[VÍDEO] Eleni Foureira conquista Madrid com "Fuego" e "Lo Malo"

Eleni Foureira "incendiou" Madrid na noite passada ao cantar "Fuego" com a qual representou Chipre no Festival Eurovisão da Canção 2018 em Lisboa. Foram mais de 25.000 pessoas a assistir ao evento, número da organização. 

Depois de ter conquistado Lisboa no passado mês de maio, Eleni Foureira cativou mais de 25.000 pessoas que assistiram na noite passada à gala de eleição do 'Mr Gay Pride España 2018', que decorreu em pleno centro da capital do país vizinho. Para além de cantar "Fuego", Foureira surpreendeu com uma versão de "Lo Malo", um êxito viral de Ana Guerra e Aitana que tentaram representar Espanha no Festival Eurovisão 2018.


A performance da representante de Chipre não se ficou por aí: para além de cantar outros temas do seu CD, a artista também deu voz a grandes êxitos de artistas internacionais como Rita Ora, Camila Cabello, Jennifer López e Dua Lipa, durante a sua atuação no palco cedido pelo governo local de Madrid durante as Festas do Orgulho LGTBIQ.


Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: EL PERIODICO / Imagem: MADRID FREE / Vídeo: YOUTUBE

8 comentários:

  1. Anónimo11:03

    Mas a 'Festa' não é só divertimento, há uma parte lúdica muito forte. É o que houve na 5ª feira passada e, se for permitido, peço ao ESCPortugal que autorizem a divulgação do Pregão, muito, mas muito bom (em Portugal algo deste género só acontecerá depois de 40 anos, após as associações darem o primeiro passo, que ainda não aconteceu): www.youtube.com/watch?v=ocr5Jz_R8kI (depois do minuto 8:00). TVE também começou uma fabulosa série documental sobre a temática LG(3)TBIQ+, para além de pequenas reportagens durante esta semana. Já está disponível o primeiro dos sete capítulos, "Amarelo": http://www.rtve.es/playz/nosotrxs-somos/ "Peace and Love" para tod@s!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. tipicamente português....a mandar abaixo o que é feito cá.

      Eliminar
  2. Anónimo13:55

    E o que é que é feito cá nesta matéria, Unknown? Qual o motivo de não ter revelado a grande lista que existe? Atirar pedras e assobiar para o lado é tipicamente português, não é verdade, Unknown?

    ResponderEliminar
  3. Anónimo21:19

    Não estou a perceber nada do que de está a passar nesta secção de comentários.
    Primeiro o anónimo diz que a festa não é só divertimento e há uma parte lúdica (divertido e lúdico são adjetivos que significam a mesma coisa).
    Depois o anónimo põe-se a falar mal da pride portuguesa porque não têm um pregão? (Mas esse anónimo já foi à pride portuguesa?), acrescento que esse aparte é desnecessário para tentar convencer que a organização espanhola é mais "proficional" que a portuguesa, mas também eles têm mais patrocínios que as associações têm (aliás, esses patrocínios em espanha têm sido questionados por algumas associações mais militantes, falando que a "luta" pelos direitos da comunidade foi vendida)
    Depois o outro anónimo fala de uma lista... Que lista? A Eleni tinha uma lista? Ela também quer fazer um remake do Jumanji como aquela atriz americana?
    O que é que estes comentários têm a ver com a notícia?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo08:51

      Anónimo 21:19, se não percebe o comentário do anónimo, relaxe, que também não há quem perceba o seu.

      Eliminar
  4. Anónimo22:14

    Amo a Eleni

    ResponderEliminar
  5. Anónimo11:29

    Eu fui a Madrid à Pride, já vou há vários anos. Não se pode comparar, em Lisboa a Pride ainda é vitima de chacota, os concertos (??) são mauzitos. Em Madrid é uma festa como qualquer outra, e é assim que tem de ser

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo15:57

      Caro Anónimo 11:29, pelo que eu li e ouvi (atenção!), o Madrid Pride é o maior Orgulho da Europa e o 2º maior do Mundo. Pelo discurso no Domingo de altas individualidades políticas e associativas de Madrid e de Espanha, quando iniciou o arranque das "Carrozas", o País vizinho tem políticas de Igualdade actuais que deixam envergonhado todos os nossos políticos do Governo e da oposição, quanto mais as reivindicações que exigiram. Acredito que se tenha divertido e espero que agora, neste nosso cantinho, inspire outras pessoas, para assim TRANSformar os nossos políticos, em primeiro lugar, e esta nossa sociedade.

      Eliminar