O serviço de auditoria estatal da Ucrânia afirma que cerca de 364 mil euros do orçamento do Eurovision Song Contest foram desviados em fraudes e irregularidades financeiras.


Um total de 11.400.000 UAH, cerca de 364 mil euros, terão sido desviados do orçamento do Festival Eurovisão da Canção de 2017, devido a fraudes e irregularidades financeiras. A afirmação é do serviço de auditoria estatal da Ucrânia que esteve a analisar as contas do evento. Cerca de 2.800.000 UAH foram desviados para fornecedores que cobraram demasiado pelos serviços que prestaram e 8.600.000 UAH para irregularidades contabilísticas durante o processo de contratação.

Para além destas irregularidades, a auditoria revelou ainda que contratos no valor de 400.000.000 UAH não foram submetidos a todos os procedimentos legais exigidos. Isto inclui uma série de empresas que ganharam contratos para o concurso e que, não cumprindo os critérios do processo de licitação, tiveram de fazer sub-contratações. Um exemplo dado é o da empresa escolhida para instalar detetores de metais na arena. Foram pagos 2,7 milhões de UAH a esta empresa que depois contratou outra para fazer o trabalho por si por apenas 1,5 milhões de UAH.

Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovoix / Imagem: Eurovision.tv

2 comentário(s):

  1. Anónimo17:02

    Ja estava. Adivinahr que isto ia acontecer... Paises de leste....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo20:08

      Sim, é verdade, uma vez que em Portugal os desvios acontecem, mas ao contrário dos países de leste, não há quem os quantifiquem, pois são números astronómicos...

      Eliminar

Temas em Destaque

 
Top