Netta Barzilai: "Eu estava pronta para a vitória de Eleni Foureira"


A vencedora do Festival Eurovisão 2018 revelou que esteve "preparada para a vitória de Eleni Foureira em Lisboa" e que "desmaiou quando soube que não poderia usar o looper" na competição.


Netta Barzilai, vencedora do Festival Eurovisão 2018, deu, recentemente, uma entrevista ao jornal israelita Israel Hayom, onde revelou alguns pormenores sobre a sua preparação para o concurso que decorreu em Lisboa. "Eu nunca tive o pressentimento da vitória: ela nunca esteve no meu bolso em algum momento" afirma a cantora, garantindo que esteve sempre pronta para a derrota, apesar da vitória confortável, "Mesmo na final nacional, ou em qualquer momento da minha vida, eu tive de lutar pelo meu lugar... muitas vezes tive de lutar comigo mesma. Honestamente, eu não luto pelo que as pessoas pensam de mim, mas pelo que penso de mim própria".

Depois de perder a liderança das casas de apostas para a candidatura de Chipre, a cantora afirma que acreditou que Eleni Foureira seria a vencedora: "Eu estava pronta para a vitória de Eleni Foureira. Não me sentiria esmagada... porque toda a minha vida tem sido assim. Eu nunca tive nada e em toda a minha vida fui derrotada pelos padrões da sociedade. Sempre" defendeu, lamentando algumas perguntas de que foi alvo por parte dos jornalistas, "Quem faz perguntas assim? Tenho de perder peso para ter uma carreira de sucesso? Eu não vou dar importância ao pensamento destas pessoas... Se eu fizer dieta ou se quiser engordar, não é da conta de ninguém. Apenas da minha conta. (...) Mas um jornalista também me disse que eu não poderia regressar a Israel sem uma vitória. Mas quem é que diz isto antes de uma competição?".

A jornada em Lisboa também foi repleta de dificuldades para a equipa de Netta Barzilai, tendo as mesmas começado na primeira ronda de ensaios: "Percebemos no primeiro ensaio que o palco não tinha as dimensões que nos haviam sido fornecidas e tivemos de alterar muitas coisas (...) mas foi a primeira vez que me senti completamente conectada com as bailarinas e fez-me perceber que o nosso desempenho tinha tudo para triunfar. Acho que isto teve um grande impacto na atuação".

Contudo, a grande prova-de-fogo de Netta aconteceu em Israel, quando foi convidada para visitar Tamira Ywardeni, produtora da final nacional, com Yoav Tzafir: "Estávamos sentados no sofá e eles disseram que me tinham de contar grandes e más notícias. Serviram vinho e pensei que fosse um brinde... Quando o Yoav me disse que não podia atuar com o looper, pedi mais um copo de vinho. O meu mundo parou ali, não conseguia pensar em nada... e desmaiei. Sou uma artista looper. Todo o trabalho tinha sido com o looper. Sem ele, estávamos desistindo da nossa integridade profissional" confessou a cantora, mostrando-se, contudo, orgulhosa do trabalho em Lisboa.



Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Escxtra / Imagem/Vídeo: Eurovision.tv

2 comentários:

  1. Anónimo05:47

    Desculpem a minha ignorância, mas o que é um "looper"?

    ResponderEliminar
  2. Paulo Santos09:04

    É isto: https://youtu.be/gA3cCALqO5A
    No Israel Calling ela usou o looper, é fácil perceber a diferença.

    ResponderEliminar