A emissora montenegrina registou um decréscimo no patrocínio comercial da participação no Festival Eurovisão: o valor baixou de 99 mil euros em 2016 para 6 mil euros em 2017.

A emissora montenegrina RTCG revelou que irá discutir as opções de participação na próxima edição do Festival Eurovisão, após uma queda significativa no patrocínio comercial da participação no concurso. Vanja Šipovac, diretora de Marketing da emissora estatal de Montenegro, revelou que a estação recebeu apenas 6250 euros de patrocínio comercial, quase 16 vezes menos do que no anterior, quando a participação dos Highway recebeu perto de 99 mil e 600 euros de publicidade. Contudo, Vanja, garante que não houve qualquer mudança na forma como as propostas foram tratadas.

Segundo declarações anteriores, o Conselho da Administração da RTCG irá discutir, nos próximos meses, a participação do país no Festival Eurovisão em 2018. Contudo, devido aos problemas financeiros da estação, a falta de patrocínios poderá ser fulcral para a participação na edição em Portugal. De realçar que, recentemente, a delegação montenegrina anunciou que os custos de participação foram de 115 mil euros, dos quais 26 mil correspondem à taxa de participação paga à União Europeia de Radiodifusão.

Escolhido internamente pela emissora RTCG, o cantor Slavko representou Montenegro no Festival Eurovisão 2017 com "Space". Contudo, a candidatura terminou em 16.º lugar com 56 pontos, falhando o apuramento para a Grande Final do concurso. Recorde, de seguida, a atuação:


Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: eurovoix / Imagem e Vídeo: eurovision.tv

21 comentário(s):

  1. Anónimo11:25

    Porque é que só acontece isto na nossa edição? 😰😓😭

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Todos os anos existem países a desistir, nada de novo

      Eliminar
    2. Anónimo13:36

      Não só na nossa lol... Em 2014 na Dinamarca só participaram 37 países, o número mais baixo da década.

      Eliminar
    3. Anónimo13:47

      não é só na nossa edição, basta recuares à 5-7 anos e nem 40 participavam

      Eliminar
  2. Anónimo13:12

    não foi este pais que os jurados deram 12 à Grécia e 0 a nós?
    adeus e não voltem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo15:29

      Ah portanto so deviam poder participar os paises que deram 12 pontos a Portugal? Ninguem tem direito a ter um gosto diferente?
      Viva a liberdade de escolha!!!

      Eliminar
    2. Anónimo17:37

      anonimo das 15:29, so por curiosidade: quantos vezes votaste em Portugal este ano?

      Eliminar
    3. Anónimo13:28

      só por curiosidade...como pode um português a residir em Portugal, votar pelo seu país na eurovisão?

      Eliminar
  3. Depois do que o Trump fez ao Primeiro Ministro de Montenegro, acho, mais do que nunca, a presença e permanência de Montenegro na Eurovisão importante.
    Montenegro não é uma nação de segunda ou terceira classe que qualquer líder pode menosprezar sem consequência.

    #montenegro2018 #voltaslavkoestasperdoado

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo15:20

      Ok menos

      Eliminar
    2. Anónimo21:32

      Nao voltes slavko nao voles a participar... Foste um pesadelo

      Eliminar
  4. Anónimo13:30

    Pudera, gastaram 3 mil euros em laca e cabeleireiros para manter aquela trança

    ResponderEliminar
  5. Acho que o zero que Montenegro deu a Portugal foi de mau gosto. Mas devem continuar a participar. Gostei da canção deles

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo21:39

      Mas porquê? Em vez de tanto achar, não seria melhor pensar que se calhar nem toda a gente gosta de Amar pelos dois?

      Eliminar
    2. Anónimo02:23

      claro que nem toda a gente gosta. Mas depois de um resultado tão esmagador, um zero destoa muito. Facto

      Eliminar
    3. Anónimo00:31

      facto duvidoso =))

      Eliminar
    4. Faltou o glamour da trancinha para apreciarem melhor o prato português que lhes foi proporcionado. E depois sabe-se através das suas participações como eles têm dedo para a Eurovisão.É que são mesmo escolhidas a dedo.

      Eliminar
  6. Anónimo18:05

    Simplesmente a música deste ano não era nada de especial

    ResponderEliminar
  7. Anónimo21:34

    Deviam pensar nisto antesbde mandarem coisas como a deste ano.. Ninguem quer patrocinar isto.. Quando ha boas musicas e bons resultado ha patrocinios.. Mas quando a emissora apenas quer participar para conhecerem o seu país... Nao seria melhor conhecerem no por bons motivos?
    Agora se nao houver patrocinios nem participaçao ha..

    ResponderEliminar
  8. Anónimo20:44

    Ainda bem q não vêm. Lá no Montenegro andam todos vestidos assim e usam aquelas tranças no cabelo. Cada vez que viram a cara levamos com cada chicotada...

    ResponderEliminar
  9. Não vem o Montenegro mas vem o Monte Branco (Suíça), penso eu de que.

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top