A emissora estatal eslovaca RTS garante que "a Eurovisão é um projeto interessante e atrativo", antevendo um possível regresso se existirem "recursos financeiros adicionais que não estão disponíveis".

Juraj Kadáš, membro do comité de marketing e comunicação da emissora pública da Eslováquia, abordou recentemente o estado da RTS para com o Festival da Eurovisão. Em entrevista a um site alemão, Juraj afirmou que a ausência do país não se deve aos maus resultados alcançados, mas à dificuldade de financiamento para entrar no concurso. "A RTV tem a sua própria estratégia de programação e a nossa primeira propriedade é colocar todos os recursos disponíveis na nossa produção de TV. É certo que o Festival da Eurovisão é um projeto interessante e atraente, mas a sua implementação na nossa grelha tem que ir de mãos dados com recursos financeiros associados que atualmente estão indisponíveis". Além disso, Juraj garantiu ao site alemão que a participação no Festival da Eurovisão 2017 será discutida pela emissora junto da EBU/UER nos próximos meses.

A Eslováquia estreou-se no Eurovision Song Contest em 1994, tendo participado em 1996 e 1998 antes de um interregno de 10 anos. Em 2009 regressou ao evento, participando ininterruptamente até 2012, nunca conquistando um lugar de acesso à Grande Final. Max Jason Mai e o tema 'Don't Close Your Eyes' foram os últimos representantes do país no concurso, tendo conquistado a 18.ª (e última) posição na semifinal com 22 pontos. Recorde a atuação de seguida:



Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: eurovoix /Imagem: google/ Vídeo: YOUTUBE

11 comentário(s):

  1. Estaremos com uma "noticia" um bocadinhozinho antes do tempo? Muita agua ainda vai correr antes do ESC2017...De certo modo sao argumentos e conjecturas muito "a la RTP". :-)))

    ResponderEliminar
  2. Rui Ramos14:27

    Estranho não terem participado no ESC2015, quando a distancia entre as capitais da Eslováquia e Áustria são pouco mais de 30 kms. Esses 2 paises têm muita ligação entre si. Pode ser que a direção da televisao mude e mudem os planos tambem

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estão à espera que a Eslovénia ganhe xD

      Eliminar
    2. O que tem a ver a distancia quilometrica com a participaçao ou nao-participaçao no ESC?

      Eliminar
    3. Anónimo21:30

      Tem a ver que nesse festival a Eslovaquia nem teria custos com o alojamento porque poderiam ir e vir para os ensaios de comboio , digo isto porque foi o que se passou com a Dinamarca em 1992 os interpretes iam e vinham de barco sempre que fosse necessário a presença deles em Malmo e como sabes entre Copenhaga e Malmo existe em curto canal que as separa, mas tambem sei que o festival teve muitas alterações e não sei se hoje seria viável esta forma , tambem fiquei espantado a Eslovaquia não ter ido a Viena.

      Eliminar
    4. 21:30 Tem logica a tua visao.Nao sei se a tv eslovaca partilharia dessa visao,como criterio a tomar em conta em termos percentuais do custo total da participaçao no ESC.Mas o teu ponto de vista e logico e digno de ser levado em linha de conta.

      Eliminar
    5. Anónimo23:09

      RG, a distancia quilometrica tem a ver com a participaçao ou nao-participaçao no ESC mais do que, por exemplo, a distancia litrica

      Eliminar
    6. Anónimo11:12

      ou a distancia quilogramica por exemplo

      Eliminar
    7. Por alguma razao se diz que isto e aquilo"E IGUAL AO LITRO"....Tera a ver com a velha ideia das equivalencias das medidas em que por ex.o litro=Kg=dm cubico?Pois,tinham-se esquecido do elemento densidade,peso especifico... (c)

      Eliminar
  3. Anónimo15:48

    Espero que sim! Quero um duplo regresso em 2017!..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo22:09

      Turquia e Andorra kkkkk

      Eliminar

Temas em Destaque

 
Top