ESC2019: KAN recomenda Telavive para organizar o Festival Eurovisão 2019


A emissora israelita KAN recomendou à EBU/UER que Telavive seja a cidade anfitriã do Festival Eurovisão 2019, avança a imprensa do país.



As dúvidas poderão ter chegado ao fim: segundo a imprensa israelita, Telavive foi recomendada pela emissora KAN para que seja nomeada como cidade anfitriã do Festival Eurovisão 2019. A publicação avança também que a União Europeia de Radiodifusão (EBU/UER) deverá aceitar as recomendações da emissora israelita nos próximos dois dias, revelando que o certame deverá acontecer na segunda quinzena de maio, algo que não acontece desde 2015.

A candidatura de Telavive à organização do Festival Eurovisão 2019 é encabeçada pelo The New Pavilion 2, no Centro de Convenções de Telavive, arena com capacidade para 10 mil pessoas, tendo sido construída em 2015. A confirmar-se, a candidatura de Telavive supera assim a proposta de Jerusalém, cidade que tencionava organizar o evento no Pais Arena Jerusalem, recinto com capacidade para cerca de 15 mil pessoas.

Aceda, de seguida, aos artigos ESPECIAIS do ESCPORTUGAL acerca das duas cidades na corrida pela organização do Festival Eurovisão 2019:

Jerusalém - AQUI
Telavive - AQUI

Eilat (retirada) - AQUI

 Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovoix / Imagem: Google

3 comentários:

  1. Anónimo22:43

    Só espero que construam um palco mais pequeno do que os construídos nos últimos tempos, é um desperdício de espaço e lugares ter aqueles palcos enormes que as delegações não sabem/conseguem preencher

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo14:28

      Pelo contrario eu acho que os palcos pequenos como Kiev e Viena estragam tudo. Prefiro muito mais o de Compenhaga, Estocolmo e Lisboa. Para mim o que estraga as atuaçoes e que a EBU agora aposta muito em atuaçoes abertas com planos longos do palco e as vezes do publico. Acho que as atuaçoes que se ficam mais no artista e em planos pequenos são melhores. Por exemplo veja se a atuaçao da Georgia em Kiev. Tudo bem ate ao primeiro refrão mas depois e como se os planos abrissem demasiado e a atuaçao é estragada. Outro exemplo para mim e a Belgica este ano que estragou uma musica que facilmente faria top 10. Com uma atuaçao no palco principal, mais proxima e não tão aberta e em tons escuros.

      Eliminar
  2. Anónimo04:52

    Portugal já se inscreveu para o esc 2019?

    ResponderEliminar