Israel: Keshet 12 contra a escolha de Erez Tal como apresentador do Festival Eurovisão 2019


A emissora privada Keshet 12 não aprova a escolha de Erez Tal como apresentador do Festival Eurovisão 2019, enquanto a KAN não aceite uma nova temporada do HaKokhav HaBa.

Depois de ter sido apontado como um dos apresentadores do Festival Eurovisão 2019, Erez Tal poderá estar fora do lote de anfitriões do certame internacional, devido a uma recusa da emissora privada Keshet 12. Segundo a Walla, a emissora privada está contra a escolha do apresentador, que pertence à Keshet 12, a menos que a emissora estatal KAN concorde e aprove uma nova temporada do HaKokhav HaBa, formato utilizado como final nacional e produzido pela emissora privada.


Em declarações à publicação, um delegado da KAN confirmou que "a Keshet 12 apresentou uma lista de condições e exigências", mas que a emissora pública "não pode facilmente cumprir as exigências de um órgão privado (...) Não podemos prolongar o contrato para a final nacional por mais um ano, porque estas coisas são apenas decididas por concurso público com validade de um ano". 

De realçar que, segundos rumores, a emissora estatal tenciona realizar o seu processo de seleção para o Festival Eurovisão num dos seus canais num futuro próximo, o que poderá culminar com o renascimento do Kdam e/ou no desenvolvimento num processo novo.

Estreante em 1973, Israel participou em 41 ocasiões na Eurovisão, totalizando quatro vitórias: 1978, 1979, 1998 e 2018. Em Lisboa, o país foi representado por Netta Barzilai e "Toy", tema vencedor da competição com 529 pontos, 2 deles oriundos de Portugal.


Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovoix /Imagem: Google / Vídeo: eurovision.tv

Sem comentários