ESC2019: Itália recupera a liderança com a votação da OGAE Suíça


Itália é a favorita da OGAE Suíça para vencer o Festival Eurovisão 2019, assumindo a liderança da votação. Holanda e Suécia seguiram-se nas preferências.


A OGAE Suíça revelou a sua votação para a Big Poll 2019 da OGAE International para o Festival Eurovisão 2019, tornando-se a 29.ª de 44 associações a revelar as preferências dos seus associados. Itália venceu a votação, assumindo a liderança, enquanto a canção helvética caiu para a terceira posição, depois da Holanda ter ficado em segundo lugar nas preferências da associação.

Votação da OGAE Suíça
12 pts Itália
10 pts Holanda
8 pts Suécia
7 pts Noruega
6 pts Chipre
5 pts Azerbaijão
4 pts Rússia
3 pts Grécia
2 pts Bélgica
1 pt Islândia



Classificação Total (29 de 44)
1.º Itália - 264 pontos
2.º Holanda - 261 pontos
3.º Suíça - 256 pontos
4.º Noruega - 139 pontos
5.º Chipre - 137 pontos
6.º Suécia - 129 pontos
7.º Rússia - 84 pontos
8.º Azerbaijão - 77 pontos
9.º Grécia - 67 pontos
10.º Islândia - 63 pontos
11.º Espanha - 47 pontos
12.º Malta - 39 pontos
13.º França - 20 pontos
14.º Portugal - 18 pontos
15.º Bélgica - 17 pontos
16.º Eslovénia - 13 pontos
17.º Dinamarca - 12 pontos
18.º São Marino - 9 pontos
19.º Arménia - 9 pontos
20.º Polónia - 7 pontos
21.º Israel - 4 pontos
22.º Estónia - 2 pontos
23.º Hungria - 2 pontos
24.º Albânia - 2 pontos
25.º Macedónia do Norte - 2 pontos
26.º Reino Unido - 2 pontos

Aceda AQUI à votação na íntegra.

Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCToday/ Imagem: Google/Vídeo: Eurovision.tv

6 comentários:

  1. Luis Andre Santos13:13

    é possível votar no próprio país?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo14:18

      Pois, realmente. Está lá 8 pontos Suíça...

      Eliminar
    2. Luís, o que li algures é que os países estreantes do ESC (França, Itália, Holanda, Bélgica, Suíça e Alemanha) podem votar este ano neles próprios. Será verdade, não sei.

      Eliminar
    3. Anónimo16:20

      Não,é um erro ... 8 PONTOS PARA A SUECIA

      Eliminar
    4. Bobby14:09

      Tal como já disseram, também li que este ano os estreantes poderiam votar neles próprios, numa forma de incentivar o Luxemburgo a regressar em 2020 ao ESC.

      Eliminar
  2. O Luxemburgo faz muita falta, praticamente seria a França a dobrar. Além disso o Luxemburgo não seria um estreante mas um regresso.

    ResponderEliminar