Fernando Pessoa partiu há 80 anos e as últimas palavras que nos deixou foram escritas em inglês: “I know not what tomorrow will bring”. Este foi o ponto de partida para “Echoes - Fernando Pessoa, English Poetry & Prose”, o novo álbum de Sofia Vitória.


Depois de “Palavra de Mulher” – editado em 2012, ao lado do pianista Luís Figueiredo e baseado em canções de Chico Buarque – Sofia Vitória regressa agora com “Echoes”, álbum inteiramente baseado em poemas e trechos de prosa escritos em inglês por Fernando Pessoa – e assinados por ele ou dois dos seus heterónimos (Alexander Search e Charles Robert Anon). Em “Echoes”, que é editado já no dia 30 de outubro, compositores como João Paulo Esteves da Silva, José Peixoto, Mário Laginha, António Zambujo José Mário Branco, Amélia Muge ou Edu Mundo dão a sua música aos poemas de Pessoa. No comunicado ao qual o ESCPORTUGAL teve acesso, Sofia Vitória explica que “Echoes” "é um conjunto de canções com som de memória mas também de mundo novo que se constrói e que ecoa de forma profunda na essência universal de cada ser humano; de cada alma, de cada pessoa que somos, de todas as pessoas que foi Fernando Pessoa”. 

Veja o vídeo promocional de "Echoes":



Sofia Vitória embarca num estilo muito diferente daquele que protagonizou em 2004 quando representou Portugal no Festival Eurovisão da Canção. Nesse ano, a RTP optou por selecionar o artista eurovisivo através da 2.ª edição da "Operação Triunfo", no qual acabaria por ganhar. Devido à alteração das regras do Festival Eurovisão, foi a primeira participação portuguesa a ter de se submeter a uma semifinal. A partir dessa rampa de lançamento, a cantora optou por seguir uma carreira mais ligada ao jazz e world music, sendo o álbum "Palavra de mulher", editado em 2012,  o corolário de um trabalho intenso de pesquisas e concertos em Portugal e no Brasil.

Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte  e imagem: SOFIA PESSOA, CASA FERNANDO PESSOA / Vídeo: YOUTUBE

6 comentário(s):

  1. Uma sonoridade magica e fascinante,que me fez repentinamente pensar num elo atlantico de Portugal a Islandia. Muito boa esta pequena amostra.Sofia Vitoria cada vez mais bonita.

    ResponderEliminar
  2. Anónimo21:05

    Uma das melhores intérpretes que levámos ao ESC, infelizmente com uma das piores canções... Felicidades para este projeto, Sofia!

    ResponderEliminar
  3. Anónimo21:07

    A evolução da Sofia foi brutal para muito melhor

    ResponderEliminar
  4. Pedro Carvalho21:21

    A Sofia fez magia em 2004 com uma canção tão banal. Houve, apesar de tudo, um esforço na promoção quando foi à TVE cantar a sua canção (ir a canais de televisao estrangeiros foi algo inédito e raro - não acontece com os nossos representantes desde 2008). A Sofia e uma excelente interprete e estou ansioso por ouvir este novo album.

    ResponderEliminar
  5. Anónimo00:21

    Aqui está mais um dos grandes fracassos da rtp. Tudo horrível uma Performance miserável de 3º mundo... a letra maravilhosa e o português lindo de se ouvir.. (estou a ser ironico) Mas ok poderia ser pior... Antes mil Suzyyyyyyyy que dao outra imagem de pt...

    ResponderEliminar
  6. Anónimo09:11

    Adoro a Sofia Vitória. Estive num concerto em Coimbra ha uns dois anos e fiquei maravilhada. Vou estar atenta à sua agenda

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top