ESC2019: Azerbaijão vence a Press Poll do quarto dia de ensaios


O Azerbaijão foi o preferido do dia de hoje dos jornalistas e bloggers presentes no Press Centre do Eurovision Song Contest 2019. Rússia e Macedónia do Norte seguiram-se nas preferências.

Chegou ao fim o quarto dia de ensaios do Festival da Eurovisão 2019 e isso significa uma nova votação no Press Centre. Os jornalistas e bloggers acreditados votaram nos seus ensaios favoritos do dia, com o Azerbaijão a liderar a votação com 82 pontos. A Rússia, com 65 pontos, e a Macedónia do Norte, com 64, seguiram-se nas preferências, enquanto a Croácia (6) e a Lituânia (5) tiveram os ensaios menos votados.

Press Poll - Dia 07/05:
1.º Azerbaijão - 82 pontos
2.º Rússia - 65 pontos
3.º Macedónia do Norte - 64 pontos
4.º Holanda - 45 pontos
5.º Malta - 28 pontos
6.º Albânia - 10 pontos
7.º Noruega - 10 pontos
8.º Croácia - 6 pontos
9.º Lituânia - 5 pontos

Press Poll 2.ª semifinal após o 1.º ensaio:
1.º Suíça - 106 pontos
2.º Suécia - 104 pontos
3.º Azerbaijão - 82 pontos
4.º Rússia - 65 pontos
5.º Macedónia do Norte - 64 pontos
6.º Holanda - 45 pontos
7.º Áustria - 44 pontos
8.º Malta - 28 pontos
9.º Dinamarca - 20 pontos
10.º Irlanda - 14 pontos
10.º Arménia - 14 pontos

12.º Albânia - 10 pontos
13.º Noruega - 10 pontos
14.º Roménia - 6 pontos
14.º Croácia - 6 pontos
16.º Moldávia - 5 pontos
16.º Lituânia - 5 pontos
18.º Letónia - 2 pontos


Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCxtra / Imagem e Vídeo: Eurovision.tv

7 comentários:

  1. Wtf ahahah Na minha opinião, esta votação perdeu a credibilidade, e só prova que não reflete nada!

    ResponderEliminar
  2. Anónimo16:20

    Que palhaçada.

    ResponderEliminar
  3. Anónimo16:38

    Holanda so em quarto...fico contente pelo Azerbaijão e macedónia

    ResponderEliminar
  4. À atenção das ogaes.

    ResponderEliminar
  5. Anónimo17:47

    Do queque mais gostei foi a não classificação da Noruega

    ResponderEliminar
  6. Anónimo19:23

    Para mim a Holanda foi a melhor sem duvida, simplicidade em que uma canção magnifica fala por si. Vencedor sem duvida! Depois a Rússia esteve fantástico em termos de apresentação. Muito bem conseguido, mas não consigo ver um movimento vencedor em volta desta musica.
    Suiça e Holanda definitivamente na corrida para o prémio final. Parece-me contudo que será o ano da Holanda, algo me diz...

    ResponderEliminar
  7. Anónimo19:36

    É considerada a semifinal forte. Pelo que se viu dos poucos segundos de ensaios e fotos, mostra isso. Já por isso os apuramentos garantidos são menos que na outra semifinal e irá se ter ali muita pontuação distribuída e quiçá uma margem baixa a meio da tabela, na zona precisamente dos últimos apurados.
    - Azerbaijão. Depois do desaire, não arriscam por menos. A fechar a semifinal e aquilo que parece ser atuação em estilo “futurista” conseguirá até provavelmente ganhá-la. O Azerbaijão vai lutar pela vitória este ano.
    - Rússia. A par do anterior, caiu no ano passado. Claro, agora é jogar tudo. É no vocalista, é no staging, é em tudo... Pode não agradar a alguns, mas seja como for a Rússia volta em grande a qualificar-se seja pela balada que alguns apelidam de “épica”, seja pelo “estrondoso” stanging, seja pela segura interpretação; ou seja a Rússia está para vencer, claro.
    - Suécia. Jogam com uma proposta tipicamente eurovisivo, ao qual acrescentaram o gospel, que vai somar votos no júri e televoto, o que faz do apuramento algo garantido. E depois, não esquecer: é a Suécia!
    - Albânia. Tem apuramento garantido pelo júri, se a isso juntar-lhe um staging bom que acredito que irá sê-lo, também colherá no televoto. Note-se que tal como ano passado não precisaram de leds e muita pirotecnia!!
    - Holanda. Do que se viu do staging, acho que vai flopar, e note-se muito… Ao que se viu, muito melhor nas pré-parties, porque quele fundo e aquele piano, estragam tudo. Podemos ter o efeito flop como Finlândia 2017! De favorita à vitória a ficar na semifinal, não me parece que seja tão improvável.
    - Noruega e Malta. Seguem-se aquilo que podem ser mais flops. Infelizmente a Noruega tinha proposta muito boa, que agora staging aparentemente muito fraco, pode estar de fora. Igual para Malta com o fator staging e tal como ano passado os fazer flopar.
    - Arménia e Roménia estão equilibradas naquilo que são as suas chances de apuramento. Ambas podem tanto colher bons resultados como serem postas de lado.
    - Macedónia do Norte e Suíça. Ambas podem apurar-se, mas dado os seus historiais recentes, diria que mesmo uma com sua forte mensagem e a outra com todo o seu staging dançante, não têm apuramentos garantidos. Ainda assim mais fácil estará a Suíça dado o favoritismo pré-temporada. Mas lembrem-se do flop deste país em 2012!
    - Moldávia e Croácia. Renegados na pré-temporada, podem ser as surpresas desta semifinal depois de outras serem flops totais. Estes dois podem surpreender em seu staging e colher frutos no televoto e também no júri, aqui principalmente a Moldávia.
    E nesta semifinal, fácil agora olhar para os que “dizem adeus” garantido:
    - Irlanda e Dinamarca. As atuações a lembrar o século passado, ficarão ambas pelo caminho. A Irlanda a ver vamos se não fica em último.
    - Letónia e Lituânia. Os dois bálticos ficam na semifinal. A ambas lhes falta o fator de memória na hora de votar, ficaram esquecíveis.
    - Áustria. Uma atuação diferente que poderia surpreender. Há muito mais nesta semifinal a cativar a atenção do ser diferente. O país, tirando a sua vitória recente, não é assim tão forte no televoto, e ao contrário do ano transato não será “acarinhada” pelos júris.
    Resumo, até ao momento:
    Apurados: Azerbaijão, Rússia, Suécia e Albânia.
    Minhas apostas para os restantes: Arménia, Roménia, Moldávia, Holanda e Suíça.
    Falta um lugar que pode ser ocupado por muitos.
    A semifinal mais forte irá trazer consigo também muitos e grandes flops desta edição, para aquilo que será para muitos eurofãs, as injustiças da edição deste ano.

    ResponderEliminar