Turquia: Primeiro-Ministro acusa EBU/UER de "planear" a vitória de Israel na Eurovisão


O primeiro-ministro turco Binali Yildirim garantiu que o país não tenciona regressar ao Festival Eurovisão, acusando a EBU/UER de "planear" a vitória de Israel em Lisboa.

Em entrevista à televisão turca, o primeiro-ministro Binali Yildirim respondeu a algumas questões sobre a participação da Turquia no Festival Eurovisão, tendo as declarações sido marcadas por duras críticas à EBU/UER e por diversas incoerências por parte do político. Descartando claramente um regresso ao evento, "não temos qualquer intenção", Binali Yildirim acusou a União Europeia de Radiodifusão (EBU/UER) de planear a vitória de Netta Barzilai em Lisboa, apesar da cantora não ser "muito boa cantora".

"Pela primeira vez, eles [a EBU/UER] permitiram que Israel vencesse a competição para que pudesse organizar no próximo ano. Eles mudaram o sistema de votação para garantir que tal acontecesse. Eles planearam tudo para que o Festival Eurovisão pudesse ser realizado em Jerusalém" afirmou o chefe de governo da Turquia, esquecendo-se da vitória de Israel em 1978, 1979 e 1998 (bem como das organizações em 1979 e 1999), além de que Israel teria sido o vencedor da edição em qualquer um dos anteriores modelos de votação da competição.

A Turquia estreou-se na competição em 1975, tendo participado por 34 ocasiões. Em 2003, Sertab Erener e o tema Everyway That I Can conseguiu a única vitória turca na competição, com um total de 165 pontos. A última participação da Turquia esteve a cargo de Can Bonomo e Love Me Back, que conseguiu o 7.º posto em Baku, cuja prestação pode recordar de seguida:


Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCxtra/ Imagem: Google /Vídeo: Eurovision.tv

4 comentários:

  1. O Tayyip devia estudar a história da Eurovisão...

    ResponderEliminar
  2. Boas notícias!

    ResponderEliminar
  3. Anónimo14:35

    A Netta não é uma boa cantora, ela na semifinal foi a pior no que toca a prestação vocal, não só desafinou, como parecia faltar-lhe o ar a certas alturas

    ResponderEliminar
  4. Anónimo16:57

    Ó Turquia ... ainda em estado de ressabiamento porque não sabem aceitar a presença de um juri no concurso e porque sabem que o televoto iria valorizar toda a porcaria abana abana a anca ... aquelas cortinas rosa de 2003 fizeram lhes muito mal.

    ResponderEliminar