O vice-primeiro ministro turco, Bekir Bozdag, e a emissora estatal TRT anunciaram, esta manhã, que a Turquia não participará na próxima edição do Festival Eurovisão que será sediada em Lisboa.

Depois de semanas de rumores, a especulação sobre o possível regresso turco ao certame internacional chegou ao fim: a Turquia não participa na próxima edição do Festival Eurovisão. O anúncio foi feito por Bekir Bozdag, vice-primeiro ministro do país e antigo ministro da Justiça, depois de um encontro com representantes da TRT em Ancara.

Questionado sobre a eventualidade do país se fazer representar em Lisboa, Bekir Bozdag desmentiu todos os rumores, afirmando que "No momento, este não é o caso". O sistema de votação e a existência dos Big5 foram apontados como os motivos da ausência do país no concurso.

Momentos depois, foi a vez da emissora turca TRT anunciar que o país continuaria fora da competição internacional: "Não houve melhorias quanto às queixas da TRT junto da EBU/UER. O televoto, onde a Turquia teve o seu maior sucesso, foi reduzido a 50% e os outros são provenientes dos júris nacionais" afirmou um representante da emissora, alegando também razões económicas, "Também os custos de pré-participação e participação são muito altos e superiores aos lucros que obtivemos com a Eurovisão".

A Turquia estreou-se na competição em 1975, tendo participado por 34 ocasiões. Em 2003, Sertab Erener e o tema Everyway That I Can conseguiu a única vitória turca na competição, com um total de 165 pontos. A última participação da Turquia esteve a cargo de Can Bonomo e Love Me Back, que conseguiu o 7.º posto em Baku, cuja prestação pode recordar de seguida:



Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovision.de/ Imagem/Vídeo: Eurovision.tv

13 comentário(s):

  1. Um ano mais acabou a esperança. Lisboa nao tera o record de participantes, 43 mas o que importa é a actualidade e a qualidade das músicas.

    ResponderEliminar
  2. Anónimo15:25

    Concordo na questão dos big5 ... agora em relação ao júri eu também começo a concordar que devia ter um peso menor que televoto , pois o júri só serve para Meter países como Austrália , Suécia e malta no top10

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo16:13

      discordo, os jurados são profissionais. E foi o juri que deu grande vantagem ao Salvador.

      Eliminar
    2. Anónimo19:09

      Não deu nem deixo de dar, o comentário do faria sentido se tivéssemos perdido no televoto e só tivéssemos ganhado pelo júri. O que não aconteceu

      Eliminar
    3. Rúben20:01

      O júri deu 382 pontos e o televoto deu 376, a diferença não foi muito grande, portanto o jurí não deu grande vantagem ao Salvador.

      Eliminar
    4. Anónimo23:50

      As coisas que uma pessoa lê por aqui... isto é a gozar co pagode, certo?

      Vejamos:

      Júri - Portugal 382 Bulgária 278
      Televoto - Portugal 376 Bulgária 337

      PortantoS

      Júri - vantagem de 104
      Televoto - vantagem de 39

      É preciso dizer mais alguma coisa?

      Eliminar
  3. Anónimo15:27

    Excelente noticia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo17:18

      xô daqui!

      Eliminar
    2. Anónimo20:38

      17:18 lol temos pena!!!

      Eliminar
  4. Anónimo15:44

    ;-( então que volte a Eslováquia e a Bósnia

    ResponderEliminar
  5. Anónimo16:46

    que porcaria!

    ResponderEliminar
  6. Anónimo20:43

    Enfim... Sempre o mesmo... O sistema de votaçao e igual para todos... Isto e tao estupido

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. José11:36

      Sim o argumento de "o sistema de votação já não me agrada, não participo" é no mínimo infantil mas não propriamente inesperado (vindo de onde vem).

      Uns números para ilustrar:
      A Holanda entre 1975 e 1997, e 2000 (ano em que o resultado foi inteiramente de juri, devido a explosão de Enschede) no "tempo dos juris" 34 pontos a Turquia; entre 1998 e 2008 (excluindo 2000), ano em que o resultado foi por televoto: 74 pontos.

      Os juris alemães entre 1975 e 1996 deram 23 pontos à Turquia, os televotso "alemães" deram entre 1997 e 2008: 113 pontos.

      É claro que a TRT não está contente com juris...

      Eliminar

Temas em Destaque

 
Top