Alemanha: Max Mutzke vence o 'The Masked Singer'


Max Mutzke, oitavo classificado no Festival Eurovisão de 2004, venceu a primeira temporada do The Masked Singer. Lucy Diakovska ficou em 8.º (e último) lugar.

O cantor Max Mutzke, representante da Alemanha no Festival Eurovisão 2004, venceu, recentemente, a primeira temporada da versão alemã do The Masked Singer. Baseado no formato sul-coreano, o programa consiste num concurso de canto de celebridades... disfarçadas. Todos os concorrentes, desde cantores consagrados até amadores, bem como atores e desportistas, cantam durante toda a temporada com disfarces, sendo que a versão alemã apresentou esquilos, anjos, polvos e astronautas.

Além de Max Mutzke, o formato contou também com a participação de Lucy Diakovska, uma das integrantes da banda No Angels, representante da Alemanha em Belgrado, que atuou disfarçada de polvo e ficou em último lugar. Por outro lado, Matthias Opdenhövel, responsável pela apresentação das finais nacionais de 2010 e 2011, foi o apresentador, enquanto Elton, apresentador da final nacional de 2018, foi um dos jurados convidados.



Max Mutzke venceu o Germany, 12 Points!, final nacional alemã em 2004, adquirindo o direito de representar a Alemanha com "Can't Wait Until Tonight", canção composta por Stefan Raab. Em Istambul, a candidatura terminou em 8.º lugar com 93 pontos, sendo a terceira mais votada pelo televoto português. 

Por outro lado, as No Angels venceram o Wer singt für Deutschland?, adquirindo o direito de representar a Alemanha em Belgrado por uma vantagem de 1% na ronda final. Em defesa de "Disappear", o grupo não foi além do 23.º lugar com 14 pontos, tendo recebido a pontuação máxima da Bulgária, país de origem de Lucy Diakovska.



 Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Wiwibloggs/ESCPortugal / Imagem/Vídeo: MaskedSinger

1 comentário:

  1. Anónimo20:49

    Meu Deus! Oh meu deus, não acredito que este artista eurovisivo, o Max Mutzke, mudou radicalmente de visual, em 2004 quando representou a Alemanha na Eurovisão, tinha cabelo e não barba, agora vejo-o com barba e sem cabelo, está irreconhecível, mas dou os meus parabéns, a mudança foi para melhor.

    ResponderEliminar