Rússia: Sergey Lazarev manifesta interesse numa nova participação no Festival Eurovisão


O cantor Sergey Lazarev, terceiro classificado no Festival Eurovisão de 2016 e 2019, admite a possibilidade de uma nova participação, mas garante que tal não acontecerá em 2020.


Em entrevista na passadeira vermelha da gala dos prémios musicais Victoria, o cantor russo Sergey Lazarev,  terceiro classificado no Festival Eurovisão de 2016 e 2019, garantiu que gostaria de voltar ao concurso internacional. "Ainda posso impressionar, tenho muito para mostrar. Tenho algumas qualidades que não tive possibilidade de mostrar em 2016 e 2019. Não excluo a possibilidade de ir ao Festival Eurovisão mais uma vez, mas declaro com toda a certeza: tal não acontecerá em 2020" frisou, realçando a estreia do novo espetáculo na primavera de 2020.

Questionado sobre quem poderá representar a Rússia em Roterdão, Sergey Lazarev não quis avançar com nenhum potencial representante: "Na minha opinião, deveria participar um novo nome. Não gosto de apontar alguém especificamente, para não ser acusado de parcialidade".

Sergey Lazarev foi escolhido internamente para representar a Rússia no Festival Eurovisão de 2016, depois de ter competido na final nacional de 2008. Com "You Are the Only One", o cantor terminou em 3.º lugar, depois de ter sido o vencedor do televoto e quinto classificado no júri. Três anos depois, Sergey Lazarev voltou a ser escolhido para representar a Rússia no Festival Eurovisão 2019: com "Scream", o cantor repetiu o terceiro lugar, fruto do quarto lugar no televoto e nono no júri, tendo recebido 10 pontos do televoto português.



Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte:EurovisionFun/Imagem: Google/Vídeo: Eurovision.tv 

3 comentários:

  1. Anónimo19:04

    Socorro... ninguém merece.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo13:52

      Concordo inteiramente. 2 vezes já chega.

      Eliminar
  2. Anónimo23:31

    Ui, já parece o Rui Andrade,no caso português. Felizmente, agora com os novos estilos musicais, já ninguém o convida.

    ResponderEliminar