Conchita Wurst: "A Alemanha poderia ganhar o Festival Eurovisão 2018"


Conchita Wurst, vencedora da edição de 2014, garantiu que "irá adorar" se Israel ganhar o Festival Eurovisão 2018, mas realça que a Alemanha perdeu uma grande oportunidade de triunfar em Lisboa.

Em entrevista ao jornal britânico The Independent, Conchita Wurst, vencedora do Festival Eurovisão de 2014, falou sobre quais as suas preferências sobre a edição deste ano. "A Alemanha poderia ganhar o Festival Eurovisão 2018 se tivessem escolhido Ryk com "You and I". Deviam ouvi-la. É uma canção tão bom... seria a melhor a concurso em Lisboa, mas a Alemanha fez uma escolha diferente" afirmou a cantora.


Contudo, de entre as 43 canções a concurso, Conchita Wurst tem uma preferida: "Adoro a canção da Netta de Israel. Se ela ganhar vou adorar... A primeira vez que ouvi «Toy» fiquei do género: Oh meu Deus, isto é tão bom e incrível. É um pouco Bjork... um pouco peculiar" afirmou, deixando algumas críticas à composição, "Tenho de dizer que o refrão desiludiu-me... Mas quem sou eu para julgar? Também defendi 'That's What I Am', uma canção do mesmo género, mas esta é apenas a minha opinião".
Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovoix / Imagem: Eurovision.tv / Vídeo: NDR

8 comentários:

  1. Nem mais... Ryk com You and I era a melhor canção para Lisboa.

    ResponderEliminar
  2. Anónimo20:38

    Bjork é a Polónia 1995, mas a Netta nas partes mais calmas parece que prenuncia as palavras como a Bjork, e foto dela com o Kimono faz-me lembrar o albym Homogenic da Bjork. Mas evitem compará-la com a Bjork.

    You and I pela primeira vez que estou a ouvir, é bonita e sim seria uma melhor alternativa que a outra balada, mas se a França tivesse escolhido o Malo esse sim teria os meus votos garantidos. Mas é possível que vote na França na mesma, público francês com bom gosto meteu-o em 2ºlugar, já merecem uma recompensa :D

    ResponderEliminar
  3. Anónimo21:11

    Grande verdade sobre a Alemanha

    ResponderEliminar
  4. Anónimo21:16

    É uma canção tão bom?????

    ResponderEliminar
  5. Ele/a gosta disto? Com desafinancos e tudo? Diz também que é melhor do que a outra? Ainda bem que não foi ele/a a escolher. Safa!

    ResponderEliminar
  6. O Director da ARD já afirmou(moro na Alemanha e ouvi as declarações do senhor)não está interessado em ganhar o ESC.A Alemanha se quisesse já o tinha feito.

    ResponderEliminar
  7. Anónimo18:44

    Se há países que efetivamente não apresentam qualquer interesse em ganhar o concurso, para que então concorrer? Qual a lógica em fazer parte de uma competição se não há interesse em verdadeiramente competir?

    ResponderEliminar