[CONFIRMADO] SERGEY LAZAREV REPRESENTA A RÚSSIA NO FESTIVAL EUROVISÃO 2019


O site oficial do Festival Eurovisão 2019 avançou, esta noite, que Sergey Lazarev é o representante da Rússia em Telavive.

Depois de meses de rumores e especulações, está desfeito o mistério: Sergey Lazarev é o representante da Rússia no Festival Eurovisão 2019. O anúncio foi efetuado no site oficial do Festival Eurovisão, com a emissora russa RTR a apostar no terceiro classificado na edição de 2016 para se fazer representar em Telavive. Sem desvendar nenhuma informação sobre a canção, a emissora prometeu revelar mais detalhes no próximo sábado, com a transmissão de um programa que contará com a presença de Sergey Lazarev.


Estreante em 1994, a Rússia participou em 21 edições do Festival Eurovisão, contando com uma vitória (2008) e outras sete presenças no pódio do certame. Depois da retirada da edição de 2017 devido à proibição imposta a Julia Samoylova, a Rússia foi representada pela cantora em Lisboa em defesa de "I Won't Break". Contudo, a candidatura falhou o apuramento para a Grande Final, algo inédito na história do país, terminando em 15.º lugar com 65 pontos na semifinal 2.


Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovision.tv / Imagem: Google /Vídeo: Eurovision.tv

25 comentários:

  1. Anónimo21:41

    Lá se foi a esperança, não vai haver Portugal 2020!😢

    ResponderEliminar
  2. Anónimo21:46

    O vencedor

    ResponderEliminar
  3. Anónimo21:52

    Já ganhou.
    Rezemos pela EBU, Russia 2020 vai mais díficil de produzir que Israel 2019...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo22:01

      Nao sei porque. Tem todas as condicoes: arenas nao faltam, dinheiro tambem nao... Nao estou a ver...

      Eliminar
    2. Anónimo22:07

      A própria produção do Festival não gosto muito de trabalhar com a emissora russa...

      Eliminar
    3. Anónimo22:21

      Para não falar a forma como o governo e a polícia russa tratou a comunidade lgbt durante o mundial, se Rússia ganhar o ciclo de produção de 2020 vai estar repleto de protestos e ameaças de boicote

      Eliminar
    4. Anónimo07:25

      Isso nao afeta a produção...

      Eliminar
  4. Ainda não ouviram as canções e já tão todos a dizer q ele vai ganhar... Com isto ainda vai acabar como em 2016.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo22:22

      Deus te oiça

      Eliminar
    2. Anónimo23:07

      Provavelmente vai ser um Rybak 2.0 Hype e nada.

      Eliminar
  5. Que eu saiba ele não ganhou nenhuma Eurovisão. Por isso vamos ter calma e aguardar pela cancão

    ResponderEliminar
  6. Anónimo22:38

    Pronto temos vencedor, já não vamos ter que esperar mais do televoto! vencer a eurovisão não sei...

    ResponderEliminar
  7. Anónimo22:43

    Sergey que saudades de ti, Adeus Calema, temos vencedor.

    ResponderEliminar
  8. Achei a música dele no Esc pavorosa.

    ResponderEliminar
  9. Anónimo07:26

    Eu gosto dele mas preferia sinceramente quw a Russia aposta-se na Polina Gagarina outra vez.

    ResponderEliminar
  10. O Putin já ganhou mais um ESC!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo13:45

      Não sei como podes... és cá um troca tintas. Dizes que é a Finlândia só porque o representante é internacionalmente famoso por causa de “Sandstorm” e agora só porque ele já voltou. Meu caro artistas internacionalmente famosos e o ESC não combinam. Calçada e Bonnie foi o que foi. Os únicos que se safaram foram a Dami e o Guy. Ex-representantes só poucos e que melhoraram o resultado que antes tinhas. A esmagadora maioria ou piora ou mantém.

      Eliminar
  11. Já se viu que o júri não gosta muito dele.Com tanto alarido à sua volta em 2016 não conseguiu convencer os jurados e isso levanta uma questão: o que é que ele ou a sua comitiva estão a pensar criar que os leva a ficar convencidos de que desta é que vai ser?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo19:01

      Este ano a Ucrânia não regressa à Eurovisão depois de estar de fora um ano por motivos financeiros (ou outros motivos relacionados com a Rússia, cada um acredita no que quer) com uma canção com uma mensagem política contra a Rússia. A Austrália não vai enviar a Dami Im por isso deve ter um lugar no top 5 reservado mas talvez não chegue para o primeiro lugar dos júris. E agora o Sergey já é um ícone da Eurovisão e muitos anseiam o seu regresso. Deve ser isto que vai na cabeça deles.

      Eliminar
  12. Anónimo14:23

    Pobre diabo, se fosses doutro país podias viver fora do armário...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo15:46

      Mas ele é casado e tem um filho não entendo este comentário.

      Eliminar
    2. Anónimo18:54

      Tem um filho mas não é casado. Teve durante anos noivo de uma apresentadora de TV mas acho que se separaram antes de casar. Agora que a Ani Lorak se divorciou, há rumores que os dois estão juntos mas não acredito que passem de rumores. Por isso não parece que o seu interesse sejam os homens apesar de muitos assim o desejarem pelos vistos mas mesmo que fosse não era nada relevante para esta notícia por isso também não entendo este comentário.

      Eliminar
  13. Anónimo15:09

    Não percebo este "favoritismo" pelo rapaz, ainda para mais a dizer que será vencedor...

    Ele concorreu ao ESC com uma música super datada, com uma apresentação que era não mais do que um upgrade da atuação do Mans! O ESC já não é aquilo!!!

    ResponderEliminar