ESC2018: Israel confirma vitória com a votação da OGAE Malta


Com a preferência da OGAE Malta e o quinto lugar alcançado por França, Israel confirmou a vitória das associações filiadas à OGAE International para o Festival Eurovisão 2018.


Habemus vencedor! Israel, representado por Netta Barzilai e "Toy", é o vencedor da votação das associações filiadas à OGAE International para o Festival Eurovisão 2018. A confirmação aconteceu esta tarde com a votação da OGAE Malta, a 37.ª de 44 associações a votar na edição. Os doze pontos rumaram a Israel, sendo que o quinto lugar alcançado por França, garantiu o triunfo da canção israelita. Portugal, juntamente com outros 13 países, continua sem qualquer pontuação.

Votação da OGAE Malta
12pts Israel
10pts Dinamarca
8pts Finlândia
7pts Austrália
6pts França
5pts Bulgária
4pts Ucrânia
3pts Chipre
2pts Suécia
1pt República Checa


Classificação Total (37 de 44)

1.º Israel - 376 pontos
2.º França - 291 pontos
3.º Finlândia - 192 pontos
4.º Austrália - 172 pontos
5.º República Checa - 152 pontos
6.º Bulgária - 150 pontos
7.º Bélgica - 129 pontos
8.º Grécia - 108 pontos
9.º Chipre - 87 pontos
10.º Suécia - 83 pontos

11.º Dinamarca - 81 pontos
12.º Estónia - 80 pontos
13.º Áustria - 62 pontos
14.º Itália - 54 pontos
15.º Bielorrússia - 22 pontos
16.º Alemanha - 22 pontos
17.º Ucrânia - 19 pontos
18.º ARJ Macedónia - 15 pontos
19.º Noruega - 13 pontos
20.º Espanha - 10 pontos
21.º Azerbaijão - 10 pontos
22.º Polónia - 5 pontos
23.º Lituânia - 5 pontos
24.º Irlanda - 4 pontos
25.º Reino Unido - 4 pontos
26.º Letónia - 3 pontos
27.º Sérvia - 2 pontos
28.º Moldávia - 2 pontos
29.º Rússia - 1 ponto

Sem pontuação: Albânia, Arménia, Croácia, Eslovénia, Geórgia, Holanda, Hungria, Islândia, Malta, Montenegro, Portugal, Roménia, São Marino e Suíça.



Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: OGAE Internacional / Imagem: ESCPortugal / Vídeo: Eurovision.tv

5 comentários:

  1. Luis Andre Santos17:55

    Está encontrado o 6.º lugar!

    ResponderEliminar
  2. Anónimo21:21

    Que tristeza! Ninguém vota no Jardim!

    ResponderEliminar
  3. DAN CARV10:02

    Nem sequer gosto de arroz de cabidela. Uma franga de quimono...será que está a ser patrocinada pelos chineses? É tudo tão estranho o que se está a passar à volta deste pseudotema.

    ResponderEliminar
  4. Anónimo10:52

    Fogo! Isto está a correr mesmo muito mal a O Jardim...

    ResponderEliminar
  5. Anónimo14:52

    O jardim deve ficar nos últimos lugares . Como aconteceu com a Áustria . Esperem e vejam

    ResponderEliminar