[Olhares sobre o A DAL 2018] Quem representará a Hungria no Festival Eurovisão 2018?


Oito canções estão na corrida para representar a Hungria no Festival Eurovisão 2018. Quem será o vencedor do A Dal 2018? Conheça as previsões do painel do Olhares sobre as finais nacionais.


Depois de três eliminatórias e duas semifinais, a Hungria seleciona, esta noite, os seus representantes para Lisboa. Oito candidatos estão na corrida, sendo que a votação decorrerá em duas rondas distintas. Na primeira ronda, cada jurado votará nas suas 4 canções favoritas, atribuindo 4, 6, 8 ou 10 pontos, sendo que as quatro canções mais votadas apurar-se-ão para a segunda ronda, onde o televoto irá decidir o vencedor do A Dal 2018.

Saiba AQUI como participar no Olhares sobre as finais nacionais.

Não perca mais tempo e conheça os favoritos do painel do Olhares sobre o A DAL2018:

Diogo Santos aposta em Viktor Király com "Budapest Girl"
Uma das finais nacionais que mais me cativa durante a temporada chega hoje ao fim. O A Dal 2018 ficou aquém das edições anteriores, mas apresentou-nos um respeitável lote de finalistas. A decisão não será fácil, com 4 ou 5 propostas bastante bem cotadas para representar a Hungria em Lisboa. Pessoalmente, aposto em Viktor Király e "Budapest Girl", uma canção descontraída e animada, mas que teria dificuldade em destacar-se em maio. yesyes ou AWS poderão por outro lado marcar pela diferença ou Tamás Horváth e Gergely Dánielfy poderão destacar-se pelas raízes etnicas das suas canções. Escolha difícil...



Hugo Sepúlveda aposta em AWS com "Vszlát nyár"
Espero que a Hungria não me faça uma desfeita e escolha AWS ou Leander Kills para Lisboa. Se for Yesyes também não é uma má escolha, mas estas duas têm uma força e uma energia fantásticas. Não são de todo o meu género, mas estou completamente viciado. Penso que faça falta ao Festival Eurovisão algo assim, como este rock húngaro. Entre as prováveis baladas e músicas comerciais, se a Hungria levar Aws vai ter uma oportunidade de se destacar imenso e com qualidade! Ao vivo já provaram que conseguem ter garra e força, por isso agora é só escolhê-los.



João Diogo aposta em yesyes com "I let you run away"
A Hungria apresenta uma final nacional bem ao seu estilo: bastante qualidade e com vários géneros musicais. Apesar de achar que os AWS vão vencer a competição, os meus favoritos são os yesyes. Um tema rock que fica facilmente na nossa memória e que com certeza proporcionaria um bom espetáculo em Lisboa.



João Jorge aposta em yesyes com "I let you run away"
Este ano, a Hungria apresentou algumas canções de excelente qualidade, com uma final marcada pela variedade de géneros musicais: pop, house, metal, rock n'roll, etc...Tenho de destacar o meu TOP3 pela originalidade, pelos toques melódicos e harmónicos que contem em cada um dos temas. Os Yesyes partirão como meus favoritos na Eurovisão caso ganhem o ''A Dal''. O vocalista Ádám Szabó, que já tinha participado no ano anterior com ''Together'', este ano apresenta-se com uma das melhores canções de sempre do concurso. Seguem-se os AWS, com um metal bastante indicado para o Festival Eurovisão, enquanto Király Viktor apresenta uma canção muito cativante e que fica no ouvido.

Nuno Carrilho aposta em Tamás Horváth com "Meggyfa"
Dentro da temática étnica em que apostou no ano passado, gostaria de ver a Hungria a apostar em Tamás Horváth e "Meggyfa". Uma canção bastante ritmada, animada e cativante, é muito bem defendida por Tamás Horváth e teria todas as condições para lutar por um bom resultado em Lisboa (apesar de parecer que tal não irá acontecer...). Viktor Király e Gergely Dánielfy seguem-se nas minhas preferências.


Nuno Reis Conceição aposta em Tamás Horváth com "Meggyfa"
Uma final marcada pela diversidade de géneros musicais e interpretações. O "A Dal 2018" traz-nos algumas propostas interessantes, assumindo protagonismo no meu Top a canção defendida pelo Tamás Horváth - "Meggyfa" (tem, de facto, algo especial, tornando-a bastante distinta). Em 2º lugar surge "Azt Mondtad", uma bela composição defendida pelo Gergely Dánielfy e, a fechar o pódio, a proposta irreverente dos AWS - o vocalista tem um aspecto angelical mas "parte a loiça toda" e, apesar de ser um género que não aprecio particularmente, reconheço-lhe potencial. A ver vamos quem defenderá as cores magiares em Lisboa...

Aceda, de seguida, aos resultados das votações dos 6 comentadores:

1.º Tamás Horváth - "Meggyfa" - 52 pontos
2.º yesyes - "I let you run away" - 52 pontos
3.º AWS - "Viszlát nyár" - 50 pontos
4.º Gergely Dánielfy - "Azt mondtad" - 47 pontos
5.º Viktor Király - "Budapest Girl" - 43 pontos
6.º Leander Kills - "Nem szól harang" - 31 pontos
7.º Gábor Heincz Biga - "Good Vibez" - 29 pontos
8.º Zsolt Süle - "Zöld a május" - 26 pontos



Quer participar  no Olhares sobre as finais nacionais? Saiba tudo AQUI.

Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCPortugal / Imagem e Vídeo: Eurovision.tv

Sem comentários