[ZONA DE DISCOS #84] Noa - "Letters to Bach"

Todas as semanas no ESCPORTUGAL, a crítica aos álbuns editados por artistas que participaram no concurso Eurovisão da Canção e/ou seleções nacionais ao longo dos anos. 
Esta semana, a análise recai em "Letters to Bach", de Noa.
O responsável da rubrica é Carlos Carvalho.


Lançamento: 15 de março de 2019
Nota: 8/10
Um álbum que teve o seu original ímpeto criativo há 25 anos com a criação de uma letra para “Ave Maria”. Foi o primeiro encontro profissional entre Noa e a obra de Johann Sebastian Bach (1865-1750). Depois de uma mais recente colaboração com a pianista Astrith Baltsan surge, por parte de Noa, a ideia de fazer algo nunca ouvido com a música de Bach. Gil Dor surge com o conceito de escrever cartas a Bach tendo por base a própria música do compositor, nascendo, assim, “Letters to Bach”. São letras com temáticas intergeracionais, onde a mensagem é direta em peças musicais que, na sua maioria, não ultrapassam os dois minutos.
Noa acrescenta um capítulo qualitativo à já sua vasta e heterogénea discografia. Um álbum único impregnado por um sentimento interpretativo familiar ao teatro musical e ao jazz. Um compromisso e uma estética musical bem assumida que tem como produtor executivo o lendário Quincy Jones. Sem dúvida um projeto ambicioso e audaz que também encontra lugar na fórmula canção, destacando-se “All of the angels” (#3), “Look at me” (#6) e “A pair” (#9).
No momento em que esta análise é redigida, “Letters to Bach” encontra-se no #1 do iTunes em Israel, #1 em França e #2 em Espanha. Resultados que apanham de surpresa a própria artista israelita mas que, acima de tudo, comprovam o carácter apelativo e universal de um disco que podia ser temido por parecer demasiado exploratório e experimental.  Bons voos se aguardam para a nova aventura de Noa que, apesar de, até ao momento, nunca ter tido um álbum a figurar nas listas dos discos mais vendidos em Portugal, é presença assídua no nosso país há mais de 20 anos, tendo passado, no recém terminado 2018, pelo Palácio da Galeria (Tavira), Teatro Aveirense (Aveiro), Theatro Circo (Braga) e Teatro Tivoli BBVA (Lisboa). Irá Noa trazer Bach a Portugal? Não sabemos. Para já, cabe  a nós apoderarmo-nos deste disco, publicitando estas cartas de Israel para o Mundo.

Temas promocionais promocionais
No Baby

Temas destacados por Carlos Carvalho: “All of the Angels” e “Ave Maria”

Alinhamento
The Race
Vertigo
All of the angels
Oh, Mama Dear
No, Baby
Look at me
Mars
Little Lovin’
A pair
Invention #1 – Hébrew
Ave Maria

A ver: Presenting : Noa - Letters to Bach - The Full Experience !

A ver: Presenting : People talk about Noa's new album - "Letters to Bach"

Pode ouvir o disco AQUI.

Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: OPINIÃO CARLOS CARVALHO / Imagem: GOOGLE / Vídeo: YOUTUBE

1 comentário:

  1. Anónimo20:30

    Lembro me de uma reportagem fantastica que vocês fizeram do concerto da Noa em Lisboa salvo erro. Pena nao voltarem a fazer esse genero de reportagens

    ResponderEliminar