[VÍDEO] ESC2018: Canal oficial do Festival Eurovisão disponibiliza os 43 postcards do evento


Gravados de Norte a Sul do país, incluindo as ilhas, os 43 postcards do Festival Eurovisão 2018 já estão disponíveis no canal oficial do certame no Youtube.

Com o apoio do Turismo de Portugal, os representantes dos 43 países a concurso no Festival Eurovisão 2018 rumaram a Portugal, meses antes da competição, para gravar o postcard que foi transmitido antes da sua atuação eurovisiva. Depois da transmissão dos mesmos nos espetáculos que tiveram lugar no Altice Arena, o canal oficial do Festival Eurovisão no Youtube disponibilizou os postcards na plataforma digital.

Recorde-se que o fundo musical dos postcards tem como autor o músico e compositor Luís Figueiredo e executado pela Orquestra Filarmonia das Beiras, em Aveiro, conduzida pelo maestro António Vassalo Lourenço. 

Recorde, de seguida, os 43 postcards do Festival Eurovisão 2018, clicando no respetivo país. 


Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte/Imagem/Vìdeo: Eurovision.tv

14 comentários:

  1. Anónimo19:46

    Continuo a chorar a ver isto

    ResponderEliminar
  2. Anónimo21:11

    Estes postais foram feitos por alguém que não percebe nada de turismo de Portugal! Onde está a neve da Serra da Estrela? O Porto é só "palhaçada" (Itália)? Grande parte dos postais são de Lisboa, uma vez que quem fez os postais (Turismo de Portugal)nnão pesca nada daquilo que há nas noutras regiões do País, nem sabem que existe mais Portugal para além de Lisboa... Vergonhoso!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo23:01

      eu tanto que pedi a neve...fui até gozado.
      Quando apareceram fotografias do cantor da Suécia começaram logo a mandar bocas, mas a verdade é que não apareceu uma única imagem de neve. Absolutamente lamentável
      O Porto no postcard da Italia nem uma panoramica em condições mostra da Avenida dos Aliados...
      Mostram muito Lisboa porque é a cidade onde se realiza o evento e porque a câmara de Lisboa pagou 5 milhões de euros para a organização, mais até que a RTP.

      Eliminar
    2. Anónimo01:57

      nenhum turista internacional vem a portugal pra ir pra neve, simples e duro... a serra da estrela vende como parque natural belo, mas nao vende pela neve, onde a tem em média 2 meses por ano, e quando neva muito fica interrompida de se la subir... Portugal nunca terá um turismo internacional de neve, ponto final paragrafo... a maior parte dos que lá vao sao portugueses pra passar uma tarde a fazer sku com um plastico, e os brasileiros pra verem neve pela primeira vez na vida,,, esta é a realidade quer gostem ou nao.

      Eliminar
  3. Ricardo Alves21:14

    Com a ansia de fazerem metade dos postais em Lisboa, nao foram a algumas das mais importantes cidades de Portugal: Guimarães, Braga, Coimbra, Evora, Angra do Heroismo, Setubal...

    ResponderEliminar
  4. Anónimo21:24

    Confesso que esperava mais...

    ResponderEliminar
  5. Anónimo21:50

    Concordo com o Ricardo alves, tanta Lisboa e algumas cidades não só emblemáticas como importantes e lindas ficaram por mostrar........ :/

    ResponderEliminar
  6. Anónimo23:04

    Estão bem realizados, a música é bonita a qualidade da imagem e a produção são mt boas.
    Só não gostei da selecção que fizeram...não explora bem a enorme diversidade do país.
    Vimos mt mar, mt praia... O tiro saiu pela culatra porque notoriamente na maior parte dos postcards estava vento e frio pois os cantores estavam todos encasacados (a da Lituânia não estava e ia morrendo de frio).

    ResponderEliminar
  7. Anónimo23:46

    Muitas vezes diz-se que quem critica é "hater". Criticar não tem de ser dizer mal por dizer mal. Quando se iam divulgando os locais de filmagens dos "postcards", já se notava que haveria demasiados rodados em Lisboa. De imediato se achava que se estava a ser "hater" por se chamara a atenção para isso. Mas, sinceramente, representará a Feira da Ladra mais do que a Universidade de Coimbra? Será o interior do Mercado da Ribeira (o edifício nem foi filmado do exterior) mais atraente do que o centro histórico de Guimarães?

    ResponderEliminar
  8. Anónimo23:49

    Para mim foi o grande erro...foi tudo muito lindo e podem fazer os maiores elogios á RTP por causa da organização do ESC2018,mas sinceramente nunca vi Postcards tão pouco inspirados :( e eles até vieram á minha cidade e mais 2 sítios perto mas senti-me mesmo desiludida por ver em falta tantas terras mais interessantes e ainda por cima muitos dos postcards feitos em Lisboa eram no mínimo "MEH" mais do mesmo(o do Rybak então...).

    ResponderEliminar
  9. Anónimo23:53

    Os postcards ficaram muito bonitos e acima de tudo muito genuinos. Agora confesso que realmente fiquei desiludido por não terem ido a cidades chave como por exemplo Guimarães, Braga ou Coimbra!

    ResponderEliminar
  10. Anónimo19:17

    Chegaram a ir à ilha do Faial para filmarem areia. Ali ao lado a ilha do Pico, a montanha mais alta de Portugal, com uma beleza extraordinária, onde no alto, uma belíssima cratera e uma vista deslumbrante para as ilhas do grupo central, ficou para trás. Que falta de gosto destes técnicos portugueses que tomaram para si a responsabilidade deste trabalho. Até na gastronomia, foram filmar pratos arrepiantes, fazendo crer por todo o mundo que os portugueses comem de tudo e mais alguma coisa.... Que falta de gosto...

    ResponderEliminar
  11. Anónimo23:34

    Cidade de Angra do Heroísmo, património mundial, foi esquecida... que vergonha meu Deus.

    ResponderEliminar
  12. Anónimo23:53

    ...e a cidade berço de Portugal, Guimarães? O alicerce português passou despercebido aos olhos dos próprios portugueses. Estou triste.

    ResponderEliminar