[VÍDEO] Júlio Resende junta o rapper Sam Azura e o fadista Peu Madureira em "LisbonHood"


Júlio Resende lança "Cinderella Cyborg" a 5 de outubro. "LisbonHood", tema de apresentação do disco, junta o rapper Sam Azura ao fadista Peu Madureira.

Com data de lançamento marcada para 5 de outubro, Júlio Resende lançou, recentemente, "LisbonHood", tema de apresentação do álbum que, segundo o próprio, "é uma mini loucura". O compositor, segundo classificado no Festival da Canção de 2018, junta o piano ao rap, ao fado, aos beat e ao amor por se viver em Lisboa, amor dito por um estrangeiro "que vive cá e que, de facto, ama Lisboa". É o rapper Sam Azura, misturado também com a voz e o espírito do fado do Peu Madureira, terceiro classificado no Festival da Canção 2018, que canta as palavras do maior poeta lisboeta. É uma música para se ouvir alto e dançar alto, e se tudo correr bem, sentir saudade no final.

Neste novo trabalho, Júlio Resende aposta no seu lado autoral, de compositor de canções e pensador de melodias, descrevendo o álbum "Cinderella Cyborg" como "uma fantasia de união que demonstra que mesmo quando a vida nos parece madrasta, há uma história de amor que pode surgir em qualquer lugar". O lançamento do novo álbum está agendado para dia 5 de Outubro, sendo apresentado dia 2 de Novembro no Teatro Tivoli, em Lisboa, e dia 13 na Casa da Música no Porto.




Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte e Imagem: JulioResende/ Vídeo: RTP

1 comentário:

  1. Anónimo21:26

    É uma pena que o público que votou no festival da canção não tenha querido ser representado por este excelente compositor. O Júlio Resende é brilhante em tudo o que faz.

    ResponderEliminar