A conferência de imprensa da RTP e da UER/EBU  foi amplamente noticiada em diversos órgãos de comunicação. Fazemos uma ronda pelos principais títulos.

A RTP e a UER/EBU fizeram diversos anúncios durante a tarde de ontem, tal como acompanhámos em direto AQUI. O Observador anuncia em título: “'All Aboard!'”: Divulgado logótipo e slogan da Eurovisão 2018". O site destaca as palavras do presidente do conselho de administração da RTP Gonçalo Reis, que explicou que “a narrativa” visual, criada para divulgar a edição de 2018 da Eurovisão além fronteiras, pretende mostrar Portugal como um “país aberto, inclusivo, tolerante” e multicultural". O país anfitrião voltou a garantir que o festival será realizado sem os gastos excessivos que marcaram edições anteriores. De acordo com o presidente da RTP, a edição de 2018 será “sofisticada, mas com um registo de simplicidade elegância”. “De certa maneira, estamos a tentar fazer o que Salvador Sobral fez no ano passado”, referiu, explicando que a escolha por esta abordagem mais simples não se deve apenas a “uma questão de custos”, mas também porque a equipa da RTP acreditou que era a melhor. “Achamos que um registo destes terá muito impacto.” A mesma linha de artigo foi seguida pelo jornal Público


A TVI24 destaca as medidas de segurança que serão tomadas na quinzena eurovisiva. Em declarações à agência Lusa, o responsável editorial da equipa criativa do Festival Eurovisão da Canção 2018, Gonçalo Madaíl, afirmou que será seguido “o protocolo [de segurança] de um evento desta dimensão, e haverá não só a segurança privada do próprio evento, como a segurança pública”.Gonçalo Madaíl afirmou que a segurança será “notada, não só junto do Parque das Nações, como um pouco por toda a cidade”, e não excluiu a hipótese de encerrar ruas ao tráfego. Todavia, o responsável salientou que tudo está a ser tratado pelo Ministério da Administração Interna, que “é a entidade primeira, que deve não só certificar, homologar e acompanhar, bem como passar as primeiras diretrizes”, mas também em colaboração com a Câmara de Lisboa.


No Blitz fala-se nos eventos para a cidade: "A Praça do Comércio será cenário de espetáculos ao vivo, com a presença de concorrentes e artistas nacionais, de um "Eurovison Café", onde se localizará um estúdio da RTP, um ecrã gigante e um "palco intimista". A cerimónia de boas-vindas, internacionalmente designada de "red carpet" será no Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia. E, realçando a ligação aos oceanos, a tradicional passadeira vermelha será azul. "Blue is the new red!", afirmou Nuno Galopim, que faz parte da equipa organizativa, citado pelo Blitz.

O Diário de Notícias aponta que a animação começa logo no dia 4 de maio, com a abertura, no Terreiro do Paço, da Eurovision Village, um espaço de animação, de entrada livre, que funcionará todos os dias das 15.00 às 23.00, onde atuarão concorrentes e artistas nacionais e se poderá assistir, num ecrã gigante, à transmissão em direto das duas semifinais e final do festival. O Euroclub será uma discoteca junto ao rio, mas de entrada apenas para quem tiver acreditação. 


 A revista VIP destaca a presença esperada de Salvador Sobral na Eurovisão 2018: "É tradição que o vencedor do ano anterior atue, no seu país natal, no Festival da Eurovisão", afirmou Gonçalo Reis, citado pela revista. "E, do que depender da RTP, essa tradição manter-se-á. Eu estou muito otimista, muito crente e posso dizer que o Salvador está tão ou mais otimista do que eu», garante Gonçalo Madaíl. O responsável da RTP adianta ainda que Salvador Sobral tem estado em contacto com a organização do certame. «Seria inevitável fazê-lo porque o Salvador faz parte desta narrativa. Ele é mais do que um consultor. Ele constitui as páginas deste livro que estamos a contar. Temos conversado muito e muito bem», explica , acrescentando: «nem sequer colocamos a hipótese de ele não estar». E o músico de 27 anos também quer estar a 12 de maio no Altice Arena. «Ele está com toda a sua energia a preparar-se para estar bem no Festival Eurovisão da Canção».




Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: GOOGLE / Imagem: RTP 

3 comentário(s):

  1. Que façam tudo na linha do que fizeram na Expo´98 e Euro2004 que receberam rasgados elogios!
    Vamos Portugal!

    ResponderEliminar
  2. Pedro Carvalho19:30

    Pena o euro club ser so para acreditações

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Luis Andre Santos01:58

      Resta o "Eurovision Café", melhor do que nada ...

      Eliminar

Temas em Destaque

 
Top