Representante da Alemanha no Festival Eurovisão de 1957 e 1958, a cantora e atriz Margot Hielscher faleceu aos 97 anos de idade, vítima de causas naturais.

Margot Hielscher, uma das maiores lendas do cinema alemão, faleceu, no passado domingo, aos 97 anos de idade. O anúncio foi feito esta manhã, pelo sobrinho Peter Graf Riaucour, tendo sido revelado que a atriz e cantora sucumbiu durante o sono, no seu apartamento em Munique, vítima de causas naturais.

Com mais de 50 filmes e 200 produções televisivas no curriculum, Margot apareceu, pela primeira vez, no cinema no filme "O coração de uma rainha", em 1940, sucedendo-se as produções cinematográficas até finais dos anos 50. Depois do final da 2.ª Guerra Mundial, a atriz dedicou-se à música, tendo feito uma série de musicais durante a ocupação americana. Na década de 70, tornou-se célebre no país com a apresentação do primeiro talk-show alemão, "Zu Gast bei Margot Hielscher". O último papel enquanto atriz aconteceu em 1994, na série Nelkenkönig, quando anunciou a sua aposentação.

Em 1957, a cantora conquistou o direito de representar a Alemanha no Festival Eurovisão com o tema Telefon, Telefon, terminando na 4.ª posição com 8 pontos. No ano seguinte, volta a representar o país no certame, conquistando a 7.ª posição com Für zwei Groschen Musik. Recorde de seguida as duas participações eurovisivas da cantora:



Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Spiegel / Imagem: NDA /Vídeo: Youtube

2 comentário(s):

  1. Anónimo22:25

    Paz à sua alma

    ResponderEliminar
  2. Anónimo23:44

    Sentido de oportunidade em "telefon, telefon" mas foi em 1958 que apresentou a melhor canção e obteve pior classificação, apesar dos discos a rodar entre as mãos, efeito especial daquele tempo: bela melodia.

    Descansa em paz.

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top