Portugal: RTP com novo conselho de administração


Gonçalo Reis mantém-se como presidente da RTP, mas a restante equipa do conselho de administração é nova. A tomada de posse decorreu esta sexta-feira.

O novo conselho de administração da RTP, constituído por Gonçalo Reis (presidente), Hugo Figueiredo e Ana Fonseca (vogais), foi eleito, esta sexta-feira, para o mandato 2018-2020. Assim, Cristina Vaz Tomé e Nuno Artur Silva cessaram funções - duas das caras que vimos muitas vezes ligadas ao Festival Eurovisão da Canção, Cristina Tomé na área financeira e Nuno Artur Silva na programação.

Numa carta enviada hoje aos trabalhadores, a que a Lusa teve acesso e citada pelo Jornal de Notícias, o administrador cessante Nuno Artur Silva salienta que "foram três anos intensos" em que foi feita "uma mudança muito significativa no rumo da RTP, no sentido da prestação de um inequívoco serviço público de media". No entanto, reconhece que ainda "há muito por fazer, muito especialmente e com urgência, a requalificação técnica da empresa. Mas, como sabem, isso depende fundamentalmente de um reforço do financiamento, que é escasso para tudo o que é a missão da RTP. E esse reforço é uma decisão que não está na esfera de competência da administração", prossegue Nuno Artur Silva na mensagem de despedida. "Como falta dinheiro também para poder investir mais nos conteúdos, para podermos fazer melhores conteúdos. Porque esse, nunca o podemos esquecer, é o desígnio da RTP: ser uma empresa pública de conteúdos", acrescenta.

Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: JORNAL DE NOTICIAS / Imagem: RTP

Sem comentários