repetitiva com 3 acordes, que ficou em último lugar na Eurovisão.

    ResponderEliminar
  3. Esta segunda dose do concurso eurovisivo vale o que vale, não dá nem tira prestígio e até mesmo o 18º lugar não impressiona negativamente a jovem Catarina. É ela própria que diz a cantar que para sorrir não precisa de nada e eu acho bem. E sempre é melhor do que aquela que teve a preferência da maioria.

    ResponderEliminar