Depois de conquistar a sua segunda melhor marca da sua história em Estocolmo, a emissora estatal da Lituânia manifestou a intenção de entrar na próxima edição do Eurovision Song Contest.

Questionada sobre a próxima edição do Eurovision Song Contest, a emissora estatal lituana confirmou a intenção de se fazer representar na edição organizada pela Ucrânia. O "Eurovizijos" dainų konkurso nacionalinė atranka, modelo seletivo utilizado desde 2013, deverá continuar a ser usado como final nacional, sendo que mais detalhes serão revelados nas próximas semanas. A lista oficial de países participantes no Eurovision Song Contest 2017 deverá ser revelada pela EBU/UER no final de dezembro ou no início do mês de janeiro.

Eurovision Song Contest 2017, agendado para 9, 11 e 13 de maio, conta, até ao momento, com um total de 24 países que manifestaram interesse em entrar no concurso: Alemanha, Arménia, Áustria, Bélgica, Chipre, Dinamarca, Espanha, Eslovénia, Estónia, Finlândia, França, Grécia, Holanda, Hungria, Irlanda, Israel, Letónia, Lituânia, Noruega, Polónia, Portugal, Suécia, Suíça e Ucrânia. Por outro lado, Andorra e Luxemburgo, participantes em anteriores edições do evento, já confirmaram que não integrarão a lista de participantes.

A Lituânia participou por 17 ocasiões no Eurovision Song Contest, tendo feito a sua primeira participação em 1994. O melhor resultado remonta a 2006, quando os LT United conquistaram o 6.º posto em Atenas, enquanto que terminaram em último lugar em duas edições: 1994 e 2005, na semifinal. Em Estocolmo, Donny Montell voltou a representar o país no evento, desta vez com "I've Been Waiting for This Night", terminando na 9.ª posição com 200 pontos: a segunda melhor classificação do país desde a sua estreia. Recorde, de seguida, a prestação do cantor:


Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: ESCToday / Imagem e Vídeo: eurovision.tv

8 comentário(s):

  1. Jefferson18:00

    Não sou muito fã do Donny, mas tenho que admitir que ele evoluiu muito desde o ano de 2012, e fez o país dele evoluir também (2014 e 2015 foi lixo o que o país mandou para o ESC), Então espero que eles mandem outro representante ótimo como o deste ano.

    ResponderEliminar
  2. Pedro Carvalho18:48

    A Lituânia começa normalmente como outsider, muito em baixo nas apostas. Mas depois, no palco do esc, surpreende e alcança excelentes resultados.

    ResponderEliminar
  3. Para mim a Lituania esta no seu melhor,quando envereda pela via alternativa.Por ex.como com Andrius Pojavis e "Something"em 2013 ou "Attention" em 2014(nao me recordo do nome da cantora).Produtos tipo Donny Montell,para mim,nao obrigado!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo01:50

      Para mim é exatamente o contrario. Adorei o Donny Montell. MAs odiei em 2014. 2013 nao vi o ESC, apenas algumas atuacoes como a vencedora e assim..

      Eliminar
  4. Anónimo23:01

    Acho a Lituânia muito overrated, tem sempre sorte de passar às finais.

    ResponderEliminar
  5. Em 17 participaçoes desde 1994 a Lituania conseguiu um 6º lugar em 2006 e e agora em 2016 um 9º lugar.E assim tao excelente ,tao overrated?A maior parte das vezes tem andado do 20º lugar para baixo...Estaremos a falar do mesmo pais?!?! :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo14:43

      Eu acho q quando se fala de overrated no caso da Lituânia e o facto de mandar quase sempre músicas medíocres e passar quase sempre a final. Ex disso são :2009,2013 e 2015. Não podemos esquecer q a Diáspora da Lituânia e acentuada principalmente nos países ex soviéticos, nórdicos e Reino Unido e Irlanda.

      Eliminar
    2. 14:43 - Para mim"Something"de 2013 foi a par com "Birds" da Holanda a melhor cançao do ESC 2013.No existem conceitos absolutos de de bom,mau,mediocre.Quanto as diasporas nao creio que nos paises ex-sovieticos hajam muitos lituanianos,menos que tugas em França,Belgica , Suiça,Alemanha etc.

      Eliminar

Temas em Destaque

 
Top