Itália: Il Volo admitem adiar a tournée no Japão para participarem no Festival Eurovisão 2019


Com quatro concertos agendados no Japão para a semana eurovisiva, o grupo italiano Il Volo garante que mudará as datas da tournée caso sejam chamados para o Festival Eurovisão 2019.

Os Il Volo, representantes de Itália no Festival Eurovisão 2015, disputam, na próxima semana, o Festival di Sanremo 2019, certame que será utilizado como final nacional de Itália para o Festival Eurovisão 2019,  em defesa da canção "Musica che resta". Contudo, nas redes sociais, muitos seguidores do grupo têm posto em causa a possibilidade dos Il Volo representarem o país em Telavive, visto que têm uma tournée de cinco dias no Japão para a segunda semana de maio.

"Se nos chamarem para a Eurovisão, renunciaremos ao concerto de 18 de maio" afirmou Piero Barone, um dos integrantes do grupo, em entrevista a TV Sorrisi e Canzioni, enquanto que Ignacio Boschetto garante que tal apenas será pensado após o concurso: "Antes de pensarmos no que acontecerá depois do Festival, pensaremos primeiro no Sanremo".

Yokohama (13 e 17 de maio), Tóquio (15 de maio) e Shibuya (18 de maio) são as cidades japonesas que receberão concertos dos Il Volo na semana eurovisiva, tendo estes concerto sido anunciados no final de novembro... de 2017.

Vencedor do Festival de Sanremo 2015, o grupo Il Volo representou Itália no Festival Eurovisão desse ano com 'Grande Amore'. Apesar da vitória no televoto europeu, a candidatura italiana terminou a competição no 3.º lugar com 292 pontos, recebendo a pontuação máxima de Portugal. Recorde a atuação de seguida:



Estreante em 1956, a Itália conta com 44 participações no Festival Eurovisão, tendo estado fora do certame entre 1997 e 2011, apesar de ter triunfado em 1964 e 1990. Ermal Meta e Fabrizio Moro venceram o Festival de Sanremo de 2018 com "Non Mi Avete Fatto Niente", adquirindo o direito de representar Itália em Lisboa, onde terminaram no 5.º lugar com 308 pontos. A candidatura italiana foi a segunda mais votada pelo público português (10 pontos), tendo sido a sétima mais pontuada pelo painel de jurados (5 pontos).


 Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: EurofestivalNews /Imagem: Google / Vídeo: Youtube

7 comentários:

  1. Anónimo21:53

    Que voltem com uma grande musica e levem o festival para Italia finalmente

    ResponderEliminar
  2. Anónimo12:32

    Com a actuação dos Il Volo em 2015, tivemos um belo exemplo de como uma performance em palco pode arruinar uma óptima canção. As imagens no ecrã LED são terríveis, os piscares de olho para a câmara são parolas, todo o contexto extremamente piroso. Com maior sobriedade, talvez se destacassem bem mais.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo13:40

      Eles tiveram um dos maiores resultados do televoto de sempre. Que comentário mais estranho.

      Eliminar
    2. Até posso concordar, mas o facto é que eles venceram o televoto

      Eliminar
    3. Não sei se a UER arriscará a deixar a RAI organizar um ESC depois das peripécias, baldas e atrasos que foi o ESC de 91
      Se tal acontecer acho que não corremos o risco de ter um apresentador a fazer figura de palhaço como naquele ano

      Eliminar
    4. Anónimo09:20

      O facto de uma canção vencer o televoto não significa maior qualidade ou espectáculo. A verdade é que se olha para a actuação e há algo de errado: uma actuação clássica cheia de momentos pirosos de boys band e planos de câmara a fazer lembrar um videoclip pimba.

      Eliminar
  3. Anónimo19:54

    Estes abdicam duma tournee. Já aqui em Portugal, o Marlon não participa no FdC, que já está marcado há semanas, por motivos...de agenda.

    ResponderEliminar