Estónia: Stig Rästa garante "não ter encontrado nenhuma informação" sobre os jurados do Eesti Laul 2019


Em entrevista à ERR, Stig Rästa, compositor de "Storm", questionou sobre quem eram os membros do júri internacional da Final do Eesti Laul 2019.

Depois da vitória de Victor Crone e "Storm" no Eesti Laul 2019, o compositor Stig Rästa, representante do país pela terceira vez no Festival Eurovisão, garantiu, em entrevista à emissora ERR, que não encontrou nenhuma informação sobre o júri internacional do certame, lançando um apelo a todos os seguidores: "Não tenho obrigação de conhecer, mas conhecendo tanta gente estrangeira não tenho a menor ideia de onde surgiu este júri... Honestamente, depois de pesquisar no Google, não consegui encontrar nenhuma informação sobre estas pessoas".

O júri, formado por Stig Karlsen (Noruega), AFSHeen (EUA), Guna Zučika (Letónia), Ben Camp (EUA), Cyrus Saidi (EUA), Lörinc Bubno (Hungria) e Josh Cumbee (EUA), colocaram a canção de Victor em 8.º lugar na Grande Final, tendo apenas conquistado o apuramento para a Super Final devido à pontuação máxima do público. No entanto, Stig Rästa garantiu que gostaria de conversar com os jurados para perceber quais as formas de melhorar "Storm" para o Festival Eurovisão.



Estreante em 1994, a Estónia participou em 24 edições do Festival Eurovisão, registando uma vitória (2001), um terceiro lugar (2002) e 15 presenças na grande final. Em Lisboa, o país foi representado por Elina Nechayeva e "La Forza" terminando em 8.º lugar com 245 pontos, tendo sido a candidatura mais votada por Portugal (12 pontos do júri e 7 do televoto).


Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ERR/ Imagem: eurovision.tv/ Vídeo: Eurovision.tv

Sem comentários