A emissora francesa France2 voltará a selecionar os seus representantes para o Festival Eurovisão de forma interna. As inscrições decorrem até 30 de novembro.

Depois do sucesso da participação em Estocolmo, a France2 anunciou, esta tarde, que repetirá o processo seletivo para a próxima edição do Eurovision Song Contest. A emissora estatal abriu o período de submissão de candidaturas para todos os artistas e compositores que pretendam representar a França na próxima edição do concurso europeu, sendo que as mesmas estarão abertas até 30 de novembro.

Por sua vez, depois de encerradas as inscrições, um comité selecionado pela emissora terá a responsabilidade de eleger os representantes do país em Kiev, que serão revelados numa data anterior a 10 de março.

Conheça AQUI todos os pormenores da seleção interna.

Participante na primeira edição da competição, a França competiu por 59 ocasiões no certame europeu, tendo falhado apenas as edições de 1974 e 1982. Com cinco vitórias é um dos países com mais sucesso na competição, mas nos últimos anos tem falhado os grandes resultados: desde 2005, o país apenas conquistou uma posição no top10 (8.º em 2009) e ficou por sete vezes abaixo da 20.ª posição. Contudo, em 2016, Amir e J'ai Cherché, uma das candidaturas favoritas à vitória, contrariaram a tendência e conquistaram a 6.ª posição com 257 pontos, o melhor resultado desde 2002. Recorde, de seguida, a atuação em Estocolmo:


Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte/ Imagem: France2 / Vídeo: eurovision.tv

6 comentário(s):

  1. Ricardo Alves18:35

    A RTP devia fazer o mesmo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo18:54

      Também acho que sim, acho que não haveria mal nenhum em experimentar no que dava.

      Eliminar
  2. Anónimo18:38

    Tirando alguns paises nordicos que têm muito sucesso com os seus "festivais", as seleções internas resultam melhor.

    ResponderEliminar
  3. Miguel Matias19:31

    A França fez grandes mudanças em 2016, a começar pela mudança de chefe de delegação: uma pessoa jovem e que sabe o que resulta no ESC. Estou muito confiante numa boa escolha, de novo

    ResponderEliminar
  4. Anónimo02:06

    Entretanto estamos em setembro e nada se sabe da RTP. Sugestão: Abrir candidaturas a todos os interessados na vitoria na "Eurovision" é o caminho certo. Seleccionar 24 musicas apresentadas em qualquer lingua. E fazer dois bons espectaculos com boa produção. 50% juri 50% publico OK RTP...

    ResponderEliminar
  5. Jefferson19:49

    Espero Louane no ESC. Seria um sonho!!!

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top