ESC2018: Ucrânia pode ficar de fora do Festival Eurovisão 2018


A emissora ucraniana UA:PBC poderá encerrar até ao final de abril se não for encontrada uma solução para o seu financiamento, avançou a União Europeia de Radiodifusão (EBU/UER).

A participação da Ucrânia na próxima edição do Festival Eurovisão está em risco. A notícia foi avançada pela União Europeia de Radiodifusão (EBU/UER), informando que a emissora UA:PBC poderá ser forçada a encerrar as transmissões até ao final de abril se não for encontrada uma solução para o financiamento da mesma. Depois da audiência parlamentar, decorrida na passada semana, alguns responsáveis da emissora estatal garantiram que, até ao momento, a UA:PBC só recebeu metade do valor do financiamento estatal que lhe era destinado, o que poderá culminar no encerramento da mesma, um ano depois da sua abertura.

Radka Betcheva, uma das responsáveis pelas Relações entre Membros da EBU/UER, já reagiu à situação: "Estamos extremamente preocupados com a falta de financiamento sustentável para a UA:PBC. Essa carência irá sufocar o crescimento e o desenvolvimento desta instituição democrática, ameaçando mesmo a sua existência. Isto poderá também prejudicar as negociações da adesão da Ucrânia à União Europeia".

De realçar que a UA:PBC, sucessora da NTU, está a passar por um processo de reestruturação das suas 28 unidades regionais espalhadas pelo país, reduzindo o número de funcionários e passando a transmissão para via satélite. Em caso de encerramento em abril, a Ucrânia seria obrigada a retirar-se do Festival Eurovisão 2018, tendo em conta que nenhuma outra emissora ucraniana é membro da União Europeia de Radiodifusão.

Anfitriã da edição do ano passado, a Ucrânia será representada no Festival Eurovisão 2018 por Mélovin e o tema "Under the Ladder". Recorde, de seguida, a candidatura:

Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovoix/ Imagem/Vídeo: eurovision.tv

5 comentários:

  1. Anónimo18:50

    Aparece sempre alguma coisa

    ResponderEliminar
  2. Anónimo18:56

    Sinceramente todos anos aparece alguma coisa

    ResponderEliminar
  3. Anónimo19:32

    Não!!!!!!!

    ResponderEliminar
  4. Anónimo19:35

    nao acredito nisto... vamos voltar a ser mais um ano como os ultimos dois anunciam se 43 e apresentam se 42...

    ResponderEliminar
  5. Anónimo12:48

    Não, a Ucrânia TEM de participar!

    ResponderEliminar