ESC2019: Tamara Todevska reage ao comunicado da EBU/UER


A cantora Tamara Todevska, vencedora da votação do júri na Final do Festival Eurovisão 2019, reagiu ao comunicado da EBU/UER nas redes sociais: "Não consigo expressar a minha felicidade".



Depois da EBU/UER ter emitido um comunicado a corrigir a classificação final do Festival Eurovisão 2019 depois de detetado um erro na votação do júri da Bielorrússia, a cantora da Macedónia do Norte utilizou as redes sociais para reagir à mudança. "Proud", canção defendida por Tamara Todevska, subiu para o primeiro lugar da votação dos jurados, tendo subido também para 7.º lugar na classificação final, o melhor resultado da história do país.





Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Tamara/ Imagem: Google/ Vìdeo: Youtube

6 comentários:

  1. Anónimo20:52

    Estou contente pela Macedónia, só tenho pena de não ter visto durante o show, eles a ficarem em 1.º no júri

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo21:04

      Tambem eu. Eles merecem. Nunca tiveram sorte. Dois apuramentos em tantos anos e muito pouco. E havia musicas que conseguiam no minimo chegar a final

      Eliminar
    2. Anónimo23:13

      A Macedónia nunca teria falhado a final se as minhas preferências se qualificassem sempre. Até em 2013 eu gostava da canção deles.

      Eliminar
  2. José Luís22:42

    Não consegui perceber muito bem pq é que tantos júris gostaram desta musica, juro que me passou ao lado...para mim é musica de 2a metade da tabela e não dos primeiros lugares. Sorry.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo00:01

      Políticas, filho, políticas! A Macedónia decidiu mudar de nome e passou a chamar-se Macedónia do Norte. A Europa decidiu então premiar a boa vontade dos macedónios em acabar o conflito com os seus vizinhos do Sul. A canção era boa e merecia receber muitos pontos, mas vencer o voto do júri...hummmm... não sei, não me parece. Além disso, a Macedónia ainda nunca tinha conseguido um lugar no TOP10. Era quase como se houvesse má vontade para com este país... Antes da final já eu sabia que a Macedónia do Norte ia ficar no TOP10 este ano.

      Eliminar
    2. Anónimo00:03

      A porta-voz da Bielorrússia anunciou: os 12 pontos vão para Israel. O apresentador Assi reagiu: que maneira fantástica de começar a receber pontos. Agora afinal Israel acaba o voto do júri com 0 pontos. Portanto, nada disto aconteceu, certo? Terá sido uma alucinação colectiva?

      Eliminar