Suécia: "Torn" foi recusada por Loreen no 'Melodifestivalen 2017'


Loreen, vencedora do Festival Eurovisão 2012, recusou interpretar "Torn" no Melodifestivalen em 2017. Dois anos depois, Lisa Ajax levou a canção até ao 9.º lugar na competição.

Em entrevista à imprensa sueca no rescaldo do Melodifestivalen 2019, Isa Molin, compositora de "Torn", revelou que a canção foi composta para Loreen, vencedora do Festival Eurovisão de 2012, interpretar na final nacional sueca de 2017. Segundo a publicação, a cantora terá gravado uma demo do tema no outono de 2016, tendo optado por interpretar "Statements" no concurso, canção que fora eliminada no Andra Chansen.


Dois anos depois da recusa, a canção foi entregue a Lisa Ajax, cantora que gravou uma das primeiras demos da composição: "Claramente fiquei satisfeita com a recusa da Loreen. Eu sempre quis cantar esta canção e tive de esperar pela ocasião certa" explicou a cantora de 20 anos, garantindo que apenas submeteu a canção para a edição deste ano, "Eu gravei a demo tinha 16 ou 17 anos. Nunca tinha tido nenhum namorado nem me tinha apaixonado. Por isso é que não concorri anteriormente com ela. Quando subo ao palco gosto de cantar sobre sentimentos que realmente conheço. Na altura não seria credível".

Depois do terceiro lugar na semifinal e de derrotar Martin Stenmarck no Andra Chansen, Lisa Ajax defendeu "Torn" na Final do Melodifestivalen 2019. Com 62 pontos, a candidatura terminou em 9.º lugar na classificação, fruto do quarto lugar na votação do júri internacional, tendo sido quinta classificada na votação portuguesa, e do nono lugar na votação do público.



Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Aftonbladet/ Imagem: Google /Vídeo: SVT

4 comentários:

  1. Anónimo01:45

    Agora quero ouvir a versão Loreen

    ResponderEliminar
  2. Anónimo13:50

    A Loreen fez muito bem em recusar este tema. Claramente que lhe foi proposto apenas pelo poder vocal mas de resto nao diz nada que "grite" Loreen enquanto artista. "Statements" ao contrário de Torn tem muito mais a ver com a integridade musical dela. Tem narrativa e profundidade. Aspetos q o público nao valoriza num concurso cujo objetivo é ter cancoes cujas melodias e o tipo de letra ja se ouviram milhares de vezes antes. A falta de criatividade ou de risco é algo q o público do MF nao entende e o sr. Christer desvaloriza porque ele so quer aquela 7a vitória por motivos que ninguém entende.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo15:00

      Porque sé calhar é um concurso e qualquer pessoa gosta de ganhar xD

      Eliminar
    2. Anónimo15:57

      Ó anónimo das 15:00 Boca Santa! Assim é que se fala

      Eliminar