[Olhares sobre o Festival da Canção 2018] Conheça o painel de comentadores


Depois da 1ª semifinal do Festival da Canção chega a hora dos comentadores convidados pelo ESCPortugal darem a sua opinião sobre os temas a concurso. Saiba quem são os comentadores deste ano!


O ESCPORTUGAL leva a cabo mais uma edição do Olhares sobre o FC, uma das iniciativas mais conhecidas do seu site eurovisivo português. Este ano, o painel é composto por 14 comentadores, o mesmo número de canções da final do Festival da Canção 2018. Estes são provenientes de várias áreas profissionais e de várias regiões do país e estrangeiro. Foram convidados pelo ESCPORTUGAL por serem detentores de conhecimentos e experiências ligadas à Eurovisão e ao Festival da Canção, o que vai fazer dos seus Olhares uma referência. Os seus comentários são totalmente independentes.

Os comentadores terão, a partir de hoje e durante esta semana, a missão de dar a sua opinião sobre os 13 temas a concurso na 1.ª semifinal do Festival da Canção. Uma semana depois, o mesmo acontecerá para com os temas da semifinal 2. Convidamos também todos os leitores a deixarem as suas opiniões na caixa de comentários. Mas, antes disso, fique a conhecer um pouco melhor o nosso painel.

Adão Nogueira - Nascido em Guimarães em 1984, reside atualmente em Coimbra. Começou a ver o Festival bastante cedo, primeiro em família, mas nos últimos anos o interesse tem aumentado, destacando a sua entrada no painel do ESCPortugal Regiões. Recentemente, tem integrado o leque de comentadores dos Olhares sobre as finais nacionais, iniciativa do  ESCPORTUGAL.

Cátia Azevedo - Nascida em 1991 na cidade de Guimarães, vive atualmente no Sul de França. Acompanha a Eurovisão desde 2003 e, ironia das ironias, acompanhou a Final do Festival da Eurovisão 2017 em Itália, terra de um dos nossos potenciais rivais, algo que "foi muito interessante de vivenciar porque acho que vivi a vitória ainda mais intensamente do que se estivesse noutro lugar qualquer". Garante ter uns gostos musicais "mais direcionados para outras vertentes", mas ouve de tudo um pouco, apesar de admitir ser um pouco "anti música pastilha elástica" (mas ouve uma pop music até à exaustão se a mesma for bem conseguida).

Fabiana Silva - Fabiana Silva tem 31 anos de idade, é funcionária pública e chega-nos do Brasil. A sua história com a Eurovisão começou em 2001, quando viu o vídeo de “Je n’ai que mon âme” na TVE Internacional. Já a oportunidade de trabalhar com o festival veio em 2008 e praticamente não parou desde então! Em 2011 esteve em Düsseldorf para acompanhar ao vivo as três noites de show e foi, com certeza, a melhor experiência da sua vida. Por causa do site JanelaESC, encontrou vários artistas, tais como Noa & Mira Awad, DJ Bobo, Nicki French, etc; também entrevistou, através de email ou skype, nomes como Danny Saucedo, Isis Gee, Trini (Vanilla Ninja), Daniel Kajmakoski, Anna Rossinelli, PeR, Jay Jay Johanson, Flor-de-Lis, entre outros. Esta expert em Eurovisão acredita que a competição cresce a cada ano, desejando poder vir a fazer a cobertura desse crescimento como blogger, dando sempre um tempero brasileiro a algo tão europeu.

Francisco Branco - Jornalista da região de Lisboa. Confessa que exercer esta profissão é uma das suas grandes paixões. Mas, na verdade, "tenho outro grande amor", afirmou ao ESCPORTUGAL: "Acompanho de perto o festival desde a minha adolescência, mais precisamente desde 2002, quando o fenómeno Rosa Lopez uniu a Espanha em torno da Eurovisão. A partir daí segui ferverosamente este formato, que combina a melhor música europeia com a adrenalina própria da competição, num grande espetáculo televisivo". Durante algum tempo, não só chegou a escrever artigos para o ESC Portugal e outros sites eurovisivos, como editou, de forma lúdica, diversos videoclips não oficiais de representantes nacionais. "Para mim, a Eurovisão é mais do que um simples evento: é parte importante da minha vida, e é essencial para a minha felicidade!"

Gonçalo Vieira - Açoriano de 21 anos, estuda Direito em Braga. Assiste ao Festival da Eurovisão desde que se recorda, sendo que a sua primeira memória associada ao certame foi a actuação de Natasha St Pier em 2001. Viveu a vitória de Portugal na anterior edição do ESC com um sentimento de euforia outrora nunca vivido. A sua canção predilecta que alguma vez participou no Festival foi "Lane Moje", da Sérvia e Montenegro em 2004.

Hugo Sepúlveda - Licenciado em Design e Marketing de Moda e pós-graduado em Comunicação, Arte e Cultura, Hugo Sepúlveda tem 26 anos de idade e reside em Braga. Acompanhante da Eurovisão desde cedo, apaixonou-se pelo concurso em 2008, com o interesse a crescer de ano para ano. Ainda que mais recentemente, o mesmo interesse expandiu-se para o Festival Eurovisão Júnior. Integra o painel do ESCPortugal Regiões desde 2016, tendo participado nas últimas edições do Olhares.

João Diogo - Faz parte integrante da equipa do ESCPortugal desde 2013. É do Porto, tem 25 anos de idade, é licenciado em Relações Internacionais e tem um mestrado na mesma área. A Eurovisão é o seu hobbie preferido, seguindo-o afincadamente desde 2007. As suas canções eurovisivas preferidas são Hard Rock Hallellujah, Hold Me Now, My Number One, Senhora do Mar, We Could Be The Same, L'Amore È Femmina, Euphoria, Quédate Conmigo, Crno I Belo, Lane Moje, Birds e Lusitana Paixão. 

João Duarte - Tem 21 anos de idade e é de Lisboa. Estudante de Biologia, é fã da Eurovisão desde sempre, "tendo começado a acompanhar mais a sério desde 2008". Afirma-se como tendo gosto eclético, aprecia desde um explosivo fast food a um requintado bife tártaro. Não se inibe de dizer o que pensa, mesmo quando diverge da opinião da maioria.

Nelson Costa - É membro do ESC Portugal desde 2012 mas há vários anos que se destaca como fonte privilegiada e credível das notícias eurovisivas sobre Portugal para vários sites e órgãos de comunicação nacionais e estrangeiros. Desde 2001, inclusive, sempre assistiu ao vivo ao Festival da Canção e, em 2018, completa-se 12 anos desde que assistiu ao vivo ao Festival Eurovisão da Canção pela primeira vez. Não se lembra desde quando é fã da Eurovisão: "Talvez desde 1986", afirma hesitante. Profissionalmente, ocupa-se na região do Porto pela gestão e organização de diversos projetos transnacionais na área da Educação, obrigando-o a viajar por diversos países da Europa e América Latina. "Mas levo sempre a Eurovisão na mala", diz a sorrir.

Nuno Carrilho - Natural de Alpalhão, no distrito de Portalegre, Nuno Carrilho trocou as planícies alentejanas pela capital portuguesa para estudar Engenharia Física, na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. Membro da equipa do ESCPortugal desde 2010, é um dos principais dinamizadores das iniciativas do site. Apesar de remota, manteve sempre a esperança de ver Portugal a conquistar a primeira vitória no Festival Eurovisão... et voilà aconteceu em 2017!

Nuno Reis Conceição - Tem 42 anos e é natural de Sintra. Actualmente é bolseiro da Reitoria da Universidade de Lisboa, na qualidade de gestor do recém-criado Colégio de Química, e encontra-se a frequentar o Mestrado em Química no IST. A outra “paixão” é o Festival Eurovisão da Canção, evento que acompanha fervorosamente desde 1994 (embora as suas memórias eurovisivas sejam anteriores…) sempre torcendo por uma tão desejada vitória portuguesa, que finalmente aconteceu em 2017!

Patrícia Gargaté - De Portalegre a viver na Covilhã. Mas aqui no ESC Portugal todos a conhecem por Patrícia G. sobretudo à segunda-feira quando lança a rubrica "ESCPortugal Vidas". Tem 24 anos de idade, é licenciada em jornalismo, eterna apaixonada por rádio e consequentemente, por música! A Eurovisão entrou muito cedo na sua vida: "Considero-me uma eurofã desde criança, os meus pais que o digam, "obrigava-os" a ver e não havia zapping naquelas horas", diz a sorrir. Hoje em dia as coisas são mais a sério: "Acompanho desde as finais nacionais à grande final e aquelas músicas fazem parte do meu dia-a-dia". Graças ao Festival da Eurovisão conheceu muitas coisas, muita gente. É uma amante do mundo, de conhecimento e as raízes do festival "ajudam-me a explorar um pouco mais".

Pedro Coelho - Administrador e fundador do site Espalha-Factos, atualmente trabalha no marketing e comunicação da NOVA FCSH - Faculdade de Ciências Sociais e Humanas. Interessado em comunicação e media desde sempre, é licenciado em Ciências da Comunicação pela NOVA e tem uma pós-graduação em Comunicação e Política pelo ISCTE-IUL.

Pedro Fernandes - Nascido em Lisboa há 25 anos, Pedro Fernandes faz parte da equipa do ESC Portugal desde 2015. Seguidor atento do Festival da Canção e do Festival Eurovisão da Canção desde 2008, destacou-se ao longo destes anos com a presença em fóruns de debate televisivos sobre a temática eurovisiva, como foi o caso de ‘A Voz do Cidadão’, em 2015. Ainda nesse mesmo ano, foi o promotor da petição “Queremos Portugal na Eurovisão”, que alcançou destaque nas redes sociais por, mais do que estar contra à anunciada retirada da RTP da Eurovisão 2016, pôr em causa toda a estratégia seguida até então pela estação pública ao redor do Festival da Canção e da Eurovisão. Licenciado em Gestão pelo Instituto Superior de Economia e Gestão, da Universidade de Lisboa, prossegue agora os seus estudos a nível de Mestrado após duas curtas experiências profissionais na área do marketing e das finanças.


Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte/Imagem: ESCPortugal

Sem comentários