O cantor Stiko Per Larsson venceu o Svensktoppen Nästa 2017 e conquistou uma das 28 vagas no alinhamento do Melodifestivalen 2018, certame que decidirá os representantes suecos no Festival Eurovisão em Lisboa.

Pela primeira vez desde 2014, o vencedor do Svensktoppen Nästa da rádio sueca P4 disputará a próxima edição do Melodifestivalen. O cantor Stiko Per Larsson foi o grande vencedor da competição, com 55% dos votos, com a canção "Kumpaner": "Estou muito feliz e grato por este prémio e quero agradecer a todos os que votaram e aplaudiram. Tenho o maior respeito por todos os outros colegas e espero que todos consigam atingir o que acabei de atingir" afirmou aquando da entrega do troféu.


Além do troféu, a organização do certame atribuiu ao cantar a vaga correspondente à rádio P4 no Melodifestivalen 2018, sendo a primeira vez desde 2014 que o vencedor é congratulado com o lugar: "Com um grande dose de charme e presença, tanto no palco como na expressão artística, o júri decidiu atribuir ao Stiko Per Larsson uma vaga no Melodifestivalen 2018". Contudo, tal como aconteceu nos anos anteriores, o tema não está autorizado a entrar no concurso por ter sido revelada publicamente antes de 1 de setembro.


A rádio sueca P4 tem direito a uma vaga no Melodifestivalen desde 2013, sendo que nenhum dos seus representantes conseguiu apurar-se para as fases seguintes do concurso: Terese Fredenwall (2013) e Smajling Swedes (2016) conquistaram a quinta posição na semifinal, sendo o melhor registo até ao momento. Na edição passada, o grupo Les Gordons levou "Bound to Fall" ao concurso, terminando na 6.ª posição da semifinal. Recorde a atuação de seguida:


Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: sverigesradio / Imagem: StikoFB / Vídeo: SVT

1 comentário(s):

  1. Anónimo13:59

    Soube da existência deste festival em 2015, quando o ESCPortugal o publicitou. Gostei dos Jawone, o que me levou até uma música/vídeo muito fresco e fez-me pensar que os suecos são "modernos"... Mas, ao que parece, foi sol de pouca dura, pois tentando recordar a tal canção, descobri que "Jag Kommer Aldrig" foi apagado do mapa (pior do que o tal videoclip dos The Gift, por mostrarem artisticamente um par de seios femininos nus), sendo que o vídeoclip em causa só continha mãos dadas e um ou outro beijo fugaz! Para recordar, só me resta o áudio ao vivo da canção: http://sverigesradio.se/sida/artikel.aspx?programid=2576&artikel=6148966 e as imagens "escandalosas" que ilustram uma entrevista ao vocalista dos Jawone: https://www.qx.se/noje/28649/jag-vill-bryta-den-homofobi-som-existerar-inom-hip-hopen/ N-B. - Espero que o ESCPortugal não censure também este meu desabafo e revolta por este mundo cada vez mais perdido, abundante em extremismos assassinos (adeus, Suécia, shame on you!)!

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top