De acordo com um CEO da NTU o Palácio dos Desportos, em Kiev, está fora da corrida para ser o palco do Eurovision Song Contest 2017.


A escolha da cidade anfitriã do Festival Eurovisão da Canção 2017 parece estar longe de terminar. Depois dos sucessivos atrasos quanto à decisão final, o governo ucraniano viu-se obrigado a transferir 15 milhões de euros para as contas da União Europeia de Radiodifusão, para assegurar que o país não perdia o direito de organizar o evento. A NTU e a UER não estão satisfeitas com as propostas recebidas e pediram às 3 cidades finalistas, Kiev, Odessa e Dnipro, que melhorassem as suas propostas.

Hoje chega-nos a notícia de que o CEO da NTU Zurab Alasania, afirmou numa entrevista que o Palácio dos Desportos, em Kiev, está fora da corrida para receber a Eurovisão 2017. Segundo Zurab Alasania "o Palácio dos Desportos está completamente datado, tecnicamente também. Kiev incluiu-o na proposta mas foi rejeitado. Provou-se ser muito difícil investir no Palácio dos Desportos, visto que a cidade não o pode fazer por causa da lei. Para poder fazer a renovação, a arena teria de voltar a ser propriedade pública". 

Depois da rejeição do Palácio dos Desportos, Kiev virou-se para o Centro de Exposições Internacionais. "O Estádio Olímpico também foi considerado, inicialmente tínhamos três ofertas do lado deles. E agora estamos a analisar o Centro de Exposições", afirmou Zurab. 

O atraso na escolha da cidade anfitriã do ESC2017 deverá fazer com que o concurso tenha lugar apenas na última semana de maio. Segundo os rumores que correm pelo meio eurovisivo, Odessa parece estar agora na linha da frente para receber o evento. A proposta de reconstrução do Estádio Chornomorets, por uma empresa suíça, e o alargamento do aeroporto da cidade parecem ter catapultado Odessa para a linha da frente.

Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: eurovisionary / Imagem: wikipédia

9 comentário(s):

  1. Anónimo13:06

    Credo que novela. Pior so mesmo em 2014 quando a Dinamarca fez o esc num estaleiro com tendas. Um horror.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo17:39

      2014 pior??? Desculpe mas é q 2014 nem tem comparação. Até hoje a Dinamarca ofereceu nos o melhor Esc de sempre não só a nível das canções e grafismos como em nível de organização. Comparar 2014 a isto é quase um crime.

      Eliminar
    2. Anónimo17:46

      Estou completamente de acordo contigo o ESC 2014 foi dos melhores em som em tecnologia etc, tudo foi perfeito.

      Eliminar
    3. Anónimo21:32

      Anónimos das 17.39 e 17.46. Queridos ainda estamos na fase de escolha de cidades, não podemos comparar os ESC em sir porque o de 2017 ainda não aconteceu. A escolha da cidade e da arena de 2014 foi também uma novela e a escolha foi muito polémica porque o ESC foi feito basicamente em tendas numa ilha que fazia filas de trânsito para lá chegar na única ponte de acesso.

      Eliminar
  2. Anónimo13:19

    Já estou enjoado desta história toda, pelo andar da situação só vamos ter Eurovisão no verão...

    ResponderEliminar
  3. Por mim,isto ja esta tudo decidido ha sei la quanto tempo.Todo este bla-bla-bla so para ganhar visibilidade,protagonismo e suspense,sobretudo tendo em vista a situaçao com a Russia.E hoje em dia o que e preciso e falar-se,mal ou bem nao importa,o que importa e que se fale,fale,fale.... :-)

    ResponderEliminar
  4. Anónimo14:43

    Odessa esta na frente e é a melhor opcao. Mas pelas palavras do CEO dá para perceber que eles querem é Kiev.

    ResponderEliminar
  5. Anónimo18:28

    Anonimo 14:43,

    Eu discordo, acho que todos (EBU, Fãs, etc) querem Odessa, só estão indecisos/com problemas em tomar a decisão, porque será claramente a mais dispendiosa e a logisticamente mais complexa.... no entanto é a que reune melhores condições e a que irá ganhar.

    Desde inicio Odessa foi a minha favorita.

    ResponderEliminar
  6. Anónimo22:45

    "O atraso na escolha da cidade anfitriã do ESC2017 deverá fazer com que o concurso tenha lugar apenas na última semana de maio. "
    Isso, continuem nesse impasse que daqui a nada o ESC será apenas em agosto... de 2017.

    Espero, aliás ja esperava desde o inicio, que seja Odessa a cidade escolhida.

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top