José Cid, representante português no Festival Eurovisão 1980 e 1998, foi homenageado pela Fundação Mata do Bussaco e surpreendido com uma representação da Lenda de El'Rei D.Sebastião.

Convidado para plantar uma árvore na Mata Nacional do Buçaco, no Luso, concelho da Mealhada, José Cid, representante português no Festival Eurovisão 1980 e 1998, foi surpreendido com uma homenagem prestada pela Fundação Mata do Bussaco, momentos depois de ter plantado um cedro no meio da floresta, juntamente com a sua esposa Gabriela Carrascalão.

Cerca de 60 pessoas, profissionais e voluntários, apareceram no local vestidas como bruxos, ciganos e trovadores, recriando a letra que José Cid escreveu no final da década de 60 para o Quarteto 1111. A encenação, que contou com o reaparecimento da figura mítica de D.Sebastião, foi criada pela Companhia de teatro Viv'Arte com o apoio da Fundação que pretendeu homenagear o artista, que tem fortes ligações ao local.

A Mata Nacional do Buçaco, candidata a Património Mundial da UNESCO, foi ameaçada, recentemente, pelos incêndios florestais, tendo o cantor e compositor apelado à defesa da floresta durante todo o ano, realçando e incentivando as outras entidades para a iniciativa da Fundação Mata do Bussaco de plantar várias árvores com figuras públicas.

Aceda, de seguida, à homenagem prestada ao cantor:



Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte e Imagem: JN / Vídeo: Jornal da Bairrada

2 comentário(s):

  1. Dr, José Sousa-Marta20:37

    Irónico... depois de ele ter dito cobras e lagartos sobre Trás Dos Montes, ainda à homenagem?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo18:27

      Mas o Buçaco não é em Trás-os-Montes (nem sequer é perto)...

      Eliminar

Temas em Destaque

 
Top