A emissora estatal grega ERT terá convidado as 8 maiores discográficas nacionais para apresentarem propostas para o Festival Eurovisão 2018, sendo previsível que o país volte a organizar uma final nacional.

Após dois anos de seleções internas, que culmiram numa das piores séries de resultados da história do país, a emissora estatal da Grécia terá convidado as oito maiores discográficas nacionais para apresentarem propostas para o Festival Eurovisão 2018. 

A notícia é avançada pela INFE Greece, um dos maiores clubes de fãs do país, que revela que consoante as propostas enviadas a ERT analisará o regresso de uma final nacional, onde diversos artistas disputarão o direito de representar o país em Lisboa. Contudo, o plano apenas avançará se o comité criado pela ERT para avaliar as propostas recebidas aprovar um número suficiente de participantes para o certame.


Estreante em 1974, a Grécia participou em 38 edições do Festival Eurovisão, tendo alcançado resultados medianos até à mudança de século. Posteriormente, o país tornou-se uma das grandes potências eurovisivas, com três terceiros lugares e uma vitória entre 2001 e 2008. Depois da eliminação em Estocolmo, o país regressou à Grande Final na edição passada quando representada por Demy e 'This is Love', terminando em 19.º lugar com 77 pontos. Recorde a atuação de seguida:

Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: INFEGreece / Imagem e Vídeo: Eurovision.tv

0 comentário(s):

Enviar um comentário

Temas em Destaque

 
Top