ESC2019: Emissora de São Marino "ainda não decidiu" a participação em Telavive


A emissora estatal de São Marino confirmou, ao ESCPORTUGAL, que a decisão final sobre a participação no Festival Eurovisão 2019 ainda não foi tomada. 


Apesar de ser sido um dos primeiros países a manifestar interesse em participar no Festival Eurovisão 2019, São Marino ainda não confirmou a participação... e os rumores começam a surgir. Depois de ter garantido que a decisão ainda não estava tomada no início de setembro, a emissora estatal do país, a SMRTV, confirmou ao ESCPORTUGAL que a decisão final ainda não foi decidida.

Deste modo, tendo em conta que o prazo de inscrição para o Festival Eurovisão 2019 terminou em meados de setembro, a emissora de São Marino terá feito a inscrição preliminar, podendo a mesma ser retirada até meados de outubro sem qualquer penalização financeira imposta pela EBU/UER. Contudo, só nos próximos dias será anunciado se São Marino estará (ou não) representado em Telavive.

O Festival Eurovisão 2019, que terá lugar em Telavive entre 14 e 18 de maio, conta, atualmente, com 39 países provisoriamente confirmados: Albânia, Alemanha, ARJ Macedónia, Austrália, Áustria, Azerbaijão, Bélgica, Bielorrússia, Bulgária, Chipre, Croácia, Dinamarca, Eslovénia, Espanha, Estónia, Finlândia, França, Geórgia, Grécia, Hungria, Islândia, Letónia, Lituânia, Holanda, Irlanda, Israel, Itália, Malta, Montenegro, Noruega, Polónia, Portugal, Reino Unido, República Checa, Roménia, Sérvia, Suécia, Suíça e Ucrânia já confirmaram presença. Por outro lado, Andorra, Bósnia-Herzegovina, Eslováquia, Luxemburgo, Mónaco e Turquia confirmaram que não estarão a concurso em Israel, apesar de terem participado anteriormente no evento.

Estreante em 2008, São Marino conta com 9 participações no Festival Eurovisão, tendo apenas alcançado a Grande Final em 2014, com Valentina Monetta a levar "Maybe" ao 24.º lugar da geral. Em Lisboa, o país foi representado por Jessika feat. Jenifer Brening e "Who We Are": a candidatura, que recebeu a primeira pontuação máxima da história do país oriunda do televoto de Malta, terminou em 17.º lugar com 28 pontos na semifinal, escapando ao último lugar por apenas 4 pontos.


Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCPORTUGAL / Imagem e Vídeo: Eurovision.tv

1 comentário:

  1. Anónimo12:59

    Acho que se São Marino não parcipar não vai ser só devido aos maus resultados que têm tido, mas também pelas críticas que os comentadores da RAI fizeram em 2018 e de diversos cidadãos italianos têm feito ao país por não ter dado os 12 pontos ao Gabanni

    ResponderEliminar