Rosa López: "Eu sabia que Israel seria o vencedor do Festival Eurovisão 2018"


Rosa López, representante de Espanha no Festival Eurovisão de 2002, falou sobre a última edição do certame: "Eu gostava imenso da canção de Israel. E reparou que, novamente, a gordura não importou?".

A cantora Rosa Lopez marcou presença, ontem, no programa La noche de Rober, apresentado por Roberto Villar, com o Festival Eurovisão 2018 a ser uma das temáticas da conversa. Confrontada com o resultado de Alfred e Amaia, 23.º lugar em 26 candidatos, depois de ter garantido um top5 para a dupla, Rosa López brincou, admitindo que não falhou no prognóstico: "Eles ficaram, realmente, nos cinco primeiros... mas a contar do fim. Uma pena, mas eu não estava errada" afirmou, elogiando a canção espanhola como "uma belíssima canção com acordes naturais e simples e com uma melodia e letra lindíssimas, que poderia facilmente ouvir numa igreja".



Além disso, Rosa realçou também o 'excesso de peso' de Netta Barzilai, a cantora vencedora do concurso: "Devemos tirar da cabeça esta história de seremos gordos ou magros (...) Eu gostei imenso do canção de Israel e sabia que seria o vencedor. E reparou que, novamente, a gordura não importou?" afirmou, recordando a sua passagem pelo concurso em 2002, "Ela é gordinha como eu era em 2002. Mas canta incrivelmente bem e tem uma criatividade fora de série". Por fim, a cantora recordou a participação de Salvador Sobral em 2017: "A canção do Salvador era de uma verdade incrível, era pureza (...) Acredito que a sua vitória deu, à Eurovisão, uma volta tremenda".

Recorde, de seguida, as prestações de Espanha e Israel no Festival Eurovisão 2018:



Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ElEspanhol /Imagem: GOOGLE / Vídeo: Youtube

1 comentário:

  1. Anónimo18:41

    Cansativo a obsessao que esta mulher tem com o peso

    ResponderEliminar