ESC2019: Aceda à votação separada do televoto e do júri nas semifinais do concurso


A EBU/UER revelou os resultados discriminados das duas semifinais do Festival Eurovisão 2019. Portugal foi 12.º classificado no televoto e 17.º (e último) no júri.

Depois da vitória de Duncan Laurence e "Arcade", a EBU/UER revelou a votação na íntegra de todas as galas do Festival Eurovisão 2019. Na primeira semifinal, a Islândia venceu o televoto e a República Checa foi a mais votada dos jurados, o que culminou com a vitória da Austrália na semifinal, país que ficara em segundo na votação popular e em terceiro nos júris nacionais. Por outro lado, Portugal ficou em 12.º lugar no televoto e em 17.º nos júris. A Polónia teria sido finalista para o televoto em vez da Bielorrússia e os júris teriam qualificado a Hungria em vez de São Marino.


Na segunda semifinal, a Noruega venceu o televoto e a Macedónia do Norte liderou as preferências dos jurados nacionais. No total, a semifinal foi ganha pela Holanda, segunda no televoto e terceira no júri, seguida da Macedónia do Norte, que apenas foi sétima no televoto, e pela Suécia, sexta no televoto e segunda no júri. Por outro lado, a Lituânia teria sido finalista para o televoto, em vez da Dinamarca, enquanto o júri qualificaria a Moldávia e a Roménia em vez da Noruega e da Albânia.



Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte Imagem/Vídeo: Eurovision.tv

31 comentários:

  1. Anónimo03:14

    Ok parece-me que este foi um dos piores resultados de sempre de Portugal, podem confirmar? Homens da luta estiveram pior? A se confirmar isto, a RTP tem muita culpa pois não doto a equipa do Conan com os recursos necessários para um bom staging. Uma escada preta e tudo muito escuro?? Se virem os vídeos o nosso staging é claramente o pior conseguido. Vergonha RTP!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo05:25

      Os Homens da Luta receberam 22 pontos numa semifinal com 19 países e acabou em 18o lugar

      Eliminar
    2. Homens da Luta foram ainda piores...ficaram mais abaixo e com menos pontuação

      Eliminar
    3. Anónimo12:45

      Sim os homens da luta ficaram lugar 18 da semi com apenas 22 dos quais 8 vieram de Espanha caso contrário tinham ficado em último. Nos inícios dos 2000s também tivemos prestações piores. Se o júri não tivesse sido quadrado isto não tinha ficado tão mau mas pronto para o ano há mais e espero que isto sirva para refletir sobre a importância e o investimento no staging. É verdade que o Duncan tinha um staging simples mas era visualmente apelativo na mesma e basta olhar para a Moldávia que não ficou em último com aquela canção de telenovela que bem podia ser interpretada pela Agata e porquê? Porque investiram na apresentação em palco.

      Eliminar
    4. Anónimo16:16

      O Conan não foi o pior resultado na eurovisão.
      Nas semifinais em 2005, 2006 e 2011 obtivémos um resultado inferior em termos de posição, empatando com a Sofia Vitória em 2004, que também ficou em 15º.
      No que toca a pontuações, 51 pontos na semifinal é o segundo melhor resultado numa semifinal, empatando com 2B em 2005.
      Por outro lado, se analisarmos a pontuação percentualmente, dividindo os pontos atribuídos pelo número de pontos disponíveis a música dele está acima da música da Isaura no ranking, ela recebeu 0,78% dos votos da final e o Conan 2,2% da semifinal, ambos muito longe dos 15,56% do Salvador mas acima dos 0% de António Calvário e Célia Lawson

      Eliminar
  2. Anónimo03:15

    algo esta mal quando a Noruega é a primeira do publico e o juri não a punha na final...e pelos visto nem o publico nem o juri punha Portugal na final...se não fosse termos a Franca e a Espanha a votar no semi estavamos bem piores

    ResponderEliminar
  3. Anónimo03:30

    Tem colocado Finlândia no quadro do televoto da semi 2??

    ResponderEliminar
  4. Anónimo03:49

    Isto é anedótico: o público que deveria ser soberano e escolher 100% o vencedor, prefere a Noruega e fosse vontade do júri ficaria de fora da final!?
    E na grande final é a grande favorita, e cai para 5º lugar por causa de júri?
    5 júris por cada país mas invalidam de São Marino ter televoto... Será que eles não conseguem mais 5 chamadas naquele pequeno país?
    E darem 12 pontos a Israel do júri inventado da Bielorrússia foi anedota pegada!
    100% voto do público e sem malabarismos de bastidores. Introduziram júris porque os vizinhos votavam entre si, e pelos blocos... mas aquilo que se vê nos júris é ainda pior. Grécia/Chipre. 12 pontos da Austrália para a Suécia! Ou então Azerbeijão/Rússia. Ou ainda o contrário de colocar sempre último Azerbeijão/Arménia.
    Expurguem os júris, não estamos no século passado, devolvam a 100% o poder ao televoto e tirem de poleiro os que viciam tudo, a começar pelo Jon Ola Sand. Foi desde 2008 que começou o júri com o "wildcard". Um único júri, e aí era ainda aceitável. Depois já com Ola Sand em 2010 (último ano do grego anterior supervisor executivo) tomou outro rumo, 50% júri 50% televoto. O intuito foi não deixar o leste "invadir" a Eurovisão como estava a suceder no início do século, mas o seu intuito foi totalmente devastado pelo Ola Sand em 2011. Os juris é só e simplesmente uma forma da EBU/UER decidir o que quer. E quanto ao televoto que seja auditado por entidades independentes diferentes e que mudem anualmente e não sempre a mesma dita empresa independente.
    Sempre achei que desde a vitória do Azerbaijão e o 2º lugar de Itália em 2011(um oferta acarinhada do seu regresso e colocada no grupo Big), que tudo é feito.
    Quem decide é a EBU!
    A Holanda demonstrou desde cedo que não se importaria de sediar em 2020, e pronto os fãs também gostaram da música... toca juntar o útil ao agradável... e a Holanda venceu.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo17:09

      Concordo consigo. Acho que disse realmente o essencial certeiro sobre o assunto.

      Eliminar
  5. Anónimo04:28

    O JURADO QUE COMPOS 'TU CANCION ( CANÇAO ESPANHOLA DO ANO PASSADO) FOI O UNICO ESPANHOL QUE PASSOU PORTUGAL, PÔS O CONAN EM 8º ://///// <3

    ResponderEliminar
  6. Anónimo04:50

    Conclusao: Fomos bastante f*didos pelo televoto dos países de leste, grande liçao para os que achavam que o televoto ia dar mais pontos ao Conan. Juri da Polonia, Belgica, Hungria, Chipre e Republica checa os unicos que passavam Portugal à final. Juri de israel foi bonzinho e passou quase todos os países menos Portugal e Islandia... tudo dito. Ficámos em 8º no televoto da finlandia, algo que me surpreendeu.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo21:55

      Conclusão: a nossa canção era mesmo má. Milhões confirmaram isso.

      Eliminar
  7. Anónimo05:40

    CHOCANTE que a maioria dos jurados nao tenha dado quase nada à holanda. Diz muito deste concurso. Parem de olhar para os jurados como uns profissionais da musica super conservadores, a maioria nao sao.

    ResponderEliminar
  8. Anónimo05:46

    Como é possível que a Alemanha tenha recebido 0 pontos do público ?

    ResponderEliminar
  9. Anónimo05:49

    O bom resultado do televoto de São Marino na sua semifinal é perfeitamente compreensível. Quando o cantor concorreu há alguns anos, a canção do Azerbaijão estava na mesma eliminatória. Os votos da diáspora turca dividiram-se. Desta feita isso não aconteceu. Na final o resultado de São Marino já não foi tão bom, porque o Azerbaijão também se havia classificado.

    ResponderEliminar
  10. Anónimo05:53

    Onde se cossegue ver os países que votaram em Portugal pelo televoto

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo13:04

      Aqui: https://eurovisionworld.com/eurovision/2019

      Eliminar
  11. Anónimo06:49

    Não importa se ficamos em 15 lugar ou em 11 não passamos de qualquer jeito . Mas desculpem lá 8 lugar San Marino ? Perde logo a credibilidade toda

    ResponderEliminar
  12. Anónimo07:45

    Para os que me queriam aqui convencer que a canção do Conan era bonita acho que o resultado do televoto é claro sobre o que a maioria do público internacional pensa e sente. Aquela canção não tinha por onde se lhe pegasse. Tão irrelevante como as da Finlândia, Irlanda e Áustria.

    ResponderEliminar
  13. Luis10:07

    No televoto da segunda semi final, aparece a Finlândia com 3 pontos. Era a Irlanda

    ResponderEliminar
  14. Anónimo10:36

    Muitos anónimos antes de dar a grande final, e depois de dar a semi-final 1, disseram aqui que San Marino tinha roubado o lugar de Portugal na qualificação para a final, com os resultados já divulgados, Portugal ficou em 15º lugar e San Marino em 8º lugar, está mais provado que esses anónimos estavam ERRADOS. Enganaram-se arredondamente. Bem feito. Do 8º lugar ao 15º lugar ainda estão 6 países no meio.

    ResponderEliminar
  15. Anónimo10:53

    A RTP que deixe de fabricar resultados e aceite o resultado justo da votação do júri e do público, dá uma visão mais realista da aceitação de uma música na eurovisao.

    ResponderEliminar
  16. Anónimo10:56

    A tabela da semi-final 2, referente ao televoto tem um erro, Finlândia em 17º lugar na semi-final 2?? Pelo que eu saiba, a Finlândia participou na primeira semi e não na segunda, e a tabela do televoto da segunda semi está a Finlândia em 17º lugar, o que está errado, deve ser Irlanda e não Finlândia, pois a Irlanda é da segunda semi e não consta na tabela do televoto.

    ResponderEliminar
  17. Anónimo11:40

    100% televoto!!!

    ResponderEliminar
  18. Anónimo12:22

    Era Portugal pior que a Finlândia? San Marino? Montenegro? Se é um júri profissional, esperava outro tipo de votação

    ResponderEliminar
  19. Anónimo12:26

    Há uma coisa boa na participação dp Conan (sim, gosto da canção). A Europa já não diz "lá vem Portugal com uma balada blabla" e depois, boa ou má, quase não a ouvia. O Conan foi amador e mal orientado pela RTP no staging (fato desadequado ao horrível jogo de luzes) e na promoção. O bingo Salvador Sobral tornou a RTP preguiçosa. Mas, repito, o Conan teve o lado positivo de tornar Portugal um pouco mais imprevisível ao público Eurovisivo. E isso é bom, mesmo que o resultado tenha sido péssimo. Outra coisa, não vake a oena os nossos artistas terem sentido de humor (Salvador a desdenhar da Eurovisão "foi a minha pristituicao" ou Conan a cantar telemóveis e dar bicada ao "na na na" de San Marino. A Europa é básica no humor e Portugal está a ficar com má reputação/vibe à conta disso. É só um alerta...)

    ResponderEliminar
  20. Anónimo13:02

    Eu nao percebo como os Juris deram tantos pontos a República Checa. A sua credibilidade na minha opinião. E so das piores musicas de sempre

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo15:52

      Errado, foram fantásticos

      Eliminar
    2. Anónimo17:20

      Tomáramos nós em Portugal ter um grupo de jovens a fazer desse género de música. Foi muito simpático.

      Eliminar
  21. Eu não devia dizer isto mas de facto os jovens portugueses não se atiram para o chão, preferem afogar-se na escuridão da noite. Eu sei que é bárbaro, tétrico até falar disto, mas a nossa juventude ainda se deixa levar por correntes de muita malvadez que roça ignorância total. Culpados há muitos, a começar pelos próprios? É muito complexo fazer essa afirmação. Não sei se foi uma premonição, mas nas vésperas do sucedido eu tive um sonho terrivel passado numa praia e acordei muito aflito e só pensava se aquilo que me aconteceu no sonho teria algum significado.

    ResponderEliminar